Ventura exige “desculpas” de Ferro Rodrigues (e Marcelo entra na polémica da “vergonha” com uma graça)

Mário Cruz / Lusa

O deputado do Chega, André Ventura

O deputado André Ventura voltou a exigir um pedido de desculpas do presidente da Assembleia da República, Ferro Rodrigues, depois de ter sido repreendido por usar em demasia a palavra “vergonha” no hemiciclo.

“Custa assim tanto pedir desculpa? Eu já pedi várias vezes. Acho que não é pedir muito para uma situação como esta. Não tem de ser em público. Pode ser em privado. Pode ser chamar-nos e normalizarmos as relações, olharmos para a frente”, afirmou André Ventura após audiência no Palácio de Belém, com o Presidente da República, sobre a proposta governamental de Orçamento do Estado para 2020 (OE2020) que foi entregue na segunda-feira no Parlamento.

“Nós achamos que temos razão. Acho que a maior parte do país acha que temos razão. Não queremos eternizar o conflito. Eu, como comentador televisivo e político, várias vezes me excedi. O que fiz? Pedi desculpa”, acrescentou o deputado do Chega.

Quando Ventura se sentou para o encontro com o Presidente da República, Marcelo Rebelo de Sousa fez um comentário jocoso, aludindo à recente polémica com Ferro Rodrigues. O chefe de Estado comentou que pretendia dar um passeio após o encontro, porque estava bom tempo, mas que, infelizmente, as condições atmosféricas alteraram-se, algo que descreveu como “uma vergonha”, a mesma expressão usada pelo líder do Chega no Parlamento e que foi criticada por Ferro. Ventura respondeu, entre gargalhadas, que era o que ele próprio diria.

“Não quero transmitir nada que tenha sido parte da conversa com o Presidente da República porque entendo que as instituições merecem esse respeito. Posso dizer que temos visões diferentes do que aconteceu. Acho que isso não é revelador de absolutamente nada do que tenha sido dito no meu enorme respeito pelo Presidente da República”, disse Ventura.

Segundo o parlamentar do Chega, é intenção do seu partido que o conflito com a segunda figura do Estado português “não se eternize nem agudize”.

“A solução não passa só por mim, passa por Ferro Rodrigues dar um passo nesse sentido”, continuou.

André Ventura lamentou ainda declarações de Ferro Rodrigues, na quinta-feira, horas depois de os dois se terem desentendido, afirmando que “isto tem de ser travado a tempo”.

Nós não somos ‘isto’, somos um partido com representação parlamentar. Os únicos que me podem travar estão lá fora e são os portugueses, não é o presidente da Assembleia da República”, concluiu o representante do Chega.

ZAP // Lusa

 

PARTILHAR

8 COMENTÁRIOS

  1. Tu e todos os deputados que faltam ao respeito uns aos outros no Parlamento é que deviam pedir desculpa aos portugueses pelo vosso respeito, quando se ofendem uns aos outros estão a ofender quem os elegeu, mas como o Parlamento já há muitos anos passou a ser uma tasca tudo é admitido desde deputados a mandarem os outros para o C… com todas as letras, ministros na A.R. fazerem gestos obscenos e outros perdidos de bêbados a cantar em pela A.R. já me mostrou a qualidade de políticos que os portugueses elegem, Ventura e tu quando dizes que é uma vergonha o Parlamento está a incluir te ou estas a pôr o rabiosque de fora?

  2. esse vigarista devia ja ter pedido desculpa e sumir da vista por causa da falsificacao das assinaturas

    ele e afinal de contas mais outro vigarista para a colecao

    se as eleicoes mudassem algo ha muito teriam sido proibidas

    • Pedir desculpa, pode vir o PS que nos deu o Pinto de Sousa, o Vara, os Penedos (pai e filho), os manos e a prima Pedroso, a Rodrigues, o Lino….

RESPONDER

CTT reclamam dívidas de 67 milhões ao Estado

Os CTT iniciaram um processo de arbitragem contra o Estado, reclamando um total de 67 milhões de euros em compensações pelo impacto da pandemia de covid-19 e pela extensão unilateral do contrato de concessão. "Os CTT …

O candidato de Costa ao Porto só durou 24 horas (e a "asneira" pode sair-lhe cara)

Está lançada a confusão no PS Porto com a escolha do candidato do partido às próximas eleições autárquicas. O secretário de Estado da Mobilidade, Eduardo Pinheiro, não resistiu às reacções negativas à sua escolha para …

Mourinho Félix ao ataque. BdP "subjugou-se" à ex-ministra das Finanças

O antigo secretário de Estado Adjunto e das Finanças criticou, esta sexta-feira, a "falha grave" do Banco de Portugal (BdP) ao se ter subjugado à antiga ministra das Finanças quanto à capitalização inicial do Novo …

Castillo obtém a maioria dos votos nas Presidenciais peruanas

Pedro Castillo obteve a maioria dos votos nas eleições presidenciais de domingo no Peru, com 50,168% dos votos, restando apenas 0,328% para contar, uma distância que a sua rival, Keiko Fujimori, não será capaz de …

Câmara de Lisboa arrisca multa de 80 milhões devido à partilha de dados

A Câmara Municipal de Lisboa (CML) terá cometido quatro violações à lei da Proteção de Dados, puníveis cada uma com uma coima até aos 20 milhões de euros. Em declarações ao jornal Público, Elsa Veloso, advogada …

Joanetes e ossos partidos. A moda dos sapatos pontiagudos teve um alto custo na Inglaterra medieval

A moda dos sapatos pontiagudos na Inglaterra medieval desencadeou uma onda de joanetes, que, por sua vez, levaram a que as pessoas caíssem e partissem ossos. O século XIV assistiu à chegada de uma abundância de …

Sir António Horta Osório. Português foi condecorado pela Rainha Isabel II

O gestor português do setor da banca foi condecorado, este sábado, pela Rainha Isabel II com o grau de cavaleiro da Ordem do Império britânico, passando a ter direito ao título de "Sir" antes do …

Época balnear abre este sábado na maioria das praias (mas com regras)

A época balnear abre oficialmente este sábado na grande maioria das praias portuguesas, sujeitas pelo segundo ano consecutivo a regras para prevenção, contenção e mitigação da transmissão da infeção por covid-19. Segundo uma portaria publicada em …

Pessoas com pupilas grandes são mais inteligentes

O tamanho das nossas pupilas diz mais sobre nós do que imaginávamos. Cientistas descobriram que há uma surpreendente correlação entre o tamanho inicial da pupila e a inteligência fluida. Um novo estudo sugere que o tamanho …

EUA retiram milhões de doses da vacina Johnson & Johnson de circulação

A agência norte-americana do medicamento (FDA) mandou descartar milhões de vacinas Johnson & Johnson contra a covid-19 após problemas detetados na fábrica em Baltimore, divulgaram vários órgãos de comunicação social. Apesar da decisão, dois lotes daquela …