Diocese pede falência após denúncias de abusos

Catholic Church / Flickr

-

Uma diocese católica no estado americano de Montana submeteu esta sexta-feira um pedido de recuperação judicial, no meio de acusações de abusos de clérigos contra menores.

Dois processos judiciais de 2011 acusam a diocese de Helena, capital de Montana, nos Estados Unidos, de encobrir 362 casos de abuso sexual contra crianças entre 1940 e 1980. A sede do bispado é acusada de proteger os agressores e fazer vista grossa às denúncias.

O pedido de recuperação judicial faz parte de uma proposta de acordo que envolve até 15 milhões de dólares (cerca de 11 milhões de euros) em indemnizações para as vítimas que foram identificadas, além de uma quantia adicional para compensar outras vítimas que eventualmente venham a público mais tarde.

O acordo está a ser negociado em reuniões confidenciais, informa a imprensa americana.

Um tribunal de falências de Montana decidirá se aceita ou não o acordo.

Bthomp8 / wikimedia

O bispo de Montana, George Leo Thomas

O bispo de Montana, George Leo Thomas

Desculpas

O bispo local, George Leo Thomas, pediu desculpas às vítimas e revelou que a maioria dos clérigos acusados já morreu e nenhum permanece em actividade, segundo informações da agência Associated Press.

A diocese diz ainda que estabeleceu programas de prevenção a abusos e uma linha directa para eventuais denúncias.

O bispo afirmou que o acordo deve deixar a diocese mais pobre, mas que ela permanecerá comprometida com a sua missão.

O porta-voz da diocese, Dan Bartleson, agregou que a falência pode ajudar a resolver as queixas de abuso e que as vítimas poderão opinar sobre o acordo.

Mas diversas companhias seguradoras da diocese estão a accionar a Justiça contra o acordo, argumentando que não lhes cabe pagar por supostos abusos ocorridos antes de as suas apólices terem sido assinadas.

A diocese emprega cerca de 200 pessoas nas suas paróquias, programas sociais e escolas.

ZAP / BBC

PARTILHAR

RESPONDER

Descoberto fóssil de macaco que viveu há 4,2 milhões de anos no Quénia

Uma equipa internacional de investigadores descobriu restos fósseis de um pequeno macaco que viveu no Quénia há 4,2 milhões de anos. Os responsáveis pela investigação, que será publicada na revista Journal of Human Evolution, são cientistas …

Air France acusada de negligência no desastre do voo Rio de Janeiro-Paris

A justiça francesa acusou a Air France de negligência, na sequência da investigação ao acidente aéreo do voo Rio de Janeiro-Paris, que causou 228 mortos em 2009, confirmou esta quarta-feira a AFP. O Ministério Público considerou …

Governo "está preparado” para eventual greve dos camionistas

O ministro do Trabalho, Vieira da Silva, disse esta quarta-feira que “não perdeu as esperanças no esforço de conversação” com os representantes dos camionistas, mas garantiu que “o Governo está preparado para o que vier …

Carga misteriosa e contradições nos passageiros. Revelados novos dados sobre o MH370

A França é o único país que continua a investigar o desaparecimento do voo MH370 da Malaysia Airlines em Março de 2014. E emergem novos dados sobre o que apuraram os magistrados envolvidos no caso, …

Foi avistada uma alforreca gigante no Reino Unido

A alforreca gigante, a maior alguma vez encontrada em águas britânicas, foi avistada na Cornualha, no Reino Unido, no sábado, por uma bióloga e repórter da BBC. Segundo o Washington Post, a criatura foi avistada, no …

Montepio condenado a ressarcir cliente que culpou de ataque informático

O Tribunal da Relação de Guimarães condenou o banco Montepio a pagar a uma cliente de Barcelos os 28.596 euros que em quatro dias foram retirados da sua conta, na sequência de ataque informático. Por acórdão …

Crew Dragon. Já se sabe o que causou a misteriosa explosão da nave da SpaceX

A NASA e a SpaceX explicaram, finalmente, o motivo da explosão da nave espacial Crew Dragon. Apesar de terem sido divulgadas imagens da explosão, nenhuma das agências explicou as razões do desastre. As imagens da nave …

Turistas britânicos encorajados a afixar cartazes de Maddie durante as férias

Turistas britânicos com viagens marcadas para o estrangeiro estão a ser encorajados a levar cartazes de Madeleine McCann pela campanha oficial lançada pelos pais para encontrar a criança inglesa desaparecida em Portugal em 2007. “Vai de …

Crianças preferem ser YouTubers do que astronautas

A maioria das crianças entrevistadas prefere mais ser YouTuber do que ser astronauta. De uma lista de cinco profissões, a de cosmonauta foi a menos escolhida entre crianças americanas e britânicas. Há 50 anos, a ida …

Estamos a perder 10 piscinas olímpicas por hora. Setor da água precisa de 4 mil milhões de investimento

A AEPSA, que junta os concessionários privados que distribuem água canalizada a 20% da população portuguesa, quer estabilidade regulatória e legislativa, nomeadamente com a alteração do regime de gestão das empresas municipais. O presidente da AEPSA, …