Derrocada em Miguel Bombarda obriga a corte de trânsito no Porto

Manuel de Sousa / Wikimedia

-

Uma derrocada num edifício da rua Miguel Bombarda, no Porto, e o risco de ruína da fachada obrigaram hoje ao encerramento do centro de saúde e ao corte do trânsito de parte da artéria, constatou a Lusa no local.

Fonte da Proteção Civil municipal revelou à Lusa que “o risco é a fachada cair”, pelo que parte da rua foi cortada à circulação automóvel para “realizar já” os “trabalhos de mitigação dos estragos”, com vista a “salvaguardar a segurança na via pública” antes do regresso do mau tempo.

Por precaução, foi encerrada a Unidade de Saúde Familiar de S. João, instalada no número 234 daquela rua, num edifício contíguo ao da derrocada, indicou a mesma fonte, presente no local.

A fonte da Proteção Civil explicou ainda que os trabalhos com vista a evitar novas derrocadas têm de realizar-se “ainda hoje, por causa das previsões de mau tempo” para terça-feira.

O Batalhão de Sapadores Bombeiros do Porto foi informado do desabamento de “uma das paredes de um edifício” pelas 13:07.

O corte de trânsito na rua Miguel Bombarda começa a seguir ao cruzamento daquela artéria com a rua do Rosário.

Fonte dos Bombeiros Voluntários do Porto revelou à Lusa que aquela corporação respondeu, pelas 14h05, a um pedido do Batalhão de Sapadores Bombeiros para retirar, de “uma casa comercial”, um vidro “a ameaçar cair para a via pública”.

De acordo com a mesma fonte, a situação será resultado do “mau tempo”.

Protecção Civil retira “elementos instáveis” de prédio

O comandante do Batalhão de Sapadores Bombeiros do Porto, Rebelo de Carvalho, revelou ao fim da tarde estarem em preparação trabalhos para eliminar do prédio “os elementos instáveis” que podem cair na via pública.

A intenção é “manter a fachada” do imóvel privado e “tentar fixá-la”, mas Rebelo de Carvalho admitiu à Lusa tratar-se de um “trabalho minucioso”, alvo de uma “avaliação contínua” em função dos elementos que forem sendo retirados.

Para “reduzir o perigo dos elementos instáveis que possam cair na via pública”, a Proteção Civil do Porto aguarda pela chegada das máquinas que vão auxiliar as operações, ainda sem previsão quanto ao tempo que poderão demorar.

“É um trabalho delicado. Vamos tentar que seja o mais rápido possível, em segurança”, frisou Rebelo de Carvalho, esclarecendo que o imóvel devoluto é privado e que o seu proprietário está no local a acompanhar a situação.

Rebelo de Carvalho recusou tratar-se de uma demolição e frisou que a intenção é não mexer nas “peças que apresentem segurança”.

O comandante esclareceu ainda que depois da derrocada de parte do edifício, perto das 13h, foi “criado um perímetro de segurança” e, “após uma inspeção e avaliação”, tomada a “decisão de encerrar o centro de saúde situado no edifício contíguo”.

/Lusa

PARTILHAR

RESPONDER

Empresa norte-americana quer recuperar o transmissor do Titanic que lançou as chamadas de socorro

A empresa privada norte-americana RMS Titanic Inc quer remover o equipamento de rádio da empresa Marconi que está entre os destroços do Titanic. A empresa pretende levar a cabo a "remoção cirúrgica" dos aparelhos de …

Luigi di Maio deixa liderança do Movimento 5 Estrelas

O líder do Movimento 5 Estrelas (M5S) demitiu-se da liderança, esta quarta-feira, e apelou a uma refundação do partido italiano, que atravessa uma crise interna e uma série de maus resultados em eleições regionais. Luigi Di …

Nova técnica combina injeções geladas e salgadas para combater a gordura

Uma equipa de cientistas, da Universidade de Harvard e do Hospital Geral de Massachusetts, testou um novo tratamento que derrete a gordura da barriga. A nova técnica, desenvolvida por investigadores da Universidade de Harvard e do Hospital …

Jogadores "imploraram pela vida" em Alcochete

O lateral esquerdo Lumor e o guarda-redes Salin foram ouvidos, esta quarta-feira, na 21.ª sessão do julgamento da invasão à academia leonina. Lumor, que está emprestado pelo Sporting ao Maiorca, de Espanha, foi ouvido através do …

Mais de metade dos jovens escolhe os mesmos empregos

Mais de metade dos adolescentes portugueses querem ter os mesmos empregos e, a nível internacional, muitos jovens escolhem carreiras que exigem qualificações académicas, mas para as quais não pretendem estudar. O maior inquérito que avalia o …

Salvador Sobral entra no filme de Will Ferrell sobre a Eurovisão

Salvador Sobral vai aparecer no filme "Eurovision" e já gravou uma cena com Will Ferrell. O vencedor da Eurovisão em 2017 vai cantar uma canção no filme da Netflix e ainda contracenar com o ator …

Para evitar a desertificação, há uma cidade a vender casas a 1 euro

A cidade de Bisaccia, em Itália, está a vender 90 imóveis por apenas um euro. O compromisso é que os compradores renovem as habitações. A cidade italiana de Bisaccia, no sul da Campânia, em Itália, está …

Daniel Podence a caminho do Wolverhampton

Daniel Podence deverá ser anunciado em breve como novo reforço dos Wolves, equipa inglesa orientada por Nuno Espírito Santo e na qual já jogam outros sete portugueses. De acordo com o jornal O Jogo, Daniel Podence …

"Quando o PS é oposição, os sindicalistas são valiosos. Quando é poder, empecilhos"

José Abraão, do Sindicato dos Trabalhadores da Administração Pública, deixou duras críticas ao Governo por não se sentir incluído no processo das decisões políticas. Para José Abraão, o Partido Socialista não valoriza o papel dos sindicatos. …

Governo admite gratuitidade em creches para 40 mil crianças

A ministra do Trabalho, Solidariedade e Segurança Social confirmou, esta quarta-feira, a intenção de criar sete mil novos lugares de creches e admitiu a gratuitidade da frequência para 40 mil crianças. Ana Mendes Godinho falava hoje …