Dieta que exclui produtos de origem animal dá anos de vida

tipstimesadmin / Flickr

-

Os carnívoros e até mesmo vegetarianos têm tendência a viver menos anos em relação aos que seguem uma dieta vegan, ou seja, que exclui todos os produtos de origem animal.

Não faltam especialistas em nutrição a alertar para os riscos para a saúde que a dieta vegan traz.

Mas, de acordo com um novo estudo, publicado no jornal científico JAMA Internal Medicine, o aumento de 3% no consumo de calorias de proteínas de origem vegetal reduz em 10% o risco de morte.

Por outro lado, acrescentar em 10% a ingestão de calorias provenientes de proteínas de origem animal aumenta em 8% a probabilidade de morte por doenças cardiovasculares.

“No geral, nossos resultados sustentam a importância das fontes de proteína na dieta para resultados de saúde em longo prazo. As nossas descobertas sugerem que as pessoas deveriam consumir mais proteínas vegetais do que animais e quando escolherem entre fontes de proteína animal, peixe e frango são provavelmente as melhores escolhas”, disse Mingyang Song, autor principal do estudo.

Após monitorizar os registos de saúde e a dieta de mais 130 mil pessoas, ao longo de 30 anos, os investigadores do Hospital Geral de Massachusetts, nos Estados Unidos, concluíram também que substituir a ingestão de ovos por proteínas de origem vegetal reduziu em 19% o risco de morte.

Já a eliminação da carne vermelha da dieta levou a que 12% dos pacientes apresentasse menos maleitas em relação aos restantes.

De acordo com os autores, essa associação entre a ingestão de proteínas de origem animal – como carne, frango, peixe, ovos e laticínios – e o aumento do risco de morte foi observado em pessoas com pelo menos um fator de risco, como tabagismo, alcoolismo e obesidade.

Entre aquelas que tinham hábitos de vida mais saudáveis, essa relação desapareceu.

Uma possível explicação para isso, segundo os autores, é que as proteínas de origem vegetal – geralmente ricas em gordura insaturada (que não prejudicam a saúde vascular) compensam os efeitos adversos desses fatores de risco.

Outra hipótese é que as pessoas mais preocupadas com a saúde já têm o hábito de comer mais peixe e frango (as proteínas de origem animal mais saudáveis).

O estudo mostra ainda que as proteínas de origem animal estão relacionadas a um aumento da probabilidade de desenvolvimento de doenças cardiovasculares e outros problemas de saúde.

Por outro lado, as proteínas vegetais conseguem reduzir a pressão sanguínea e o colesterol e aumentar a sensibilidade à insulina.

Move

PARTILHAR

3 COMENTÁRIOS

  1. Essa questão de excluir produtos de origem animal na alimentação, não passa de uma fraude dos fundamentalistas “vegan”.
    Está mais que provado (cientificamente), que uma alimentação correcta deve ser equilibrada e variada – incluindo carne derivados, para uma vida saudável.

  2. “Entre aquelas que tinham hábitos de vida mais saudáveis, essa relação desapareceu.”
    Mais uma notícia sensacionalista! Pelo texto, o estudo não refere que é mais saudável a dieta Vegan, apenas faz comparações entre grupos em estudo. Consumir mais 3% de proteina vegetal reduz mortalidade em 10% entre as pessoas não saudáveis, enquanto que um aumento de 10% de proteínas animais aumenta 8% o risco de morte, e depois vem a frase com que comecei! nas pessoas que não têm problemas, não há diferenças! A parte sobre dieta vegan foi invenção de quem escreveu o subtítulo!

  3. Devia haver um contacto para podermos reclamar, quando publicam falsidades desta enormidade. Um site de notícias não pode publicar mentiras, ou perde toda a credibilidade…

Afinal, o buraco negro mais próximo da Terra pode não ser um buraco negro

Um objeto identificado no início deste ano como o buraco negro mais próximo da Terra pode, afinal, não o ser. Depois de reanalisar os dados, diferentes equipas de cientistas concluíram que o sistema HR 6819 …

Rara cobra de duas cabeças e dois cérebros independentes encontrada na Florida

Uma rara cobra com duas cabeças e dois cérebros independentes foi resgatada no estado norte-americano da Florida por uma equipa de especialistas do organização Florida Fish and Wildlife Conservation Commission. Na rede social Facebook, a organização, …

Benfica 2-0 Belenenses SAD | Darwinismo rende arranque histórico

O Benfica cumpriu e venceu o Belenenses SAD por 2-0, no Estádio da Luz, na partida que encerrou a quinta jornada da Liga NOS. Foi o quinto triunfo benfiquista no campeonato em cinco partidas, o …

Uma tarefa doméstica está a poluir sorrateiramente o ambiente

O que vestimos e como lavamos as nossas roupas influencia o número de microfibras sintéticas que libertamos no meio ambiente. Há uma tarefa doméstica a poluir sorrateiramente o ambiente. Um novo artigo científico, publicado na PLOS …

A companhia aérea que faliu devido à covid-19 está de volta

A pandemia de covid-19 foi traiçoeira para muitas empresas. A Flybe, uma das primeiras vítimas, está agora a ressuscitar - e pode voltar a rasgar os céus já no próximo ano. A economia mundial foi muito …

Dormir bem antes de tomar a vacina da gripe pode ajudar a aumentar a sua eficácia

Segundo os especialistas, uma boa noite de sono pode mesmo ajudar a aumentar a eficácia da vacina da gripe, que neste ano ganha particular relevância em plena pandemia de covid-19. De acordo com Matthew Walker, autor …

Há um petroleiro abandonado há mais de uma década nas Caraíbas (e é uma "bomba-relógio")

Um navio de armazenamento de petróleo venezuelano está ancorado no Golfo de Paria, um trecho de mar fechado entre a Venezuela e a ilha de Trinidad, há mais de uma década. Antes de os Estados Unidos …

Portugal deve bater recorde de doentes em cuidados intensivos ainda esta semana

Portugal deverá ultrapassar, esta quarta-feira, o recorde de doentes em unidades de cuidados intensivos, alertou a ministra da Saúde, Marta Temido, em conferência de imprensa sobre a capacidade do Serviço Nacional de Saúde para combater …

A Budapest Eye foi restaurante por um dia (e com estrela Michelin)

Um restaurante com estrela Michelin em Budapeste, na Hungria, ofereceu aos clientes uma experiência gastronómica na famosa roda gigante Budapest Eye. Atraiçoado pela queda de faturação após o desaparecimento de turistas estrangeiros, o restaurante Costes, premiado …

Antigo ministro da Saúde Leal da Costa admite novo estado de emergência

O antigo ministro da Saúde Fernando Leal da Costa defendeu hoje que em algum momento deve ser decretado de novo o estado de emergência, para que o Governo possa tomar medidas na luta contra a …