Documentário denuncia casos de pedofilia na Polónia. Igreja pede investigação ao Vaticano

O centenário do nascimento do papa João Paulo II, celebrado solenemente este fim de semana na Polónia, foi ensombrado pela exibição de um documentário sobre atos de pedofilia na Igreja católica e sob a cobertura de um bispo local que é citado.

Pouco após a difusão do filme “Jogo de escondidas”, seguido em direto no YouTube por cerca de 80 mil pessoas, o primado da Polónia, arcebispo Wojciech Polak, apelou à Santa Sé para “iniciar procedimentos” sobre os casos citados. Dez horas mais tarde, o contador indicava 1,15 milhões de visitantes.

O documentário, o segundo do género, realizado pelo jornalista independente Tomasz Sekielski, refere-se em detalhe à história de dois irmãos, vítimas entre outros de abusos sexuais cometidos por um padre que beneficiava da proteção tácita mas evidente de Edward Janiak, atualmente bispo titular de Kalisz (centro).

“O filme Jogo de escondidas, que acabo de ver, demonstra que as normas de proteção das crianças e dos adolescentes em vigor na Igreja não foram respeitadas”, reagiu o primado da Polónia em mensagem vídeo difundida pela agência noticiosa católica KAI.

“Na minha qualidade de delegado do episcopado para a proteção das crianças e dos adolescentes, solicito à Santa Sé, através da sua nunciatura, que abra um procedimento em virtude du motu proprio [uma carta apostólica] do papa Francisco sobre a omissão de uma reação legalmente obrigatória”, insistiu.

O filme, unicamente financiado por coleta pública, acusa o procurador de proteger sistematicamente os representantes da Igreja, ao designadamente transmitir dossiers de inquérito aos eclesiásticos interessados, durante o seu exame, de acusações desde logo rejeitadas pela procuradoria nacional.

Em comunicado, o procurador indica ter indiciado formalmente o padre Arkadiusz Hajdasz por abusos sexuais de menores, em setembro de 2019. Mas os procuradores não citam em qualquer parte do processo o nome do bispo Janiak.

O anterior documentário de Tomasz Sekielski, intitulado “Não digas a ninguém”, divulgado há um ano, foi visto 23,5 milhões de vezes no YouTube.

Na ocasião provocou um choque e reação ao mais alto nível da hierarquia eclesiástica e do poder, mas de seguida o tema quase desapareceu do espaço público.

Mas em outubro, um tribunal polaco associou a “tortura” os atos de pedofilia perpetrados na década de 1980 por um padre católico, implicando a sua prescrição, uma decisão sem precedentes na Polónia.

As indemnizações às vítimas pela Igreja católica institucional ainda são raras na Polónia.

Os dois filmes de Sekielski questionam a responsabilidade da hierarquia católica, mas sem abordarem a ausência de reação durante o pontificado do papa João Paulo II, que continua a ser venerado na Polónia.

No entanto, Tomasz Sekielski já anunciou um próximo documentário sobre “o papel de JPII na dissimulação dos crimes perpetrados por padres”. Os autores planeiam fazer mais dois filmes, focados na figura do papa João Paulo II, o polaco Karol Wojtyla.

Diversas manifestações, missas e concertos difundidos na internet estão incluídos nas celebrações em memória de João Paulo II, que nasceu em 18 de maio de 1920 em Wadowice, no sul da Polónia.

ZAP // Lusa

PARTILHAR

1 COMENTÁRIO

RESPONDER

Sarkozy acusado de "associação criminosa". Investigação sobre ligações à Líbia continua

Nicolas Sarkozy, o antigo Presidente francês, está a ser acusado de "associação criminosa" como parte de uma investigação sobre o financiamento da sua campanha presidencial de 2007, particularmente acerca dos seus alegados vínculos com o …

A última década foi a mais quente do Oceano Atlântico em três milénios

A última década foi a mais quente do Oceano Atlântico em quase três milénios, aponta uma nova investigação da Universidade de Massachusetts em Amherst, nos Estados Unidos, e da Universidade de Quebec, no Canadá. As …

NASA apresenta rover "transformer" que vai explorar os penhascos íngremes de Marte

A NASA acaba de apresentar um rover de quatro rodas, denominado DuAxel, que se pode dividir em dois rovers de duas rodas separados. O robô foi projetado para, um dia, explorar alguns dos terrenos mais …

Veneno de vespa pode ter muito "potencial" na composição de antibióticos

Com o passar dos anos, a população começa a ficar mais resistente a certos medicamentos e estes deixam de fazer efeito. Agora, uma equipa de investigadores desenvolveu novas moléculas anti-microbianas a partir do veneno de …

"Ou és infetado ou morres de fome". Trabalhadores da Amazon nas Filipinas denunciam condições precárias

Trabalhadores contratados pela empresa de segurança Ring da Amazon que trabalham em call centers nas Filipinas denunciam condições de trabalho que dizem ser precárias, mostrando-se ainda mais preocupados com a situação por causa da pandemia …

"Momento muito duro". André Almeida sofreu rotura de ligamentos e arrisca paragem longa

O futebolista internacional português André Almeida sofreu uma entorse do joelho direito, que resultou numa “rotura do ligamento cruzado anterior e do ligamento lateral interno”, informou esta segunda-feira o Benfica. O lateral dos encarnados saiu aos …

Apoio à retoma. Empresas com perdas de 25% podem reduzir horário até 33% já esta terça-feira

Empregadores com quebra de faturação igual ou superior a 25% vão poder reduzir até 33% o horário dos trabalhadores, entre outubro e dezembro, segundo a alteração ao regime de retoma progressiva de empresas em crise. O …

Chega quer tornar voto obrigatório e sanções para quem não cumprir

O deputado único do Chega entregou uma nova proposta no âmbito do projeto de revisão constitucional do partido para tornar o voto obrigatório para todos os cidadãos que o possam exercer e sanções para quem …

A Alemanha quer tornar o teletrabalho um direito legal

O Governo alemão prepara-se para publicar um projeto de lei que dará aos trabalhadores do país o direito legar de trabalhar a partir de casa. A medida aplicar-se-á a todos as atividades laborais que possam …

Novo surto em lar de Beja e 90 alunos em isolamento em Famalicão

Um surto de covid-19 identificado no Lar de Idosos do Centro Paroquial e Social do Salvador, em Beja, já infetou 31 pessoas, sendo 24 utentes e sete funcionários, divulgou a Unidade Local de Saúde do …