Documentos da CIA revelam colisão de submarinos que quase provocou 3ª Guerra Mundial

US Navy / Wikimedia

O USS James Madison, submarino nuclear norte-americano classe Poseidon

O USS James Madison, submarino nuclear norte-americano classe Poseidon

A Agência Central de Inteligência dos EUA desclassificou documentos sobre uma colisão entre um submarino norte-americano e um soviético em 1974, em plena Guerra Fria.

O jornal britânico The Times analisou o caso e as suas possíveis consequências, que felizmente nunca chegaram a acontecer.

Há muito tempo que correm boatos sobre uma colisão entre um submarino norte-americano e outro soviético. Porém, até agora não havia nenhuma confirmação oficial de qualquer incidente do género. Mas tudo mudou depois de a imprensa britânica ter tido acesso a um documento desclassificado da CIA que confirma o acidente.

“Acabamos de receber uma mensagem do Pentágono segundo a qual um dos nossos submarinos Poseidon colidiu com um submarino soviético”, diz uma comunicação datada de 3 de novembro de 1974.

Na época, a Marinha dos Estados Unidos tinha uma base nuclear na localidade escocesa de Holy Loch. O submarino de mísseis balísticos USS James Madison (SSBN-627), que transportava 160 ogivas nucleares, estava a partir da base naval quando chocou com um submersível soviético, que se preparava para seguir o navio norte-americano.

“Ambos os navios subiram à superfície, mas o submarino soviético submergiu imediatamente a seguir. Por enquanto, não há informações quanto aos danos. Manteremos contacto”, acrescenta a mensagem secreta.

Segundo o Daily Mail, este acidente podia ter acarretado consequências muito graves para o mundo inteiro, e poderia até ter provocado uma 3ª Guerra Mundial.

Em declarações ao The Times, o perito militar Hans Kristensen diz que a colisão poderia ter sido interpretada por qualquer das partes como um ataque, e provocado uma retaliação em cadeia – eventualmente conduzindo à 3ª Guerra Mundial.

Além disso, diz Kristensen, as ogivas nucleares poderiam ter simplesmente detonado com a colisão e provocado o afundamento de ambos os submarinos, com mortes massivas de ambos os lados.

A mensagem que anuncia a colisão foi mantida em segredo durante mais de 40 anos, e foi agora encontrada entre mais de 13 milhões de documentos desclassificados pela CIA este mês de janeiro.

Os arquivos contêm documentos de um período entre os anos de 1947 e 1992, havendo dados sobre as atividades da CIA durante a Guerra Fria, guerras da Coreia e do Vietname, os programas de estudo dos OVNI, percepções extra-sensoriais e outros fenómenos paranormais.

PARTILHAR

RESPONDER

"Emergência arqueológica". O degelo dos Alpes está a "libertar" artefactos escondidos há milhares de anos

As alterações climáticas podem estar a ajudar os arqueólogos a encontrar artefactos escondidos nos glaciares do Alpes há milhares de anos. O derretimento dos glaciares dos Alpes está a "liberta" objetos que permaneceram congelados no tempo …

Thermite RS3 é o primeiro robô de combate a incêndios dos EUA (e está pronto a entrar ao serviço)

O Corpo de Bombeiros de Los Angeles, nos Estados Unidos, deu as boas-vindas ao mais recente membro da equipa: um bombeiro robótico. O Thermite RS3 é um rover de controlo remoto capaz de bombear milhares de …

Inventor dinamarquês que matou jornalista no seu submarino escapou da prisão (mas já foi apanhado)

O inventor dinamarquês Peter Madsen, condenado a prisão perpétua por torturar e assassinar a jornalista sueca Kim Wall, fugiu da prisão esta terça-feira.  As autoridades dinamarquesas capturaram-no minutos depois. Peter Madsen, o dinamarquês condenado a prisão …

Molécula descoberta por menina de 14 anos pode levar a uma cura para a covid-19

A jovem norte-americana de 14 anos, Anika Chebrolu, descobriu uma molécula que pode levar a uma potencial cura para a covid-19. Enquanto cientistas dos quatro cantos do mundo trabalham no desenvolvimento de uma vacina para a …

Cerca de 1.300 reclusos fogem de prisão no Congo após ataque do Estado Islâmico

Cerca de 1.300 reclusos escaparam de uma prisão na República Democrática do Congo na manhã de terça-feira, após um ataque reivindicado pelo Estado Islâmico, informou a Organização das Nações Unidas (ONU). Embora as autoridades locais tenham …

Amesterdão vai usar flores para impedir que os ciclistas estacionem bicicletas nas pontes

A cidade conhecida pelo uso de bicicletas, vai agora tomar uma medida em relação ao estacionamento destas nas pontes. Tudo para proteger as vistas para os seus famosos canais. Amesterdão orgulha-se de ser uma das cidades …

Morreu voluntário envolvido no ensaio da vacina de Oxford. Tinha 28 anos e era médico recém-formado

As autoridades de saúde brasileiras divulgaram esta quarta-feira a morte de um voluntário dos testes da vacina contra a covid-19, desenvolvida pelo laboratório AstraZeneca e pela Universidade de Oxford. A Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa), …

Milo, o "comunicador de ação" que permite conversar em grupo durante atividades ao ar livre

Chegou o Milo, o novo aparelho que vai revolucionar as aventuras em grupo. Este pequeno dispositivo permite-lhe conversar com o seu grupo à distancia sem precisar de levar o smartphone para o meio da montanha, …

Roubar aos ricos para dar aos pobres. Misterioso grupo de hackers desviou dinheiro para doar à caridade

Um misterioso grupo de hackers, conhecidos como hackers Darkside, doou dinheiro a duas instituições de caridade - mas esse dinheiro foi roubado pelo mesmo grupo a grandes corporações através de um ataque de ransomware. Quase podia …

Desatualizados e com erros. IA vai vasculhar milhares de documentos da Casa Branca

O Escritório de Administração e Orçamento da Casa Branca (OMB) disse que as agências federais vão usar inteligência artificial (IA) para eliminar requisitos desatualizados, obsoletos e inconsistentes em dezenas de milhares de páginas de regulamentos …