Como resolver o problema de deficiência de vitamina D? Disparar luz ultravioleta em cogumelos

Disparar radiação ultravioleta em cogumelos pode aumentar astronomicamente os seus níveis de vitamina D, resolvendo o problema mundial de deficiência e insuficiência desta vitamina crucial.

PUBLICIDADE
PUBLICIDADE

Há um problema mundial de insuficiência e deficiência de vitamina D. Mais de metade da população mundial não está a receber vitamina D suficiente, o que pode aumentar o risco de dezenas de doenças, como osteoporose, cancro e até covid-19.

Estudos recentes sugerem que atingir cogumelos com radiação ultravioleta pode aumentar a produção das centenas de compostos que os cogumelos têm e que são bons para a nossa saúde.

A insuficiência e deficiência de vitamina D podem ser justificadas fundamentalmente pelo estilo de vida e dieta alimentar das pessoas. Conforme os humanos diminuem o seu tempo ao ar livre e aumentam o uso de protetor solar, são expostos a menos radiação UV, explica o Big Think.

Quanto à comida, não são muitos os alimentos ricos em vitamina D. Peixes de viveiro e galinhas de aviário têm menos de um quarto da vitamina D encontrada nos seus congéneres do mar e do campo, respetivamente.

Os cogumelos são a única fonte de vitamina D não-animal. Algumas espécies de cogumelos têm quatro vezes a dose diária recomendada desta vitamina em apenas. Ou seja, o equivalente a 12 cogumelos Paris tem tanta vitamina D como duas porções de salmão selvagem ou dez de salmão de viveiro.

O problema é que cogumelos criados comercialmente também têm pouca vitamina D. A solução pode passar por expo-los a radiação ultravioleta.

“Quando nós, humanos, somos atingidos pela luz ultravioleta, o nosso colesterol começa a produzir vitamina D na pele através de um processo fotoquímico. Isto é semelhante ao que acontece no cogumelo, mas aqui é o ergosterol que é convertido em vitamina D através da energia da luz ultravioleta”, diz Hanne L. Kristensen, cientista da Universidade de Aarhus.

Em 2015, cientistas conseguiram aumentar os níveis de vitamina D de cogumelos Shiitake de 2,3% do valor diário de referência por porção para 100%. Conseguiram esta melhoria disparando raios ultravioleta contra os cogumelos durante duas horas.

Outra equipa de investigadores descobriu um novo método para aumentar os níveis de vitamina D para 4.600% do valor diário de referência. Isto foi possível colocando os cogumelos em etanol durante a irradiação para proteger a vitamina D da degradação.

“É evidente que a irradiação ultravioleta é benéfica ao aumentar significativamente o conteúdo nutracêutico”, escrevem os autores da revisão da literatura publicada na revista International Journal of Food Science & Technology.

  Daniel Costa, ZAP //

Deixe o seu comentário

Your email address will not be published.