Centenas de crianças e jovens foram forçadas a casar na Austrália

A Austrália está a investigar mais de cem casos de casamento infantil forçado que, segundo a Polícia Federal Australiana, inclui várias menores entre os seis e os sete anos.

Uma investigação iniciada em 2017 pelo canal Seven News revelou que pelo menos 171 casos foram registados até o momento. Em geral, os mais afetados são geralmente meninas, segundo os meios locais.

A Youth Law Australia (YLA), um centro para a proteção dos direitos de crianças e jovens, garante que esse crime tenha sido apresentado em todos os estados e territórios do país. Infelizmente, não há informações sobre o número de crianças nascidas no país e levadas para o exterior, onde são forçadas a casar e dificilmente regressam.

De acordo com uma lei australiana de 1961, o casamento forçado com uma pessoa menor de 18 anos é uma ofensa punível com até sete anos de prisão.

Especialistas alertam que os números até agora conhecidos podem representar apenas a ponta do icebergue. De acordo com Matthew Keeley, diretor da YLA, as meninas que são forçadas a casar têm muito medo de procurar ajuda ou alertar as autoridades.

Além disso, temem as consequências dentro da sua família ou comunidade se tentarem escapar e receiam que os seus pais sejam presos. Esta situação significa que o número real de casamentos deste tipo pode ser muito maior.

No entanto, Keeley diz que a organização conseguiu resgatar crianças prestes a serem transferidas para outros países. Em muitos casos, e como último recurso, aconselham as vítimas a gritar e ser notadas nos aeroportos para atrair a atenção das autoridades.

De acordo com os casos apresentados pelo Russia Today, Sarah, uma estudante de 16 anos, procurou uma conselheira da escola porque os seus pais lhe tinham arranjado um casamento no exterior. A adolescente conseguiu defender o seu direito de permanecer no país e não ser expulsa pela sua família através dos tribunais.

Serena, de 15, tentou cometer suicídio quando os seus pais a forçaram a casar com um parente idoso noutro país. Os pais de Serena planeavam que ela se casasse com um parente para “ter um marido que a protegesse e preservar os laços familiares”.

Noutro caso, um menor chamada Sophie apelou à embaixada australiana noutro país, garantindo que tinha sido forçada a casar-se com um homem que lhe tirou o passaporte. Como era menor, os funcionários consulares disseram que não poderiam conceder-lhe um novo passaporte sem o consentimento dos pais.

A menina só conseguiu reunir-se com a sua mãe na Austrália quando uma organização especializada se envolveu no caso.

ZAP //

PARTILHAR

1 COMENTÁRIO

RESPONDER

Vanessa Guillen foi espancada até à morte. Jovem soldado tinha dito à mãe que era vítima de assédio

Vanessa Guillen foi vista pela última vez a 22 de abril, pouco tempo depois de confessar à mãe que estava a ser assediada por um sargento. O principal suspeito da morte da jovem suicidou-se e …

Presidente da Câmara do Funchal envia carta a Boris Johnson a defender a Madeira

O presidente da Câmara do Funchal escreveu uma carta a Boris Johnson, na qual realça "alguns argumentos fortes" a favor da Madeira como destino de férias para os cidadãos do Reino Unido. O presidente da Câmara …

Livros pró-democracia desapareceram das bibliotecas de Hong Kong

Livros escritos por importantes ativistas da democracia de Hong Kong começaram a desaparecer das bibliotecas da cidade, avança a agência noticiosa francesa AFP, citando registos online destes espaços. Os livros pró-democracia desapareceram das prateleiras da …

Lito Vidigal é o novo treinador do Vitória de Setúbal

Lito Vidigal é o novo treinador do Vitória de Setúbal. O ex-treinador do Boavista, que já tinha passado pelo Bonfim em 2018/2019, vai suceder a Júlio Velázquez no comando técnico dos sadinos. Esta segunda-feira, Lito Vidigal, …

Estados Unidos confirmam rara infeção provocada por parasita que destrói o cérebro

Foi detetada, no cérebro de uma pessoa no condado de Hillsborough, uma ameba rara que destrói o cérebro. O parasita chama-se Naegleria Fowleri. Uma ameba rara que destrói o cérebro, conhecida como Naegleria Fowleri, foi detetada numa …

IKEA devolve a Portugal 500 mil euros em apoios do lay-off

A IKEA já reuniu com o Governo e diz estar a estudar a melhor forma de proceder à devolução do montante recebido pelo Estado.  Segundo o Dinheiro Vivo, a IKEA Portugal vai devolver cerca de 500 …

Isabel dos Santos diz-se "contactável e disponível" para colaborar com a justiça

Isabel dos Santos negou, esta segunda-feira, que a justiça desconheça o seu paradeiro e que não a consiga contactar, depois de o procurador-geral de Angola ter vindo a público denunciar a ausência de respostas da …

"Não estamos a dar a resposta suficientemente eficaz nesta fase", diz bastonário dos médicos

O bastonário da Ordem dos Médicos (OM), Miguel Guimarães, defendeu esta segunda-feira que enquanto faltar uma "resposta suficientemente eficaz" à covid-19 na fase de desconfinamento, a recuperação económica também será mais lenta. O responsável falava aos …

Bolsonaro alarga veto para uso de máscaras no Brasil

Jair Bolsonaro vetou, esta segunda-feira, a obrigatoriedade do uso de máscaras em prisões durante a pandemia, segundo informações divulgadas no Diário Oficial da União. A decisão do Presidente brasileiro incluiu também o fim da obrigatoriedade de …

Carruagens compradas pela CP à espanhola Renfe vão ter espaço para bicicletas

As 51 carruagens que a CP - Comboios de Portugal vai comprar à espanhola Renfe por 1,6 milhões de euros permitirão o transporte de bicicletas, revelou o ministro Pedro Nuno Santos, garantindo que serão gastos …