Demissão no PS Guarda após chumbo da lista liderada pela candidata de Costa

Tiago Petinga / Lusa

O presidente da Federação Socialista da Guarda, Pedro Fonseca, anunciou que vai demitir-se do cargo depois de a lista de candidatos às eleições legislativas, liderada por Ana Mendes Godinho, que foi apontada por António Costa, ter sido chumbada pela distrital.

A lista proposta pela Federação do PS/Guarda foi chumbada por um voto (obteve 29 votos contra, 28 a favor e um branco) na reunião da Comissão Política Distrital realizada na terça-feira à noite.

Esta lista rejeitada é liderada por Ana Mendes Godinho, a secretária de Estado do Turismo, que foi escolhida pelo secretário-geral do PS, António Costa.

Nos lugares seguintes estão, por ordem, os nomes de Pedro Fonseca (líder distrital dos socialistas e vereador na Câmara Municipal da Guarda), Olga Marques (ex-presidente das Mulheres Socialistas no distrito da Guarda, indicada por Celorico da Beira), Fábio Pinto (por indicação da Juventude Socialista), Telma Mano (Figueira de Castelo Rodrigo) e Jorge Liça (Vila Nova de Foz Côa).

Com a rejeição da lista proposta pela Federação, o dirigente Pedro Fonseca disse à Lusa que vai demitir-se esta quarta-feira do cargo de líder distrital do PS/Guarda e que renunciará ao mandato de vereador na próxima reunião de Câmara, agendada para segunda-feira, 22 de Julho.

Pedro Fonseca justifica a decisão por ter “maioria na Comissão Política Distrital” socialista e por esta não o ter acompanhado na proposta apresentada.

“O responsável pela lista que foi proposta sou eu. Até hoje tudo o que apresentei à Comissão Política Distrital foi aprovado. O apoio que eu tinha na Comissão Política Distrital desapareceu hoje e, se isso desaparece, eu desapareço com ele. Não tendo apoio, ninguém precisa de me indicar a porta, eu sei sair”, justificou.

O socialista, que desempenha as funções de presidente da Federação do PS da Guarda desde Março de 2018, disse que a demissão “é irreversível” e que aguarda indicações de Lisboa, da estrutura nacional, para tratar do processo.

O responsável também já comunicou ao presidente da Comissão Política Concelhia local a renúncia ao mandato de vereador na Câmara Municipal da Guarda.

“Não sou um empecilho para o partido, nunca vivi do partido, nunca vivi da politica, nunca tive remuneração nenhuma e vivo de acordo com a ética republicana. Eu não dependo da política, mas dependo dos valores fundamentais da ética republicana”, afirmou.

Em relação a Ana Mendes Godinho, proposta por António Costa para liderar a lista pelo círculo eleitoral da Guarda, Pedro Fonseca diz que “é uma excelente cabeça de lista“.

“Eu concordei com ela para cabeça de lista. É uma pessoa com um trabalho político extraordinário, com qualidades humanas”, disse.

Pedro Fonseca remete mais explicações para uma conferência de imprensa que realizará na quinta-feira, pelas 18 horas.

Em 2015, a lista socialista na Guarda foi encabeçada por António José Santinho Pacheco, seguido da actual porta-voz do PS, Maria Antónia de Almeida Santos.

ZAP // Lusa

PARTILHAR

RESPONDER

Cientista americana diz estar certa de que a Terra será atingida por asteroide

https://vimeo.com/355132338 Uma cientista americana de uma ONG dedicada a proteger a Terra diz que é 100% certo que um asteroide atingirá o nosso planeta. A cientista é Danica Remy, presidente da Fundação B612. Após um asteroide não …

NASA vai mesmo explorar Europa, a lua de Júpiter que pode ter vida extraterrestre

A NASA deu luz verde a uma missão para explorar uma lua de Júpiter que é considerada um dos melhores candidatos para a vida extraterrestre. A Europa - que é um pouco mais pequena do que …

País de Gales cancela plano controverso de criar "casas de banho robô"

O objetivo da construção era impedir atividade sexual, vandalismo e dormidas nas casas de banho públicas. O projeto ia recorrer às tecnologias de piso sensível ao peso, jatos de água, sensores anti-movimento e alarmes. O conselho …

Sem saber, uma mulher viveu durante 17 anos com a sua "gémea" dentro dela

Uma jovem na Índia, sem saber, viveu com uma das condições médicas mais raras e perturbadoras durante quase duas décadas. De acordo com um relatório de caso desta semana, a mulher tinha um saco que continha …

Novo filme da saga 007 já tem nome e data de estreia marcada

O novo filme da saga 007, realizado por Cary Fukunaga chama-se "No time to die" e estreia-se no Reino Unido e nos Estados Unidos em abril de 2020. "Daniel Craig regressa como James Bond, 007 em... …

Comporta pode tornar-se na nova Ibiza (e tudo começou com a queda do BES)

Após anos de um quase esquecimento, em termos de desenvolvimento imobiliário, a Comporta está a atrair investidores internacionais que encaram a pequena vila de Setúbal como uma "nova Ibiza". Um cenário que está a preocupar …

Família de Aretha Franklin cria fundo para a investigação de cancro raro

Um ano após a morte da cantora, a família de Aretha Franklin criou um fundo de apoio à investigação na área dos tumores neuroendócrinos, a doença rara que se revelou fatal para a celebridade, a …

Sporting vai monitorizar tudo o que se diz e escreve sobre jogadores

A empresa Noisefeed tem uma enorme base de dados relativa à atividade nas redes sociais de milhares de jogadores a nível global. Os jogadores de futebol de todo o mundo usam, cada vez mais, as redes …

Boris janta hoje com Merkel para mudar acordo. Maioria quer novo referendo

A pouco mais de dois meses da data marcada para a saída do Reino Unido da União Europeia, uma nova sondagem mostra que a maioria dos britânico quer que qualquer novo acordo vá a referendo. Um …

Oficial: Pardal Henriques candidato a deputado pelo partido de Marinho Pinto

O advogado Pedro Pardal Henriques anunciou esta quarta-feira que aceitou o convite para encabeçar a lista do PDR a Lisboa, deixando de ser porta-voz do Sindicato Nacional dos Motoristas de Matérias Perigosas para "não misturar …