Diretora da RTP acusada de boicotar investigação do “Sexta às 9” a instituto onde deu aulas

RTP / Flickr

Maria Flor Pedroso

A diretora da RTP Maria Flor Pedroso admitiu ter informado a diretora de uma instituição de ensino sobre uma investigação que estava a ser feita pela equipa do programa “Sexta às 9”.

Há uma nova polémica associada ao programa “Sexta às 9″ da RTP. Depois da recente controvérsia à volta do chamado Caso do Lítio, agora há um novo caso polémico na estação de televisão pública, após uma instituição de ensino ter sido alertada para uma investigação do “Sexta às 9”.

A jornalista Maria Flor Pedroso, diretora da RTP, admitiu numa reunião extraordinária do Conselho de Redação da RTP, esta quarta-feira, ter interferido numa investigação do programa.

Maria Flor Pedroso, que trabalhava como docente a tempo parcial no Instituto Superior de Comunicação Empresarial (ISCEM), confessou ter contactado a diretora da instituição, Regina Moreira, para a avisar sobre a investigação do “Sexta às 9”.

Segundo o Correio da Manhã, a equipa da RTP estava a investigar um alegado recebimento indevido de dinheiro no processo de transferência de alunos do ISCEM para outras instituições de ensino.

Na reunião de quarta-feira, Maria Flor Pedroso defendeu-se, dizendo que apenas o fez porque acreditava que estava a ajudar no desenvolvimento do trabalho. Porém, as suas supostas intenções tiveram um efeito contrário. Alertada para a investigação, Regina Moreira terá resolvido as ilegalidades de que era acusada por alguns alunos.

O Conselho de Redação da RTP vai voltar a reunir-se na próxima segunda-feira, dia 16, por não estarem “reunidas condições para um clima de tranquilidade e confiança entre os jornalistas”.

Segundo o semanário SOL, o Conselho de Redação da estação pública, que vive uma história digna de entrar no seu próprio programa de investigação, “sente-se impotente para avaliar as queixas da equipa de Sandra Felgueiras”.

Licenciada em Sociologia pela Universidade Nova de Lisboa, Maria Flor Pedroso iniciou a carreira de jornalista na Rádio Comercial, em 1984. Depois de passagens pela RFM e TSF, chegou à RDP-Antena 1 em 1997, como correspondente parlamentar, onde em 2003 foi nomeada editora de política.

Depois de ter conduzido diversos programas na RTP, entre os quais “As Escolhas de Marcelo Rebelo de Sousa”, em outubro de 2018 substituiu Paulo Dentinho como Diretora de Informação da RTP.

O então diretor de informação da RTP deixou a estação após declarações polémicas no seu Facebook, que foram interpretadas como um ataque a Cristiano Ronaldo, na sequência do chamado “Caso Mayorga”.

Esta nova controvérsia na estação pública surge depois de durante a campanha eleitoral para as legislativas, o “Sexta às 9” de 13 de setembro, que abordava o controverso caso dos contratos para exploração de lítio, ter sido suspenso pela direção da RTP.

A jornalista responsável pelo programa, Sandra Felgueiras, afirmou então que nunca na sua vida, “em oito anos de coordenação do Sexta às 9”, o programa tinha tido uma suspensão durante um ato eleitoral.

ZAP //

PARTILHAR

9 COMENTÁRIOS

  1. Não era da familia do Costa ? Acho que ouvi algo quando foi o caso do litio … Mas seja ou não seja parece um flagrante abuso de autoridade, ainda por cima numa profissão como o jornalismo. Normalmente devria dar demissão mas neste caso ……

  2. A interferência partidária tinha sido banida, mas agora o PS não descansou enquanto não voltou a por a mão na RTP. Para isso Costa meteu lá a prima, que está a fazer um trabalho pidesco de intimidação, visando a entronização do PS. É urgente que esta oportunista, sem escrúpulos, seja afastada imediatamente da estação pública paga por todos os portugueses.

  3. Respeito a opinião de quem pense diferente de mim, mas eu não gosto desta senhora. Para além de a achar antipática, o que realmente desagrada é sua arrogância e a sua prepotência, o seu “nariz empinado”, passo a expressão. E do pouco que consegui ler e ouvir sobre as suas declarações no Parlamento sobre o caso da exploração de lítio, e após ouvir a jornalista Sandra Felgueiras, a senhora não me inspira confiança alguma no que toca a jornalismo imparcial, sério e que só queira dizer a verdade, doa a quem doer.
    Neste caso em concreto, será mais do mesmo. Veremos se, como em quase tudo neste país que envolve gente influente/conhecida/famosa, não vai ficar tudo “em águas de bacalhau”, ou seja, tudo na mesma. Veremos.

