Cientistas determinam o que diminui a fertilidade das mulheres com o avanço da idade

Investigadores da Universidade de Copenhaga mapearam alguns dos mecanismos que podem afetar a fertilidade das mulheres desde a adolescência até a menopausa.

A fertilidade natural das mulheres flutua entre altos e baixos na forma de uma curva U inversa, em parte devido a erros cromossómicos que ocorrem naturalmente em óvulos humanos, de acordo com um novo estudo citado pelo IFLScience.

Para entender exatamente o que é que isto significa, temos de rever alguns conceitos básicos de biologia reprodutiva. Ao contrário dos rapazes — que começam a formar espermatozoides só depois de atingirem a puberdade — as raparigas nascem com um conjunto exato de óvulos, que permanecem imaturos até haver um ciclo menstrual.

“Enquanto os óvulos permanecem inativos, uma espécie de cola molecular fará com que os cromossomas fiquem juntos. Mais tarde, quando os ovos estão a amadurecer, os cromossomas dividem-se. Mas quanto mais as mulheres envelhecem, maior o risco de a cola quebrar de forma prematura”, afirmou num comunicado Eva Hoffmann, investigadora da Universidade de Copenhaga, na Dinamarca, e uma das autoras do estudo publicado na revista Science.

Ao analisar três mil óvulos de raparigas e mulheres com idades compreendidas entre os nove e os 43 anos, os investigadores descobriram que os óvulos de adolescentes e mulheres com trinta ou mais anos experimentam erros cromossómicos, ou aneuploidia, que “resultam em desequilíbrio genómico e aborto espontâneo”.

Nos dois casos, esses erros cromossómicos aumentam a probabilidade de expulsão de óvulos sem fertilização, atuando como um tipo de “relógio molecular”, garantindo que apenas os melhores ovos são fertilizados.

“Sabemos há muito tempo que nós humanos temos uma curva de fertilidade única quando comparada com outras espécies. A curva começa muito fraca na adolescência e desce novamente quando as mulheres chegam aos 30 anos. Mas, até agora, não sabíamos o que realmente estava a causar essas mudanças”, explica Hoffmann.

Quando as adolescentes amadurecem e chegam à casa dos 20 anos, os seus óvulos tornam-se mais saudáveis à medida que os erros cromossómicos desaparecem. Porém, à medida que o material hereditário contido na cola começa a decompor-se, ocorrem erros cromossómicos que podem levar a bebés com Síndrome de Down ou infertilidade em mulheres mais velhas.

Os investigadores não sabem ao certo por que a fertilidade segue este ciclo, mas Hoffman tem duas teorias: por um lado, falando do espectro etário, isso poderia impedir as mulheres jovens de engravidar antes de os seus corpos estarem totalmente desenvolvidos (por exemplo, ancas mais largas). Por outro lado, poderia estar ligada à “hipótese da avó”, segundo a qual as fêmeas perdem a capacidade de se reproduzir para que possam assumir um papel de apoio a outras mulheres e crianças na sua família ou círculo social.

Hoffman conclui que entender como a fertilidade das mulheres funciona pode ajudar a informar os médicos como dar aconselhamento e tratar a infertilidade.

“O aborto espontâneo ainda é um tabu, mas com um conhecimento como este, somos capazes de entender e demonstrar melhor que é uma coisa natural. Ao mesmo tempo, uma maior compreensão dos mecanismos por detrás do nosso relógio biológico pode-nos permitir controlar melhor a quebra dos óvulos”, conclui Hoffmann.

ZAP //

PARTILHAR

RESPONDER

A Via Láctea pode ter sido esmagada por campos magnéticos quando ainda era um "bebé cósmico"

Nos primeiros dias do Universo, quando a Via Láctea ainda era apenas um bebé cósmico, campos magnéticos poderosos podem tê-la esmagado e ter tido um grande impacto no seu crescimento. Em entrevista ao NewScientist, astrofísicos da …

Veneno de caracol marinho usado para criar insulina híbrida promissora no tratamento da diabetes

Cientistas criaram uma versão minimalista e híbrida de insulina, a partir da hormona humana e de um caracol marinho, que pode vir a melhorar o tratamento da diabetes, divulgou a universidade norte-americana de Ciências da …

Sequelas da covid-19 em doentes mais graves ainda estão por compreender

O acompanhamento depois da alta para doentes que estiveram internados com covid-19 é um dos grandes desafios do sistema de saúde para compreender que sequelas, por enquanto desconhecidas, a doença poderá deixar. “Só daqui a seis …

Criança nasce com duas bocas nos EUA. É o 35.º caso registado desde 1900

A menina, nascida nos Estados Unidos, foi operada ao seis meses para remover a cavidade oral secundária, que incluía dentes, língua e um lábio. Uma bebé nasceu nos Estados Unidos com duas bocas, devido a uma …

Funcionários do Facebook em "greve virtual" face à recusa de Zuckerberg em agir contra Trump

Os funcionários do Facebook estão insatisfeitos com a decisão do fundador da rede social de manter uma postura neutra perante as recentes publicações do Presidente dos Estados Unidos. De acordo com o jornal The Guardian, os …

Inteligência Artificial recria "verdadeiro" rosto de Napoleão Bonaparte

Recorrendo a uma técnica de Inteligência Artificial, um artista holandês criou um retrato em alta definição do imperador francês Napoleão Bonaparte. O fotógrafo freelancer holandês Bas Uterwijk, cujo pseudónimo é Gandbrood, recorreu a uma rede neuronal …

"Apito" da covid-19. Novo teste deteta novo coronavírus em apenas um minuto

Uma equipa de cientistas da Universidade Ben-Gurion, em Israel, desenvolveu um novo dispositivo que é capaz de detetar a presença do novo coronavírus no organismo humano em apenas um minuto. O novo teste, desenvolvido pelos investigadores …

"We Call it Alentejo". Novo filme promocional destaca as maravilhas alentejanas

A gastronomia e vinhos, as pequenas aldeias, a sustentabilidade e a natureza são atributos do Alentejo evidenciados no mais recente filme promocional do território, lançado pela agência regional de promoção turística para chamar visitantes estrangeiros. Com …

Curandeiro convocou cerca de 100 pessoas para se abraçarem contra a "farsa" da pandemia

Josep Pàmies, um agricultor espanhol defensor das terapias alternativas, convocou cerca de 100 pessoas a abraçarem-se a beijarem-se contra a "farsa" da pandemia. No sábado, cerca de uma centena de pessoas juntaram-se em Balanguer, na província …

Rússia anuncia início de ensaios clínicos de uma vacina contra a covid-19

A Rússia vai começar os ensaios clínicos de uma vacina contra a covid-19 em 50 soldados que se ofereceram para participar nos testes, anunciou esta terça-feira o Ministério da Defesa. "Para verificar a segurança e eficácia …