DCIAP recusa afastar procuradores que investigam Manuel Pinho

José Sena Goulão / Lusa

O ex-ministro da Economia, Manuel Pinho

O diretor do Departamento Central de Investigação e Ação Penal, Amadeu Guerra, recusou afastar os procuradores que estão a investigar as suspeitas de corrupção que envolvem a EDP, o Grupo Espírito Santo e o antigo ministro da Economia, Manuel Pinho.

“O advogado do antigo ministro da Economia pediu o afastamento dos procuradores Carlos Casimiro e Hugo Neto, mas o diretor do DCIAP, Amadeu Guerra, mantém a confiança nos titulares do processo que investiga suspeitas de corrupção envolvendo Pinho, a EDP e o Grupo Espírito Santo”, refere o Expresso, que avançou com a notícia esta quinta-feira.

Sempre que é feito um pedido deste género, os magistrados em causa ficam impedidos de realizar qualquer tipo de diligência no processo. Neste caso, impedia a realização de um interrogatório a Manuel Pinho que estava agendado para 17 de Julho.

Manuel Pinho foi constituído arguido em junho de 2017, mas em maio, o juiz de instrução, Ivo Rosa, declarou nula essa diligência, o que levou à apresentação de um recurso pelos procuradores no Tribunal da Relação de Lisboa. Ainda se aguarda pela decisão dessa instância superior.

A investigação judicial investiga a eventual prática de crimes na elaboração e concretização de contratos feitos entre o Estado e produtores elétricos, em especial a EDP, que possam ter resultado em rendas excessivas pagas pelos contribuintes.

Manuel Pinho foi Ministro da Economia e da Inovação entre 2005 e 2009, no Governo maioritário de José Sócrates.

ZAP //

PARTILHAR

4 COMENTÁRIOS

  1. “O advogado do antigo ministro da Economia pediu o afastamento dos procuradores Carlos Casimiro e Hugo Neto,…”
    É preciso muito descaramento.
    Mas enquanto os procedimentos judiciários permitirem estes expedientes dilatórios, a justiça vai arrastando os pés.

  2. Quem é este artista Ivo Rosa? Mais um da seita PS? Ou amigo do Rangel? Então não bastava saber que o Nelito tinha recebido uns milhões por fora enquanto era ministro?

RESPONDER

Síria. Crianças morrem ao frio após ofensivas do regime de Bashar Al-Assad

A intensificação da ofensiva das forças governamentais em Aleppo e em Idlib, na Síria, levaram a que milhares de famílias tivessem que se deslocar para o noroeste do país, na fronteira com a Turquia. Nas …

Rolando é reforço do Sporting de Braga

Sem clube desde que deixou o Marselha no verão, Rolando é o novo reforço do Sporting de Braga. O defesa de 34 anos deverá ser apresentado pelo clube minhoto ainda hoje. Dado ao facto de estar …

Quinta do Lazareto rende 13 milhões à Sonangol

A alienação da Quinta do Lazareto, um dos ativos imobiliários que a Sonangol pôs à venda em Portugal, rendeu à petrolífera angolana 13 milhões de euros, 45% acima da expetativa inicial, segundo uma administradora da …

Professores exigem negociações sobre progressão da carreira e ameaçam avançar para tribunal

Cerca de 50 professores concentraram-se esta quinta-feira em Bragança, onde decorre o primeiro Conselho de Ministros descentralizado, para exigir a abertura das negociações com a tutela, avisando que, se o Governo não o fizer, a …

Governo dá mais dias de férias a funcionários que se mudem para o interior

O Governo aprova esta quinta-feira em Conselho de Ministros um regime de incentivos para os funcionários da Administração Pública que decidam ir trabalhar para o interior, com ajudas de custo ou compensações financeiras e mais …

Autarquias têm mais um ano para preparar descentralização

O Governo decidiu dar mais tempo às autarquias para estas se prepararem para a descentralização. O prazo passa para o primeiro trimestre de 2022. Segundo avançou o Jornal de Notícias, citado pelo ECO, após críticas aos …

Sá Fernandes ponderou sair do Livre (e apoia eventual candidatura de Ana Gomes a Belém)

Na sua primeira grande entrevista após o caso Joacine, Ricardo Sá Fernandes, dirigente do Livre, revelou ao Observador que ponderou sair do partido e admitiu apoiar uma possível candidatura da ex-eurodeputada socialista Ana Gomes às …

Medina diz desconhecer caso do alegado falso engenheiro

O presidente da Câmara de Lisboa, Fernando Medina, disse esta quarta-feira que não ter informação sobre o alegado falso engenheiro da empresa Tanagra, com quem a autarquia celebrou vários contratos para obras públicas. A TVI noticiou …

Parlamento debate fim das comissões bancárias no MB Way e nas prestações da casa

O Parlamento debate esta quinta-feira projetos do BE, do PCP, do PS, do PAN e do PSD sobre limitação e proibição de comissões bancárias, tendo os bloquistas, que agendaram esta discussão, expectativa de que os …

Castração química. Bloco de Esquerda é contra veto a projeto de lei do Chega (e explica porquê)

A Comissão Parlamentar de Assuntos Constitucionais, Direitos, Liberdades e Garantias considerou que o projeto de lei do Chega "não preenche os requisitos do ponto de vista constitucional". O Bloco de Esquerda votou contra e explicou …