Desemprego na ilha Terceira pode chegar a três mil pessoas com reduções na base das Lajes

O coordenador da União de Sindicatos de Angra do Heroísmo (USAH) salientou que a redução norte-americana na Base das Lajes pode levar ao desemprego de três mil pessoas e apelou à participação numa vigília no domingo.

“Estamos a falar em termos gerais de uma situação que poderá provocar, direta e indiretamente, no concelho da Praia da Vitória, mais de duas mil pessoas sem trabalho e no concelho de Angra do Heroísmo, que tem ficado esquecido e que não tem apontado números, a perda de mais mil postos de trabalho”, salientou Vítor Silva.

O sindicalista falava numa conferência de imprensa conjunta do Sindicato dos Trabalhadores de Alimentação, Bebidas e Similares, Comércio, Escritórios e Serviços dos Açores (SABCES), da USAH e da Comissão Representativa dos Trabalhadores portugueses da Base das Lajes (CRT), em Angra do Heroísmo.

Vítor Silva considerou pecarem por escasso os números tornados públicos até ao momento, que apontam para que o impacto da redução de 650 para 165 militares norte-americanos na Base das Lajes leve ao despedimento de 500 funcionários portugueses.

“Neste momento, sem ter sido despedido um único trabalhador português da Base das Lajes, centenas de trabalhadores indiretamente, a partir de 2012, e com a redução da presença norte-americana, já perderam o seu posto de trabalho”, salientou.

Para o sindicalista, o desemprego é atualmente um flagelo nos Açores e a redução na Base das Lajes associada à conjuntura atual vai aumentar a taxa de desemprego em “dois pontos percentuais”, colocando-a novamente acima dos 20%.

Vítor Silva alertou para os momentos complicados por que passam os setores das pescas e da lavoura, acrescentando que a restauração tem vindo a perder postos de trabalho e que a construção civil terá um “aumento significativo” de desemprego nos próximos meses.

“Com a conjuntura que nós temos, onde não existe capacidade de outros setores absorverem estes postos de trabalho, esta situação é catastrófica”, sublinhou.

Nesse sentido, o sindicalista apelou à “participação maciça” da população da ilha Terceira numa vigília organizada pelo sindicato e pelos trabalhadores, no domingo, às 16h (hora local), no Largo da Luz, na Praia da Vitória.

Para a Comissão Representativa dos Trabalhadores (CRT), esta ação é um “último esforço para que o Governo ponha a mão na consciência e procure evitar este desastre para a ilha Terceira”.

“É chegada a hora de unir esforços e exigir responsabilidades ao Governo português pela forma como todo este processo foi conduzido, aparentemente e mais uma vez, trocando os direitos dos trabalhadores por outros interesses, muitos deles escondidos”, salientou Luís Moniz, da CRT.

Vítor Silva reiterou que “ainda é possível” impor aos norte-americanos um contingente mínimo de 750 trabalhadores portugueses na Base das Lajes como condição para a utilização das infraestruturas, tendo em conta que os postos de trabalho são “a única contrapartida visível” para os Açores.

/Lusa

PARTILHAR

RESPONDER

Campo magnético da Terra pode mudar 10 vezes mais rápido do que se pensava

As mudanças na direção do campo magnético da Terra podem ocorrer dez vezes mais rápido do que se pensava até então, sugerem novas simulações levadas a cabo por cientistas da Universidade de Leeds (Reino Unido) …

O buraco negro mais faminto do Universo engole por dia uma massa equivalente à do Sol

No centro do quasar mais brilhante já descoberto "mora" um dos maiores buracos negros que é também o mais "faminto" de todo o Universo: por dia, engole o equivalente à massa do nosso Sol. As …

Cientistas investigam estranho gelo cor-de-rosa num glaciar dos Alpes italianos

Uma equipa de cientistas anunciou esta segunda-feira estar a tentar averiguar a origem de gelo cor-de-rosa num glaciar nos Alpes italianos. O fenómeno deverá ser provocada por algas que aceleram os efeitos das mudanças climáticas. A origem …

Especialistas de 32 países alertam OMS: covid-19 também se transmite pelo ar

Numa carta aberta à Organização Mundial de Saúde, 239 cientistas pedem que a organização reveja as recomendações que tem emitido, alertando para o facto de a covid-19 poder transmitir-se pelo ar. Numa carta dirigida à Organização …

Moreirense 0-0 Sporting | Nulo em jogo de pólvora seca

A 30ª jornada fechou no Minho com um nulo entre Moreirense e Sporting, que continua sem derrotas sob o comando de Rúben Amorim. A formação leonina poderia muito bem ter vencido em Moreira de Cónegos, pois …

Armazém flutuante. A China está a guardar petróleo no mar (e já se sabe porquê)

A China está a guardar uma quantidade épica de petróleo no mar. De acordo com a CNN, o país comprou tanto petróleo estrangeiro a preços baratos que formou um congestionamento maciço de navios-tanque no mar, …

Peregrinos em Meca proibidos de tocar ou beijar a Caaba por causa da covid-19

Os muçulmanos que vão participar na peregrinação a Meca não poderão tocar ou beijar a Caaba nem a "pedra negra", presentes na Grande Mesquita, local considerado como um dos mais sagrados pelo Islão, informaram as …

Países Baixos continuam a abater milhares de martas. 20 quintas afetadas pela pandemia

Esta segunda-feira, as autoridades holandesas abateram milhares de martas em mais duas fazendas onde foram detetados surtos de covid-19. Esta segunda-feira, as autoridades abateram milhares de martas em mais duas fazendas, sendo agora 20 as quintas …

Cientistas criam robô para fazer testes à covid-19 (e proteger os profissionais de saúde)

O Korea Institute of Machinery & Materials (KIMM) desenvolveu um novo robô de coleta remota de amostras que elimina o contacto direto entre os profissionais de saúde e os pacientes, potencialmente infetados com o novo …

"Não use desodorizante". A peculiar estratégia de Berlim para promover o uso de máscaras nos transportes públicos

"Não use desodorizante". Esta é a peculiar campanha adotada pela empresa que controla os transportes públicos em Berlim, na Alemanha, para promover o uso correto de máscaras, evitando assim novos casos de covid-19.  Tal como escreve …