Dolores O’Riordan. Calou-se uma das grandes vozes irlandesas

A morte da cantora Dolores O’Riordan, vocalista da banda irlandesa The Cranberries, cala uma das vozes mais caterísticas das últimas décadas, inconfundível em clássicos como “Zombie”, “Dreams” e “Linger”.

A artista morreu nesta segunda-feira de forma súbita em Londres, onde participava numa sessão de gravação, após ter recentemente superado problemas de saúde que obrigaram a banda a cancelar um tour mundial no ano passado.

Dolores O’Riordan, de 46 anos, parecia ter recuperado a força da sua voz, tal como ela própria explicou em dezembro na página dos Cranberries no Facebook, onde comemorou o primeiro show “em meses”, realizado em Nova York, e comentou que se sentia “genial”.

Nascida na pequena cidade de Ballybricken, Dolores Mary Eileen O’Riordan destacou-se muito cedo pela sua capacidade como cantora para modular as cordas vocais e alternar graves e agudos, num estilo tradicional irlandês que juntou com sucesso ao pop/rock/grunge dos Cranberries.

Também tecladista e guitarrista, foi casada com o empresário musical Don Burton, ligado aos britânicos Duran Duran, mas os dois separaram-se em 2014 após quase 20 anos de casamento, durante o qual tiveram três filhos.

Na sua cidade natal, Dolores conheceu no fim da década de 1980 os outros três músicos com os quais formaria os Cranberries: Feargal Lawler (bateria), Mike Hogan (baixo) e Noel Hogan (guitarra).

Após um começo frustrante, a banda cativou milhões de pessoas nos anos 90, década na qual publicaram seus lendários “Everybody Else Is Doing It, So Why Can’t We?” (1993) e “No Need To Argue” (1994).

Na segunda metade dos anos 90, o sucesso foi decaindo até à chegada do quinto álbum, “Wake Up And Smell The Coffee” (2001). Dois anos mais tarde, deu-se a separação do grupo, cujos membros investiram em carreiras a solo.

Durante este período, Dolores O’Riordan lançou dois álbuns, “Are You Listening?” (2007) e “No Baggage” (2009), mas nunca alcançou a fama dos primeiros trabalhos com os Cranberries. Os quatro reuniram-se mais tarde, em 2010, para um tour pelos Estados Unidos e Europa e, dois anos depois, lançaram o sexto album de estúdio, “Roses“.

theradicallight / Flickr

Dolores O’Riordan, The Cranberries

Após este tour, Dolores O’Riordan processou Noel Hogan, guitarrista e co-autor da maioria das músicas da banda.

Em 2016, a cantora foi notícia pelo disco que gravou ao lado do baixista do The Smiths, Andy Rourke, com uma nova banda chamada D.A.R.K., e pela multa de 6 mil euros que teve que pagar por cuspir e dar uma cabeçada num agente da policia após ser detida por agredir uma hospedeira de bordo num avião.

Após superar as diferenças nos tribunais, os Cranberries reuniram-se novamente para uma turnê que começou na Polônia, em junho de 2016. O ano passado, o grupo lançou o trabalho acústico “Something Else“, no qual revisitaram músicas do início da carreira com a Orquestra de Câmara Irlandesa e incluíram três composições novas.

No início do mês de maio, o grupo foi obrigado a cancelar os espectáculos agendados devido aos problemas de saúde de Dolores. Desde então, pouco se soube sobre a cantora, que tinha voltado ao estúdio, segundo apontou a sua agência ao comunicar a sua morte, sem dar detalhes sobre o projecto em que a artista trabalhava.

Quando a vida é perfeita, torna-se um tédio. É preciso desafiarmo-nos, pois isso dá-nos uma razão para viver”, disse Dolores um dia em entrevista à Agência EFE.

// EFE

PARTILHAR

RESPONDER

O que causou um enorme buraco na camada do ozono em 2020? A ciência já pode ter resposta

O grande buraco que se abriu na camada do ozono no ano passado pode ter sido desencadeado por temperaturas recordes, durante o inverno, no oceano Pacífico Norte, indicam novas análises. O enorme buraco, que se formou …

Rio diz que Governo “procura influenciar voto" com “notícia positiva” pré-eleições

O presidente do PSD defendeu que o Governo “se esforçou” por, em cima das autárquicas, dar uma notícia positiva aos portugueses sobre a pandemia, considerando que deveria tê-lo feito há mais tempo ou então só …

Um habitat demasiado perfeito pode ser pior para o acasalamento dos pandas

Apesar de serem necessários habitats para a sobrevivência dos pandas gigantes, estes animais têm uma maior tendência para reproduzir se não houver abundância de recursos. Este ano, as autoridades chinesas disseram que os pandas gigantes deixaram …

Computador quântico ajuda a criar um computador quântico melhor

Um computador quântico foi usado para projetar um qubit aprimorado que poderá alimentar a próxima geração de computadores quânticos mais pequenos, de alto desempenho e mais confiáveis. Da mesma forma que um bit binário é a …

Em apenas três anos, a Austrália perdeu um terço dos seus coalas

A seca, os incêndios florestais e a desflorestação na Austrália levaram o país a perder um terço dos seus coalas nos últimos três anos. A Austrália perdeu cerca de 30% dos seus coalas nos últimos …

Há modelos matemáticos que preveem se uma música vai ser viral — os mesmos utilizados com a covid-19

O uso de modelos matemáticos para antecipar o nível de sucesso de uma música pode começar a ser usado, a partir da publicação do presente estudo, por artistas e editoras para melhorar o desempenho dos …

Alemanha. Funcionário de posto de combustível abatido a tiro por cliente que se recusou a usar máscara

Um homem de 49 anos matou um funcionário de um posto de combustível na Alemanha, após tentar comprar cerveja sem utilizar a máscara. No país, o uso deste equipamento de proteção é obrigatório para entrar …

Um violino gigante flutuou no Grande Canal de Veneza (ao som de Vivaldi)

No passado fim de semana, um violino gigante, com quase 12 metros de comprimento, desceu o Grande Canal de Veneza. A bordo estava um quarteto de cordas, que tocou Four Seasons de Vivaldi. O Noah's Violin …

Assembleia de credores aprova recuperação da Groundforce

Esta quarta-feira, os credores da Groundforce aprovaram a recuperação da empresa. Em causa está uma dívida de 154 milhões de euros. Os credores da Groundforce, reunidos esta quarta-feira em assembleia de credores, no tribunal de Monsanto, …

Europeus acreditam numa "guerra fria" entre os EUA e a China e Rússia

A maioria dos cidadãos da União Europeia (UE), 62%, considera que os Estados Unidos (EUA), com apoio das instituições comunitárias, estão numa nova "guerra fria" com a China, mas recusam envolvimento nacional, revelou um inquérito …