Desenhos misteriosos descobertos em cavernas numa ilha deserta das Caraíbas

Alice V.M. Samsona et all

Desenhos em cavernas da civilização Taino, Porto Rico.

Arqueólogos britânicos descobriram um conjunto de figuras misteriosas desenhadas em cavernas de uma ilha desabitada de Porto Rico. As imagens reportarão ao período da civilização Taino que foi dizimada pelos conquistadores europeus.

Esta equipa de arqueologia, constituída por elementos de diversas entidades britânicas, investigou cerca de 70 cavernas na Ilha de Mona que pertence ao arquipélago de Porto Rico, situando-se entre este território e a Ilha de São Domingos, no mar das Caraíbas.

Foi, assim, que se depararam com milhares de desenhos nas paredes das cavernas. Os investigadores notam que se trata da “maior concentração de arte pré-colombiana indígena das Caraíbas, conforme se refere no artigo científico publicado no Journal of Archaeological Science.

As imagens incluem figuras humanas, de animais e da natureza, algumas pintadas e outras desenhadas com carvão ou riscadas nas paredes, usando os dedos ou ferramentas semelhantes a dedos.

“A maior parte do trabalho que identificamos, neste estudo científico, foi feito durante um intenso período de actividade indígena nas cavernas, entre 1200 d.C. e a chegada europeia, depois de 1492 d.C.“, explica um dos autores da pesquisa, o curador da secção dedicada às Américas do Museu Britânico, Jago Cooper, em declarações à Fox News.

A análise permitiu concluir que “as imagens são pré-colombianas, feitas por artistas que exploravam e experimentavam nos subterrâneos profundos”, destaca, também na Fox News, a investigadora Alice Samson, professora de Arqueologia na Universidade de Leicester, no Reino Unido.

Estes desenhos podem, assim, ser um testemunho relevante sobre a civilização Taino que terá habitado em Mona, até ao fim do Século XVI. Aquando da chegada dos invasores europeus, a população das Caraíbas seria muito superior em milhões, mas acabou dizimada pelos colonos.

“Para as milhares de pessoas indígenas que viviam nas Caraíbas antes da chegada dos europeus, as cavernas representavam portais para o reino espiritual e, por isso, estas novas descobertas dos artistas e das suas obras capturam a essência do seu sistema de crenças e dos blocos construtores da sua identidade cultural”, afiança Jaco Cooper em declarações divulgadas pela revista Newsweek.

Na pesquisa, os investigadores sustentam que os povos indígenas iam para as cavernas especificamente para elaborarem estes desenhos. Como prova disso indicam que encontraram uma espécie de “kit de arte pré-preparado”, com tintas complexas feitas a partir de gomas de plantas.

SV, ZAP //

PARTILHAR

1 COMENTÁRIO

RESPONDER

Jack Burns, ator da série Outlander, morre aos 14 anos

O ator Jack Burns, que participou na série "Outlander", morreu aos 14 anos, no passado dia 1 de dezembro. O jovem foi encontrado já sem vida na sua casa em Greenrock, na Escócia. O óbito foi …

As pessoas estão a ser envenenadas por óleos essenciais (e pode ser fatal)

https://vimeo.com/378812079 Óleos essenciais cheiram bem, mas, se ingeridos oralmente, podem causar muitos problemas, incluindo toxicidade severa, pondo a vida em risco.  Estudos recentes mostraram que envenenamentos com óleos essenciais têm sido cada vez mais comuns e mais …

Cientistas criam hidrogel que se cura a si mesmo como a pele humana

A carne artificial, que pode vir a ser essencial para futuros desenvolvimentos em robótica e dispositivos médicos, está cada vez mais próxima de se tornar realidade. Cientistas na Austrália criaram um novo material gelatinoso que, asseguram, …

As estranhas "riscas de tigre" de Encélado foram finalmente explicadas

A lua gelada de Saturno, Encélado, tem despertado especial interesse na comunidade científica desde que foi observada em detalhe pela sonda espacial da NASA Cassini em 2005. Agora, uma equipa de cientistas encontrou resposta para …

Nicolas Bourbaki foi o maior matemático de sempre (mas nunca existiu)

Considerado como um dos maiores matemáticos de sempre, Nicolas Bourbaki não passava de um pseudónimo adotado por um grupo de grandes matemáticos, que revolucionou a matemática como a conhecemos. Nicolas Bourbaki está entre os maiores matemáticos …

No aquário do Tennessee, é uma enguia que acende as luzes da árvore de Natal

A enguia Miguel Wattson é a responsável pelo espírito natalício que se vive no Aquário do Tennessee, nos Estados Unidos. O Aquário do Tennessee, nos Estados Unidos, encontrou uma forma inusitada de celebrar esta época festiva: …

Há 34 anos, Diana dançou com Travolta. Agora, o seu vestido foi vendido por 261 mil euros

O vestido que a Princesa Diana usou para jantar na Casa Branca, em 1985, foi vendido por mais de 261 mil euros. O vestido azul que a Princesa Diana usou num jantar na Casa Branca, em …

Doentes crónicos com baixo nível de literacia em saúde recorrem mais às urgências

Os doentes crónicos e com um nível de literacia em saúde mais baixo utilizam mais vezes os serviços de urgência hospitalares e dos centros de saúde, bem como as consultas de medicina geral e familiar, …

Ártico viveu em 2019 o segundo ano mais quente em 119 anos

O Ártico viveu em 2019 o seu segundo ano mais quente desde 1900, de acordo com um relatório publicado na terça-feira, aumentando receios de degelo e aumento do nível da água. O Polo Norte está a …

Jardineiro encontra por acaso a obra mais procurada de Gustav Klimt. Estava no galeria onde foi roubada

Um funcionário da galeria de arte Ricci Oddi, na cidade italiana de Piacenza, encontrou por acaso a obra mais procurado do pintor austríaco Gustav Klimt. Estava na própria galeria, onde a obra terá sido roubada …