Dinamarca projeta zoo com animais soltos e público “invisível”

BBC

-

Um jardim zoológico na Dinamarca pretende que os visitantes possam passear entre os animais soltos – aparecendo de forma invisível para eles.

No projeto futurístico do arquiteto dinamarquês Bjarke Ingels, o público entrará em cápsulas espelhadas, e ficará escondido atrás de troncos de árvores ou debaixo da terra.

O conceito criado por Ingels para o Zootopia tem o objetivo de permitir a visita a 120 hectares (equivalente a mais ou menos 120 campos de futebol) de habitat perturbando os animais o mínimo possível.

Para isso, projetou um intrincado sistema de teleféricos, cápsulas flutuantes e esconderijos, entre eles, buracos de observação dentro de montes falsos.

Viver em harmonia

Tudo, partindo do princípio de que os animais não serão incomodados pela passagem das cápsulas ovais espelhadas.3

“A maior e mais importante missão de um arquiteto é projetar ecossistemas feitos pelo homem, garantir que as nossas cidades e edifícios sejam adaptados ao nosso estilo de vida”, afirmou o fundador do Bjarke Ingels Group (BIG).

“Temos que garantir que as nossas cidades ofereçam uma estrutura generosa para pessoas de origens, sexos, níveis económicos e de educação e idades diferentes. Para que todos possam viver juntos em harmonia ao mesmo tempo em que levamos em conta as necessidades individuais e o bem comum.”

Para o arquiteto, em lugar algum este desafio é maior do que em um zoológico.

Por isso, projetou um zoo em que a relação entre os próprios animais e entre animais e visitantes seja “a melhor e mais livre possível”.

O parque será dividido em três “continentes” interligados: África, Ásia e Américas.

O visitantes entrarão no zoo por uma enorme praça, dentro de uma espécie de cratera, da qual terão visões panorâmicas para o resto do zoo.

De lá, terão adiante 4 quilómetros de trilhos pela “natureza”, flutuando nas cápsulas num rio, pedalando pelas savanas ou “sobrevoando” as Américas num teleférico.

Os ursos poderão ser observados por detrás de “troncos” de árvores, leões podem ser vistos de uma espécie de trincheira camuflada na paisagem e as girafas, através de “olhos mágicos” num monte.

Bjarke Ingels é conhecido pelos seus projetos inovadores, tendo idealizado uma central de processamento de lixo em Copenhaga com uma pista de esqui que serpenteava a sua cobertura.

Outro projeto famoso do arquitecto é uma torre de observação que se encontra ainda em construção em Phoenix, no Arizona, EUA, em formato de um chupa-chupa.

O Zootopia deve substituir o atual zoológico de Givskud, no sul da Dinamarca, que permanecerá aberto durante o período de obras.

A primeira fase do projeto deve estar concluída até 2019, altura em que o zoo completa 50 anos.

ZAP / BBC

PARTILHAR

RESPONDER

Há uma forma de reduzir erros na computação quântica (e já sabemos qual é)

Na computação quântica, assim como no trabalho em equipa, um pouco de diversidade pode ajudar a melhorar o resultado. Esta pode mesmo ser a chave para pôr fim aos erros na computação quântica. Ao contrário dos …

Coimbrões 0-5 FC Porto | Dragões goleiam e seguem em frente na Taça

O FC Porto venceu hoje o Coimbrões, por 5-0, em jogo da terceira eliminatória da Taça de Portugal que os «dragões» resolveram com três golos nos 12 minutos iniciais. Aproveitando a inexperiência e nervosismo da formação …

Produção de filmes em Hollywood é um inimigo silencioso do ambiente

Hollywood é casa para a maioria dos grandes filmes produzidos que estreiam nas salas de cinema espalhadas por todo o mundo. Contudo, consegue ser bastante prejudicial para o meio ambiente e, mais do que nunca, …

O escorbuto era uma doença comum entre piratas, mas pode estar de regresso

O número de casos de escorbuto no Reino Unido mais do que duplicou nos últimos anos. A desnutrição é um dos principais responsáveis pelo regresso desta doença. O escorbuto está em ascensão no Reino Unido e …

Dois veleiros robotizados vão medir alterações climáticas no Atlântico

Dois veleiros de navegação robotizada vão medir, durante os próximos quatro meses, a pegada das mudanças climáticas no oceano Atlântico e irão passar pela Madeira e Cabo Verde. A Plataforma Oceânica das Canárias (PLOCAN) libertou esta …

A educação científica está sob ataque legislativo nos Estados Unidos

São inúmeros os professores de ciências que trabalham diariamente nas escolas públicas dos Estados Unidos para garantir que os alunos estão equipados com o conhecimento teórico e prático necessário para enfrentar o futuro. No entanto, …

João Félix saiu lesionado com gravidade no jogo contra o Valência

João Félix, avançado português do Atlético de Madrid, saiu este sábado lesionado com "forte torção no tornozelo direito", ao minuto 78 do jogo contra o Valência, da nona jornada da Liga espanhola de futebol, disputado …

As traças ficaram mais escuras por causa da Revolução Industrial? Cientistas já sabem a resposta

No virar do século XIX, na Grã-Bretanha, traças de todo o país começaram a ficar gradualmente mais escuras em resposta à forte poluição provocada pela Revolução Industrial. A Revolução Industrial foi um período de grandes transformações …

Mais de mil médicos foram alvo de processos disciplinares. 45 foram condenados, nenhum foi expulso

Mais de 1.070 processos disciplinares a médicos foram abertos no ano passado pelos conselhos disciplinares da Ordem, tendo sido condenados 45, segundo dados este sábado divulgados. Segundo os dados da Ordem dos Médicos, os conselhos disciplinares …

Publicar no Instagram rende mais a Ronaldo do que jogar na Juve

As publicações pagas no Instagram rendem mais a Cristiano Ronaldo do que jogar na Juventus, revela um estudo do Buzz Bingo. O internacional português foi a personalidade mais bem paga neste rede social em 2018. De …