Disney debaixo de fogo. Críticas apelam ao boicote do novo filme Mulan

Divulgação / Walt Disney Pictures

A Disney está a ser alvo de fortes críticas por ter gravado o novo filme Mulan em locais da China onde há suspeitas de graves abusos dos direitos humanos.

O filme Mulan foi lançado na sexta-feira, dia 4 de setembro, depois de vários adiamentos devido à pandemia de covid-19. Parte do filme foi gravado em Xinjiang, o local de alegados abusos aos direitos humanos contra o povo indígena Uighur e outras minorias muçulmanas.

A Disney está agora a ser alvo de fortes críticas, nomeadamente pelo facto de os créditos finais do filme incluírem “agradecimentos especiais” a oito entidades do governo de Xinjiang, incluindo a Secretaria de Segurança Pública de Turpan, uma cidade no este de Xinjiang onde vários campos de re-educação foram identificados.

De acordo com a BBC, as estimativas apontam para cerca de um milhão de pessoas detidas contra a sua vontade, a maioria Uighurs muçulmanos. A China diz que os campos de detenção são necessários para melhorar a segurança.

O novo filme também expressa agradecimentos ao departamento de propaganda do Partido Comunista Chinês em Xinjiang.

Segundo o SAPO, apesar de o filme ter estreado este ano, em 2017, Niki Caro, a realizadora de Mulan, publicou fotografias da capital de Xinjiang (Asia/Urumqi) no Instagram. O ano seguinte é apontado como o ano do início da construção dos campos de re-educação em Xinjiang e, na altura, num comentário podia ler-se “Tenha vergonha, #BoycottMulan e fale contra o genocídio Uyghur”.

Por sua vez, Adrian Zenz, especialista em questões sobre a China, partilhou no Twitter um documento que prova que a menção mais recente a estes campos é de agosto de 2013.

O documento fala em campos “re-educação de “determinados grupos” para “erradicar o solo para a propagação de extremismos religiosos”. À BBC, o especialista disse que a Disney é uma “empresa internacional a lucrar na sombra de campos de concentração”.

“A Disney deve divulgar os detalhes sobre as devidas diligêncisa de direitos humanos que realizou – se as houve – antes de tomar a decisão de filmar em Xinjiang, que acordos fez com as autoridades de Xinjiang para fazer as filmagens e que assistência recebeu das autoridades”, escreveu Yaqiu Wang, investigadora da Human Rights Watch China, na mesma rede social

O filme foi diretamente para os serviços de streaming da Disney Plus, sem nunca ter passado pelas salas de cinema do mundo. Aliás, o único país onde Mulan figura nos grandes ecrãs dos cinemas é a China.

ZAP ZAP //

PARTILHAR

4 COMENTÁRIOS

  1. Com franqueza, já não sabem que inventar. Desliguem os vossos iphones e todos os telemóveis com um martelo… são todos feitos na China.

RESPONDER

A linguagem de Benoit está a morrer. O senegalês quer salvá-la através da música

O senegalês Benoit Fader Keita está a usar o poder da música para salvar a sua linguagem, ménik, que tem apenas 3 mil falantes e está em risco de extinção. Benoit Fader Keita nasceu no Senegal …

Doença cerebral misteriosa intriga médicos no Canadá

 A doença misteriosa foi identificada, pela primeira vez, em 2015, num doente considerado um "caso isolado e atípico". Há quase dois anos, Roger Ellis desmaiou depois de ter tido uma convulsão durante o 40.º aniversário de …

Estudo sugere que há quatro tipos de Alzheimer

Uma equipa de investigadores sugere que há quatro tipos da doença de Alzheimer, que atacam diferentes zonas do cérebro e têm sintomas distintos. Um novo estudo sugere que o Alzheimer é uma doença bem mais complexa …

Jovens tentam salvar vidas na Índia através do Youtube. Plataforma elimina vídeos por serem "perigosos"

A Índia continua a debater-se com a grave crise sanitária desencadeada pela covid-19. Jovens indianos publicaram no Youtube vídeos a produzir oxigénio em casa, usando processos químicos ensinados nas escolas. A plataforma eliminou-os. De acordo com …

Shuvuuia era um dinossauro do tamanho de uma galinha, que caçava às escuras

Os investigadores descobriram que Shuvuuia, um pequeno dinossauro do tamanho de uma galinha, tinha uma excelente audição e visão noturna, que lhe permitiam caçar de noite. São poucas as aves que têm aquilo que é preciso …

Na China, é ilegal pedir comida em excesso nos restaurantes

A China aprovou uma lei anti-desperdício de alimentos que proíbe clientes de restaurantes de pedirem mais do que precisam, uma legislação abrangente pode prejudicar a experiência de comer fora de casa. A lei, que entrou em …

Sindicato de pilotos denuncia pedidos da TAP para voos em folga

O Sindicato dos Pilotos da Aviação Civil (SPAC) denunciou pedidos da Transportadora Aérea Portuguesa (TAP) para que alguns trabalhadores efetuem voos em dias de folga, ao mesmo tempo que afirma ter pilotos em excesso. Num email …

Bayern Munique 'festeja' nono título consecutivo com goleada

O Bayern Munique coroou este sábado o seu nono título consecutivo na Liga alemã de futebol com uma goleada no triunfo diante do Borussia Moenchengladbach (6-0), num jogo com um hat-trick de Lewandowski. Antes de pisar …

A piscina infinita mais alta do mundo fica no Dubai

Haverá poucas coisas tão libertadoras como dar um mergulho numa piscina infinita com vista para o oceano. Agora, quem visitar o Dubai poderá fazê-lo numa piscina a quase 300 metros acima do nível do mar. Segundo …

"Polskie Babcie", as avós que lutam pela democracia na Polónia

Um grupo de idosas polacas organiza protestos, todas as semanas, para lutar pela democracia no país, governado pelo partido de direita nacional-conservador e democrata-cristão Lei e Justiça (PiS). É hora de ponta em Varsóvia, capital da …