“McDonald’s Trump”. Dieta do presidente dos EUA pode influenciar pessoas a comer fast food

Joyce N. Boghosian / White House

Investigadores sugerem que uma maior exposição mediática dos norte-americanos à dieta de Donald Trump pode fazer com que comam fast food mais regularmente.

Um novo estudo averiguou a associação entre a cobertura mediática da saúde de celebridades e as alterações no comportamento das massas. A investigação concluiu que o particular gosto por fast food do presidente norte-americano, Donald Trump, pode estar a levar mais pessoas a comerem esse tipo de comida.

Muitas pessoas são facilmente influenciáveis e os hábitos das celebridades podem ser significativas nas suas escolhas no dia-a-dia, nomeadamente na sua dieta. Um estudo a ser publicado em abril na revista científica Appetite explora esta associação e oferece resultados bastante sugestivos.

“Eu reparei que havia uma quantidade decente de cobertura mediática sobre o amor do presidente Trump por fast food, e isso contrastava fortemente com a maior parte da cobertura mediática relacionada com a alimentação da presidência de Obama, que se concentrava mais no jardim de Michelle e a pressão que ela colocou sobre o presidente Obama para comer de forma saudável”, explicou a autora do estudo, Jessica Gall Myrick, citada pelo PsyPost.

A investigadora foi então testar a sua teoria de que a cobertura mediática sobre os hábitos alimentares de Trump poderia, de facto, estar a influenciar os norte-americanos nas suas próprias escolhas. Os Estados Unidos são um país fortemente afetado pela obesidade e pelas doenças que derivam do excesso de peso, nomeadamente a nível cardiovascular.

Para verificar as suas suspeitas, Myrick fez um questionário com mais de mil cidadãos norte-americanos, procurando perceber com que frequência estavam atentos à dieta de Donald Trump nos media, entre outras coisas. O questionário procurou incluir voluntários de vários sexos, idades, educações, raças, vencimentos e regiões geográficas.

A equipa de investigadores concluiu que quanto mais as pessoas prestavam atenção à dieta pouco saudável de Trump, mais propensas eram a comer fast food regularmente nas quatro semanas seguintes. O efeito era também mais acentuado em Republicanos do que em Democratas. Além disso, surpreendentemente, naqueles que se consideravam Independentes não se verificava a associação vista nas outras pessoas.

“Estudos futuros podem acompanhar as pessoas ao longo do tempo para ver como, à medida que a sua atenção a diferentes tipos de media se acumula e muda, as suas escolhas alimentares também podem mudar”, acrescentou Myrick.

ZAP //

PARTILHAR

2 COMENTÁRIOS

RESPONDER

Homem pede "julgamento por combate" com espadas japonesas para resolver disputa legal com a ex-mulher

Para resolver uma disputa legal com a sua ex-mulher, David Ostrom sugere que seja feito um "julgamento por combate" com espadas japonesas. Há precedentes legais que o podem favorecer em tribunal. O insólito aconteceu no Iowa, …

Crimes violentos podem aumentar drasticamente nos EUA devido ao aquecimento global

O número de crimes violentos nos Estados Unidos pode aumentar drasticamente nos próximos anos devido ao aquecimento global, concluiu uma nova investigação levada a cabo por cientistas da Universidade do Colorado, em Boulder. "Dependendo da rapidez …

Twitter pede desculpa por permitir anúncios direcionados a neonazis

O Twitter emitiu esta quinta-feira um pedido de desculpa público depois de a BBC denunciar que a rede social estava a permitir anúncios direcionados a neonazis, islamofóbicos e outros grupos de ódio. A emisorra britânica …

Carlos Silva alega falta de apoio do PS e anuncia saída da liderança da UGT

O secretário-geral da UGT não é candidato a um novo mandato na central sindical, alegando que o “desgaste tem sido tremendo” e que é visto como força de bloqueio. “Não quero continuar”, “já está decidido e …

A maior aeronave do mundo vai ficar ainda maior. Medirá quase 100 metros

A maior aeronave do mundo vai ficar ainda maior: o dirigível híbrido Airlander 10, que media 92 metros de comprimento, vai bater o seu próprio recorde. De acordo com a emissora britânica BBC, a aeronave passará a …

Mortes nos Comandos. Governo só indemniza famílias se for condenado

O Governo deu ordem para parar as negociações com as famílias dos recrutas que morreram durante o 127.º Curso de Comandos, que decorreu na região de Alcochete, em 2016. Segundo o Jornal de Notícias, o Governo …

Eduardo Cabrita diz que polícias compram equipamento "porque querem"

O ministro da Administração Interna afirmou que os agentes policiais que compram equipamento de proteção do seu próprio bolso fazem-no porque o querem. Numa entrevista ao Diário de Notícias e à TSF, divulgada este fim-de-semana, o …

Chuva deixa Austrália entre incêndios e cheias. Número de mortos sobe para 29

A chuva trouxe algum alívio aos bombeiros e habitantes do leste da Austrália, mas também causou cheias e novos problemas. As equipas ainda combatem cerca 100 focos de incêndio na região e o número de …

Sem Joacine, nova direção do Livre foi eleita com 95 votos a favor e 15 brancos

Este domingo, no segundo dia do IX congresso do Livre, a nova direção do partido foi eleita com 95 votos a favor e 15 brancos (e não conta com a deputada Joacine Katar Moreira). No final …

Juiz pede escusa do caso dos emails por ser adepto do Benfica

O juiz desembargador apresenta vários motivos para pedir escusa do processo, nomeadamente por ser "sócio do Benfica desde 1968". De acordo com o jornal Público, Eduardo Pires, juiz desembargador do Tribunal da Relação do Porto (TRP), …