  4. Porque razão este senhora , jornalista de inquisição, anda ligada aos jornais, melhor dito, pasquins mais reles da comunicação social.
    Se acha que o seu trabalho está ser boicotado que vá trabalhar para os pasquins anteriormente referidos.

  5. o colectivismo marxista desta gente que se diz jornalista, eles sim os verdadeiros fascistas.

    e ainda andam os partidos e o sr PR a preparar caminho para todos nós pagarmos mais uma fatura como o zap noticiou há pouco relativo ao apoio Estatal aos MSM….

    é um festival.

    e preparem-se para mais uns impostos desta malta, que são sempre os mesmos, mas desta vez relativos à fantochada do “aquecimento global”.

  6. Esta diretora da RTP Maria Flor Pedroso, deveria ser radiada da RTP ou de outra estação, porque favorece o seu primo amigo não é democrata mosta cinismo e não é profissional…Rua com ela…

RESPONDER

O Bosão de Higgs foi apanhado a fazer algo inesperado

Uma equipa de cientistas do Laboratório Europeu de Física de Partículas (CERN) observou o Bosão de Higgs, a fazer algo inesperado: à medida que caía, esta parecia decompor-se numa combinação inesperada de partículas. De acordo com …

Feitos de estrelas. Os nossos ossos são compostos por estrelas que explodiram

Uma nova investigação concluiu que metade do cálcio do nosso Universo é oriundo de uma supernova rica em cálcio, que explodiu há milhões de anos. O novo estudo, cujos resultados foram esta semana publicados na revista …

"Monarquia criminosa". Parlamento declara Catalunha republicana e não reconhece o rei

O Parlamento catalão aprovou esta sexta-feira uma resolução na qual declara que “a Catalunha é republicana e, portanto, não reconhece nem quer ter um rei”, rotulando a monarquia de “criminosa”. A resolução foi aprovada em sessão …

Novo método deteta metais tóxicos em alimentos e água em apenas algumas horas

Uma equipa de cientistas da Universidade de Joanesburgo, na África do Sul, desenvolveu um método sensível para detetar níveis perigosos de metais pesados em alguns alimentos e água. Os vestígios de metais como chumbo (Pb), arsénico …

Meghan Markle vence primeira batalha judicial contra jornal britânico

A Duquesa de Sussex conseguiu que o Tribunal Superior de Londres optasse por manter anónima a identidade das suas cinco amigas, como parte da ação legal que está a ser levada a cabo. O 39º aniversário …

Cientistas obrigados a rebatizar dezenas de genes humanos. A culpa é do Excel

Só no ano passado, os cientistas viram-se obrigados a mudar os nomes de 27 genes humanos por causa de um erro de leitura do Microsoft Excel. Tal como explica o portal The Verge, que avança …

"Vai continuar a queimar". Covid-19 é mais parecida com um fogo florestal do que com ondas e picos

Com o surgimento do novo coronavírus no mundo, vários especialistas previam que este iria surgir em ondas e picos. Agora a visão de futuro é outra e os especialistas dizem que a pandemia se compara …

Mudanças climáticas podem vir a causar mais mortes do que a covid-19, alerta Bill Gates

  As mudanças climáticas podem custar muito mais vidas nas próximas décadas do que a pandemia do novo coronavírus (covid-19). O alerta é do co-fundador da Microsoft, Bill Gates, que, através de uma reflexão no seu …

Descoberta a primeira disrupção gigante nas nuvens de Vénus

Uma equipa internacional de cientistas, que incluiu um investigador do Instituto de Astrofísica e Ciências do Espaço (IA), descobriu a "primeira disrupção gigante" nas nuvens de Vénus que tem fustigado as zonas profundas da atmosfera …

TVI aposta em estúdio a Norte. Nuno Santos quer Informação mais ao estilo da SIC Notícias do que da CMTV

O diretor-geral da TVI, Nuno Santos, afirmou, em entrevista ao jornal Público, que a estação de Queluz de Baixo vai apostar num estúdio no Norte, revelando ainda que pretende mudar a Informação do canal mais …