Durão Barroso recebe reforma antecipada de Bruxelas desde abril

José Manuel Durão Barroso encontra-se a receber a reforma antecipada pelos seus serviços à frente da Comissão Europeia desde o início de abril, disse à Lusa fonte oficial da Comissão em Bruxelas.

“Um antigo membro da Comissão tem o direito a uma pensão vitalícia a partir da data em que alcance os 65 anos de idade”, mas “pode pedir que o início do pagamento dessa pensão comece aos 60 anos“, informou a Comissão.

Nesse caso, indicou ainda a mesma fonte, “aplica-se um coeficiente de redução”, que, no caso de Durão Barroso é de 0.7 – pelo que o ex-presidente da Comissão Europeia estará a receber uma pensão um pouco acima dos 7 mil euros.

O pagamento de uma pensão ou de uma pensão antecipada por Bruxelas, “não limita o direito de um antigo membro da Comissão de assumir um novo emprego. Assim como também não há qualquer lei que proíba a acumulação da pensão com o salário de um novo emprego”, deixa claro a mesma fonte.

Apesar da inexistência de fundamentação legal, cerca de 80 mil pessoas tinham assinado, em agosto, uma petição apelando aos serviços da Comissão Europeia para travarem o pagamento da pensão a Durão Barroso.

A petição online – que agora tem mais de 149 mil assinaturas – foi organizada por trabalhadores da União Europeia que alegam que o comportamento do antigo presidente da Comissão ao aceitar a presidência não executiva do banco de investimento norte-americano Goldman Sachs se revelava como “irresponsável” e “moralmente repreensível”.

O texto da petição faz ainda referência ao papel da Goldman Sachs na crise do “subprime” nos EUA e na crise financeira da Grécia, considerando a escolha de Barroso ao aceitar a posição de “chairman” do banco norte-americano como um “símbolo desastroso” para a União Europeia e uma “dádiva de mão beijada aos euro-fóbicos”.

/Lusa

PARTILHAR

7 COMENTÁRIOS

  1. Lá es´tão os raivosos do costume, aqueles mandriões que nada fizeram ou fazem na vida a reclamar. E os anteriores comissários e presidentes não recebem ? Há muita genta cá e lá que só tem “caca” na cabeça. Eu não recebo mas gostaria, lá isso gostava.

  2. Não há duvida que tanto faz serem portugueses, holandeses, alemães, franceses, italianos ou outros quaiquer, esta gente aprende toda pela mesma cartilha.
    É incrivel como esta chulagem toda se governa, estejemos ou não em crise, façam ou não as maiores barbaridades quando desempenham cargos de poder, prejudicando muitas vezes a própria UE. Andamos todos a trabalhar (refiro-me agora apenas aos países que compõem a UE) para alimentar toda esta elite parasitária e oportunista.

  3. Só invejosos, se estivessem na situação deles queriam o mesmo, não percebo o porquê de ser noticia quando alguém de maneira legal pede reforma antecipada, sinceramente vê-se isso todos os dias em todas as áreas, o problema é não ganharem vocês? Eu sei que gostava de o ganhar e também vocês.

    E sim dª Carmo 7000 são trocos quando comparado com um jogador de futebol, provavelmente é o que um jogador de futebol gasta numa noite de $%#”$$ e vinho verde

  4. É tão triste e repugnante saber que os representantes da UE andam extremamente preocupados com a Ética do Barroso quanto ao lugar que vai ocupar (e não digo que seja contra ou a favor não é isso que venho discutir) mas sim que estes senhores há anos que depois do seu cargo recebem pensões vitalícias de valores exorbitantes e aí já é totalmente aceitável e ninguém coloca a ética em causa!

Crise entrou em nova fase mas mundo "não está fora de perigo", diz FMI

A diretora do Fundo Monetário Internacional (FMI), Kristalina Georgieva, disse esta quinta-feira que a crise provocada pela pandemia entrou numa nova fase, que exige flexibilidade para assegurar "uma recuperação sustentável e equitativa", alertando que o mundo …

China bane importação de ovelhas portuguesas

As alfândegas chinesas baniram as importações de ovelhas e produtos relacionados de Portugal, alegando um aviso da Organização Mundial de Saúde Animal sobre um surto de paraplexia enzoótica dos ovinos na Guarda. A notícia foi avançada …

Tânia já pode abraçar os filhos. Livrou-se do coronaírus ao 16º teste após 4 meses isolada

A algarvia Tânia Poço foi, finalmente, dada como "curada" de covid-19 após quatro meses de confinamento. Aquele que terá sido o caso mais prolongado da infecção em Portugal, chegou ao fim com o 16º teste …

Exame de Matemática A criticado. Prova "infeliz" não permite "distinguir" alunos

A Sociedade Portuguesa de Matemática (SPM) criticou esta quinta-feira a elaboração do exame nacional de Matemática A, prova realizada por mais de 38.699 alunos que pretendem concorrer ao Ensino Superior. No entender da SPM, "o …

Ninguém quer o novo aeroporto do Montijo. Medina apela a "avanço" na decisão

Autarcas e ambientalistas foram ouvidos, esta quarta-feira, no Parlamento, onde se discutiu o projeto do novo Aeroporto do Montijo. A posição de ambos parece clara: ninguém quer avançar com a ideia. A construção do aeroporto …

Pandemia acelera nos Estados Unidos. Uso de máscara pode salvar 40 mil vidas

Os Estados Unidos ultrapassaram pela primeira vez a barreira dos 70 mil casos de covid-19, nas últimas 24 horas, elevando para mais de 3,49 milhões o total de contágios no país, indicou a Universidade Johns …

Presidente polaco falou ao telefone com Guterres sobre a comunidade LGBT e a 2.ª Guerra (mas não era Guterres)

O recém-eleito Presidente da Polónia, Andrzej Duda, julgava que estava a conversar por telefone com António Guterres, secretário-geral das Nações Unidas. Falou-se da pandemia, da comunidade LGBT e da II Guerra Mundial. Porém, do outro …

Itália pediu ajuda, Europa ficou em silêncio e o vírus cavalgou por todo o continente

A lenta resposta a um inimigo invisível, a falta de stock de equipamentos de proteção, um Ocidente a festejar o Ano Novo e uma Europa com as atenções centradas no Brexit. Um cocktail desastroso que …

Empresas vão poder pedir lay-off em meses interpolados. Trabalhadores recebem subsídio de Natal a 100%

O novo apoio de lay-off que vai substituir o atual regime de lay-off simplificado a partir de agosto vai poder ser pedido pelas empresas em "meses interpolados", podendo desistir do regime e retomá-lo mais tarde. De …

Rombo na economia deixa orçamento retificativo à vista

O ministro das Finanças, João Leão, admitiu alterar as projeções de crescimento económico para 2020 com um orçamento retificativo. Em causa está uma queda mais acentuada da economia. A pandemia obrigou a um orçamento suplementar, onde …