Curiosity está de volta à exploração marciana (e tem um “cérebro” novo)

NASA/JPL-Caltech

Curiosity, a sonda marciana da NASA, percorreu cerca de 60 metros durante o fim de semana em direção ao Lago Orcadie, aumentando a sua odometria total para 20 quilómetros.

Com cerca de 900 quilos, o rover chegou à cratera Gale, em Marte, em agosto de 2012. Depois de percorrer o piso rico em sedimentos da cratera, a Curiosity alcançou o Monte Sharp, onde procurava vestígios do passado do Planeta Vermelho nas suas encostas.

Este foi o trajeto mais longo já realizado pelo rover desde que enfrentou um anomalia na memória no passado mês de setembro. Tal como relata a NASA, as operações da sonda foram no mês de outubro transferidas para uma memória externa – um computador de reserva apelidado de Side-A.

Volvidas mais de duas semanas de operações científicas, e agora recorrendo a este computador A, a missão marciana volta ao trabalho.

Os relatórios da agência espacial norte-americana revelam ainda que a equipa pretende definir um novo alvo exploratório ainda esta semana. Apesar de já estar funcional, a equipa de engenheiros da Curiosity continua a identificar uma a anomalia no computador Side-B (o computador principal com memória a longo prazo).

Como muitas das naves espaciais da NASA, a Curiosity foi projetada com dois computadores – neste caso, o computador Side-A e  o Side-B -, de forma a que as operações exploratórias possam ser continuadas mesmo que ocorra uma falha.

Depois de analisar várias opções, os engenheiros ordenaram que o rover mudasse do lado B para o A, o computador que o rover utilizou inicialmente após o pouso. Esta alteração vai permitir que a equipa faça um diagnóstico mais detalhado do problema técnico que está a impedir a memória principal do rover armazenar informação.

A Curiosity está funcional e recebe os comandos da equipa, mas continua a enviar dados limitados que são armazenados na memória a curto prazo.

“Neste momentos, estamos confiantes de que voltaremos às operações completas, mas ainda é cedo para dizermos em quanto tempo”, disse Steven Lee, um dos cientistas responsáveis pela sonda. “Estamos a operar a partir do Side A, mas pode levar algum tempo para perceber por completo a causa na raiz do problema e planear soluções alternativas para a memória no Side B”.

“É certamente possível executar a missão no computador Side-A, se for realmente necessário. Mas nosso plano é voltar para o Side B assim que pudermos, consertando o problema para que possamos utilizar a memória memória maior”, rematou.

A Curiosity é a sonda “irmã” da Opportunity, outro rover exploratório que mora no Planeta Vermelho. A Opportunity, contudo, enfrenta problemas maiores, estando “adormecida” em Marte há vários meses. A NASA espera agora que os ventos marcianos ajudem a limpar a poeira dos painéis solares do rover, ativando-o novamente.

ZAP ZAP //

PARTILHAR

1 COMENTÁRIO

  1. A Curiosity não é a sonda “irmã” da Opportunity. A sonda “irma” da Opportunity é a Spirit que está inactiva desde 2010.

RESPONDER

Tweet de Elon Musk afunda Bitcoins (e dá força à criptomoeda que nasceu como meme)

A Tesla vai deixar de aceitar Bitcoins como forma de pagamento. A revelação foi feita por Elon Musk numa publicação no Twitter e levou à queda do valor da criptomoeda no mercado. A par disso, …

Investigadores criam nova solução para óculos de realidade virtual e aumentada

Uma equipa de investigadores criou uma nova tecnologia para fornecer óculos de realidade virtual que não parecem "olhos de inseto". Num novo artigo publicado na Science Advances, os especialistas descrevem a impressão de ótica de forma …

Genética da população portuguesa pode explicar deficiência de vitamina D

Investigadores portugueses concluíram que a população portuguesa tem uma prevalência superior à média europeia de algumas alterações genéticas que levam a uma predisposição para o défice de vitamina D. Este estudo, coordenado pelo Centro Cardiovascular da …

Polónia quer comprar casa de campo francesa (para recuperar o legado de Marie Curie)

A Polónia quer comprar e renovar a casa de campo francesa de Marie Curie e transformá-la num museu, naquele que é um esforço para reivindicá-la como génio científico e pioneira polaca. Embora tenha nascido na Polónia, …

Min Nyo é jornalista, cobriu os protestos em Myanmar e foi condenado a 3 anos de prisão

Min Nyo, um jornalista birmanês de 51 anos, foi condenado a três anos de prisão pela sua cobertura dos protestos na sequência do golpe de Estado em Myanmar. Min Nyo, que trabalhava para a DVB (Voz …

McDonald's e Casa Branca unem-se para sensibilizar população a ser vacinada

Numa parceria com a Casa Branca, a cadeia de fast food norte-americana também está a dar o seu contributo para sensibilizar a população para a vacinação contra a covid-19. A ideia é promover informações relevantes sobre …

Voo "para lado nenhum" esgota em tempo recorde. Bastaram 2,5 minutos

A companhia aérea australiana Qantas vendeu os bilhetes para o próximo "voo para lugar nenhum" em tempo recorde: 2,5 minutos. A Qantas está a promover um novo "voo para lugar nenhum" que dará aos famintos por …

Todos queriam "O Senhor dos Anéis". Mas cinemas chineses foram obrigados a exibir filmes de propaganda

Pequim ordenou que os cinemas chineses divulgassem propaganda em homenagem ao Partido Comunista. Os cinéfilos do país, que clamam pelos filmes de Hollywood, revoltaram-se. A 1 de abril, no dia em que entrou em vigor um …

Presidente da República condecorou Jorge Coelho a título póstumo

Marcelo Rebelo de Sousa condecorou, a título póstumo, o antigo ministro e dirigente socialista Jorge Coelho com a grã-cruz da Ordem do Infante D. Henrique. O Presidente da República, Marcelo Rebelo de Sousa, condecorou esta quinta-feira, …

Comer caladas, autocarro sem parque, pavilhão sujo: assim foi uma final europeia

Episódios quase inacreditáveis rodearam a final feminina da Taça EHF. O diretor da equipa vencedora conta tudo o que aconteceu (e há muito para contar). O Rincón Fertilidad Málaga conquistou a Taça EHF feminina desta época. …