Descoberta em Pompeia uma das perfumarias mais bem conservadas da Roma Antiga

Uma equipa de arqueólogos descobriu no sítio arqueológico de Pompeia, no sul de Itália, uma das perfumarias mais bem conservadas da Roma Antiga.

Em comunicado esta semana divulgado, a equipa de especialistas, que reuniu arqueólogos espanhóis da Universidade de Granada, do Instituto Valenciano de Restauração e do Serviço Municipal de Pesquisa Arqueológica de Valência, precisa que a antiga perfumaria foi encontrada na Casa Ariadna, localizada na zona Regio VII.

A equipa trabalhava há anos nas ruínas da cidade antiga destruída pela violenta erupção do Vesúsio em 79 d.C, tendo os resultados da investigação sido publicados num volume dedicado ao artesanato na antiguidade pela editora Archaeopress Archaeology (2020).

Além de um grande número de frascos e unguentos [encontrados em recipientes] cerâmica e vidro, que comprovam a venda ao público dos perfumes, também conseguimos analisar toda a cadeia produtiva e esclarecer como é que se produziam essências”, disse Macarena Bustamante-Álvarez, uma das autoras do estudo, citada pelo jornal ABC.

O primeiro passo para criar perfumes romanos passava por prensar azeitonas e flores de forma a obter uma base oleosa do produto, bem como essências florais. Os arqueólogos espanhóis encontraram na perfumaria da Casa Ariadna os restos de uma prensa que terá servido para esta mesma função.

Os produtos que resultavam da prensa eram depois finalizados misturando-se em pias alinhadas hidraulicamente, usando-se também alguns compostos de origem animal como “aglutinadores” dos produtos que. Uma vez maceradas, estas essências poderiam então ser “engarrafadas” e estavam prontas para serem comercializadas.

“No nosso estudo, propusemos que produtos cosméticos foram preparados nestas instalações usando gorduras semelhantes à lanolina [gordura de consistência sólida, amarelo âmbar, retirada da suarda de carneiro] atual, ilação que pode ser deduzida a partir da localização próxima de um espaço de lanificação, isto é, um espaço onde a lã era trabalhada e lavada”, explicou Macarena Bustamante-Álvarez.

E acrescentou: “Nas primeiras lavagens da lã ainda suja, esta gordura foi extraída, o que serviu depois de base para algumas preparações cosméticas”.

Quanto à utilização destes perfumes na Roma Antiga, os especialistas acreditam que estes foram utilizados em práticas cosméticas e higiénicas semelhantes às de hoje, bem como em rituais funerários e como presentes.

O parque arqueológico de Pompeia reabriu ao público esta terça-feira, dia 26 de maio, depois de ter fechado portas por causa da pandemia de covid-19. Reconhecida como Património Mundial da UNESCO, Pompeia é uma das atrações turísticas mais procuradas em Itália, recebendo anualmente cerca de 2 500 000 visitantes.

ZAP //

PARTILHAR

RESPONDER

Cidade japonesa acaba de proibir a utilização de telemóveis enquanto se caminha

A cidade japonesa de Yamato acaba de aprovar uma proposta de lei que proíbe as pessoas de utilizarem telemóveis enquanto caminham. A cidade, localizada num subúrbio de Tóquio, entende que os telemóveis são um risco …

MIT apagou base de dados popular que ensinou IA a ser racista e sexista

O Instituto de Tecnologia de Massachusetts (MIT), nos Estados Unidos, viu-se obrigado apagar uma base de dados de treinamento de Inteligência Artifical (IA) depois de esta ensinar vários algoritmos a usar insultos racistas e sexistas. …

Escola Básica e fábrica de Paços de Ferreira encerradas, com nove casos positivos

A Escola Básica n.º 2 e a Fábrica de Lacados Abrelac, em Paços de Ferreira, Porto, foram encerradas após diagnosticados nove casos de covid-19 para “prevenção” e para “interromper as cadeias de transmissão”, disseram hoje …

Mais nove mortes e 328 casos confirmados em Portugal

Portugal regista hoje mais nove óbitos por covid-19, em relação a sábado, e mais 328 casos de infeção confirmados, dos quais 254 na região de Lisboa e Vale do Tejo, segundo os dados da Direção-Geral …

Cientistas criam miniatura de ondas de choque de supernovas (e quase desvendam um mistério)

Esta versão em miniatura das ondas de choque das supernovas pode ter ajudado os cientistas a chegar muito perto da resolução de um antigo mistério cósmico. Uma equipa de investigadores do Departamento de Energia do Centro …

Na Indonésia, são os recém-licenciados quem mais vai sofrer com o impacto económico da covid-19

A covid-19 continua a desacelerar a economia na Indonésia e pode causar graves impactos nos recém-licenciados que entram no mercado de trabalho pela primeira vez. Na Indonésia, o crescimento económico diminuiu para 2,97% durante o primeiro …

Mudanças climáticas ameaçam 60% das espécies de peixes do mundo

Uma nova investigação levada a cabo por cientistas do Instituto Alfred Wegener, na Alemanha, sugere que as mudanças climáticas podem destruir mais espécies de peixes do que se pensavam anteriormente. Se as temperaturas globais subirem …

Engenheiros desenvolvem célula de combustível duas vezes mais eficiente do que a de hidrogénio

Uma equipa de engenheiros da Universidade de Washington, nos Estados Unidos, desenvolveu um novo processo para uma célula de combustível que funciona com o dobro da tensão das células a combustível tradicionais de hidrogénio. O novo …

Preços das bebidas concertados durante anos. Seis supermercados sob suspeita de cartel

Seis grupos de distribuição alimentar e dois fornecedores de sumos, vinhos e outras bebidas, foram acusados pela Autoridade da Concorrência de concertarem preços durante vários anos em prejuízo do consumidor. "Após investigação, a Autoridade da Concorrência, …

Sindicato denuncia mobilização forçada de médicos para tratar surto de Reguengos de Monsaraz

O Sindicado dos Médicos da Zona Sul (SMZS) denunciou hoje o que diz ser uma “mobilização forçada de médicos” pela Administração Regional de Saúde (ARS) do Alentejo para o combate ao surto de covid-19 de …