Descoberta histórica. Afinal, múmia de padre era uma mulher egípcia (e estava grávida)

Warsaw Mummy Project

Pela primeira vez, os antrópologos encontraram uma múmia egípcia grávida depois de verem um “pé minúsculo” no útero da mulher. 

Uma equipa de cientistas do Projeto Múmia de Varsóvia, na Polónia, estavam a analisar o corpo mumificado, que inicialmente se pensava ser um sacerdote egípcio chamado Hor-Djehuty, quando percebeu que, afinal, era uma mulher.

“Já estávamos na fase de resumir o projeto e enviar a publicação para impressão. Com o meu marido Stanisław, um arqueólogo do Egito, demos uma última olhada nas imagens e notámos uma imagem familiar para pais de três filhos no abdómen da falecida: um pequeno pé”, contou Marzena Ożarek-Szilke, antropóloga e arqueóloga na Faculdade de Arqueologia da Universidade de Varsóvia, em declarações ao Science in Poland.

Realizando análises detalhadas de imagens de uma tomografia e raios-X, os investigadores conseguiram ver todo o feto, o que revelou que a mulher estava com entre 26 a 28 semanas de gravidez.

“Por razões desconhecidas, o feto não foi removido do abdómen durante a mumificação. Por isso, a múmia é realmente única. A nossa múmia é a única com um feto no útero identificada até agora no mundo”, explicou Wojciech Ejsmond, do Instituto de Culturas Mediterrâneas e Orientais.

Até agora, a equipa ainda não conseguiu identificar o sexo do bebé nem as razões pelas quais foi mantido no útero.

A múmia foi trazida para a Polónia no século XIX e, de acordo com Ejsmond, acreditou-se durante muito tempo que havia uma múmia de mulher dentro do caixão, algo que foi documentado na literatura da época.

Só no período entre guerras é que os cientistas decifraram hieróglifos no caixão, que indicavam claramente o seu dono, o padre Hor-Djehuty, e concluiu-se que o caixão continha os seus restos mortais.

Em 2016, o mesmo grupo de especialistas descobriu, depois de usar uma tomografia computadorizada, que a múmia era, na verdade, uma mulher.

A primeira pista foi a delicada estrutura esquelética do “padre”. “Esta foi a primeira indicação de que não estávamos a lidar com a pessoa identificada na inscrição no caixão, no qual o corpo havia sido colocado”, disse Ożarek-Szilke.

Análises antropológicas subsequentes e mais detalhadas convenceram os investigadores de que era um corpo de mulher, uma vez que não tinha pénis. Os cientista também prepararam uma visualização 3D do corpo que mostrava cabelos longos e encaracolados e seios mumificados.

Agora, os cientistas querem desvendar o mistério da causa da morte da mulher. “A alta mortalidade durante a gravidez e o parto naquela época não é um segredo. Portanto, acreditamos que a gravidez pode de alguma forma ter contribuido para a morte da jovem”, disse Ejsmond.

Os investigadores planeiam analisar traços de sangue da mulher preservados em tecidos moles para tentar determinar a causa da morte, já que algumas toxinas ligadas a doenças específicas podem ser detetadas ainda hoje.

Este estudo foi publicado em abril na revista científica Journal of Archaeological Science.

  Maria Campos, ZAP //

 

PARTILHAR

1 COMENTÁRIO

RESPONDER

Entre "bomba atómica" e "cozinhado" de última hora, Marcelo recebeu Rangel (para irritação de Rio)

O Presidente da República recebeu Paulo Rangel numa altura em que tenta ainda "cozinhar" um entendimento de última hora para aprovação do Orçamento de Estado para 2022, de modo a evitar a "bomba atómica" da …

Sarabia (2E) do Sporting disputa a bola com Ricielli (2D) do Famalicão durante jogo da Taça da Liga

Sporting 2-1 Famalicão | Leões roubaram a bola e não deram hipóteses

O Sporting venceu o Famalicão 2-1, em jogo do grupo B da Taça da Liga, no qual, apesar da diferença mínima, não deu hipóteses ao adversário e controlou-o desde o primeiro ao último minuto. Finalmente Rúben …

Cidade australiana está a dar terrenos de graça para atrair novos moradores

Uma cidade em Queensland, na Austrália, está a doar terrenos numa tentativa de aumentar a sua população de apenas 800 pessoas. Em declarações ao site news.com.au, as autoridades da cidade australiana de Quilpie explicaram que estão …

Princesa Mako e o marido Komuro Kei

Entre escândalos na imprensa e stress pós-traumático, nada deteve o amor da Princesa Mako pelo plebeu Kei Komuro

A monarca japonesa vai abandonar a vida real e viver nos EUA com o marido, um advogado plebeu que conheceu em 2012 na Universidade. A imprensa tem escrutinado a vida de Komuro Kei, que consideram …

Depressão: o relato de Vanessa Fernandes

Escrava do seu sucesso, a vencedora de uma medalha nos Jogos Olímpicos confessa que teria ficado destruída, caso não tivesse pedido ajuda. A ideia era sempre "ganhar e ser a melhor" mas, nos bastidores, Vanessa Fernandes …

Squid Game. Coreia do Norte ataca Coreia do Sul com base no novo sucesso da Netflix

A série "Squid Game", que é a mais vista de sempre na Netflix, tornou-se tão popular que nem a Coreia do Norte ficou indiferente — mas por maus motivos. Enquanto a série sul-coreana tem conquistado espectadores …

O jogador do Santa Clara, Chindris, festeja um golo contra o FC Porto

Santa Clara 3-1 FC Porto | Eficácia atira dragões para fora da Taça da Liga

O Santa Clara recebeu e venceu hoje o FC Porto por 3-1, atirando os portistas para fora da Taça da Liga, num jogo em que a eficácia açoriana fez a diferença. Os golos do triunfo açoriano …

O Presidente do Governo Regional da Madeira, Miguel Albuquerque

Albuquerque mostrou-se disponível para negociar o OE, mas Rio diz que "a Madeira não está à venda"

O presidente do Governo Regional da Madeira, Miguel Albuquerque, manifestou hoje disponibilidade para conversar com o Governo sobre o OE, mas Rui Rio garantiu que os deputados madeirenses não vão contrariar o partido. “Se for para …

Golpe de Estado no Sudão. Confrontos nas ruas causam sete mortos e 140 feridos

Milhares de sudaneses têm saído às ruas para protestarem a tomada do poder pelos militares. A comunidade internacional tem sido unânime na condenação ao golpe de Estado. Na sequência do golpe de Estado de segunda-feira, os …

Amnistia Internacional pede que EUA retirem acusações a Assange e a Londres que evite extraditá-lo

A Amnistia Internacional (AI) pediu aos Estados Unidos que retirem as acusações contra o fundador da Wikileaks, Julian Assange, e ao Reino Unido que evite extraditá-lo, pedido feito hoje antes do início, quarta-feira, de nova …