Donald Trump escolhe membro do Tea Party para a CIA

Gage Skidmore / Flickr

O presidente eleito dos Estados Unidos, Donald Trump

O presidente eleito dos Estados Unidos, Donald Trump

O Presidente eleito dos Estados Unidos decidiu atribuir o Departamento de Justiça ao controverso senador Jeff Sessions e convidou Mike Pompeo, um republicano associado ao movimento conservador Tea Party, para chefiar a CIA.

Estas informações estão a ser avançadas pelos media norte-americanos que citam fontes próximas, não identificadas, da equipa de transição de Trump.

O possível novo procurador-geral dos EUA (o equivalente ao ministro da Justiça português) Jeff Sessions, de 69 anos, tem sido uma das vozes mais ativas contra a imigração ilegal, um dos principais temas da campanha eleitoral de Trump, que prometeu expulsar os cerca de 11 milhões de imigrantes ilegais que vivem atualmente em território norte-americano.

Oriundo do sul dos Estados Unidos, Sessions representa o estado do Alabama no Senado desde 1997 e assumiu protagonismo quando se opôs, durante as administrações de George W. Bush e de Barack Obama, a vários projetos para a regularização de imigrantes ilegais. Também tem gerado controvérsia por causa dos seus comentários racistas.

Atualmente, e desde abril de 2015, o cargo do procurador-geral é assumido pela advogada Loretta Elizabeth Lynch.

De acordo com fontes não identificadas da equipa de transição, igualmente citadas pelos media, o multimilionário convidou ainda para a liderança da Agência Central de Inteligência (CIA) Mike Pompeo, de 52 anos, que representa o estado do Kansas na Câmara dos Representantes.

Associado ao Tea Party (ala mais conservadora do Partido Republicano), Pompeo integrou a comissão de inquérito do Congresso – atualmente dominado pelos republicanos – sobre o ataque à missão diplomática americana em Benghazi (Líbia) em 2012, no qual quatro cidadãos americanos morreram, incluindo o embaixador Chris Stevens.

Num relatório de 800 páginas, esta comissão acusou a ex-candidata presidencial democrata Hillary Clinton, na altura do ataque secretária de Estado, de ter minimizado a ameaça ‘jihadista’ na Líbia.

Os media americanos estão ainda a avançar que o lugar de conselheiro para a segurança nacional será entregue ao tenente-general aposentado Michael Flynn, de 58 anos. Flynn chefiou os serviços secretos militares (Defense Intelligence Agency) entre 2012 e 2014.

A estação de televisão CNN referiu que um anúncio oficial sobre estas nomeações é esperado ainda hoje.

/Lusa

PARTILHAR

1 COMENTÁRIO

  1. Mais uma notícia cínica… Quando a fonte dos merdias ocidentais é a CNN, e que esta insinua ou diz mal de alguém, é porque não é verdade. Os jornalistas incompetentes e corruptos são fáceis de apanhar e usam sempre a CNN (ou amigos) como referência para mentir ao público.

RESPONDER

Estado de Nova Iorque com mais mortes por Covid-19 do que França ou Espanha

Os Estados Unidos registaram 1.252 mortos e 63.913 infetados com o novo coronavírus nas últimas 24 horas, segundo uma contagem independente da Universidade Johns Hopkins. Os últimos números de casos e óbitos registados devido a Covid-19 …

Turistas voltam a viajar, mas optam pelo low-cost

Mesmo num contexto de pandemia mundial o desejo de ir de férias continua vivo. Os turistas voltaram a procurar voos, contudo as opções recaem em percursos de curta distância e mais económicos. Ao longo dos últimos …

Ventura anuncia recandidatura ao Chega e só sai do parlamento quando “metade daquela esquerda" sair

André Ventura anunciou esta noite a recandidatura à liderança do Chega, numa cerimónia em Leiria em que disse que só vai sair do parlamento “quando metade daquela esquerda sair”. “Estamos a fazer uma revolução democrática e …

Esqueletos revelam que fosso entre ricos e pobres começou a abrir-se há 6.600 anos

A análise a ossos encontrados numa sepultura na Polónia mostram que o fosse entre ricos e pobres na Europa começou a abrir-se muito antes daquilo que se pensava. O desaparecimento da classe média é um problema …

Super-Terras quentes podem ter atmosferas metálicas brilhantes

Os cientistas querem perceber porque é que as super-Terras quentes possuem um brilho tão chamativo - e já há uma hipótese em cima da mesa. Os exoplanetas, chamados de super-Terras quentes, podem ser particularmente brilhantes e …

As larvas de peixe-sol são adoráveis (mas crescem e tornam-se gigantescos "nadadores")

Uma equipa de cientistas australianos e neozelandeses descobriram as fases iniciais da larva gigante de peixe-sol. Pela primeira vez, o sequenciamento de ADN identificou as larvas do peixe-sol (Mola alexandrini). O peixe-sol, conhecido cientificamente como Mola …

Telescópio Webb vai estudar Júpiter, os seus anéis e duas intrigantes luas

Júpiter, que tem o nome do rei dos antigos deuses romanos, comanda a sua própria miniversão do nosso Sistema Solar de satélites circundantes; os seus movimentos convenceram Galileu Galileu de que a Terra não era …

Turista danifica escultura do século XIX enquanto posa para fotografia (e é apanhado pelas câmaras de vigilância)

A polícia italiana identificou um austríaco de 50 anos que danificou uma estátua do século XIX num museu em Itália, enquanto posava para uma fotografia. O incidente ocorreu no passado dia 31 de junho, segundo …

Covid-19: Brasil supera as 100.000 mortes

O Brasil ultrapassou hoje a barreira das 100.000 mortes associadas à covid-19, quase cinco meses depois da confirmação do primeiro óbito no país, indicam dados oficiais divulgados pelas secretarias regionais de Saúde. Segundo os mais recentes …

As vacas leiteiras têm relações complexas (que se alteram quando mudam de grupo)

Uma nova investigação levada a cabo por cientistas do Chile e dos Estados Unidos concluiu que as vacas leiteiras vivem em redes sociais complexas que se alteram quando estes animais são movidos para outros grupos.  Para …