Crianças inspiram Lego a livrar-se de todas as embalagens de plástico

As peças da Lego podem acabar no oceano durante mais de mil anos, mas os fabricantes dinamarqueses estão a tentar tornar a empresa ecologicamente correta.

Na sua última promessa, a Lego vai começar a usar sacos de papel a partir de 2021, após receber cartas de crianças a pedir para se livrar dos sacos de plástico descartável.

A promessa vem como parte do anúncio recente da Lego de que está a investir 400 milhões de dólares ao longo de três anos para melhorar os seus esforços de sustentabilidade. Entre as suas muitas promessas, a empresa está a procurar fazer peças com materiais sustentáveis ​​até 2030, embalagens sustentáveis ​​até ao final de 2025 e todas as operações de fabricação neutras em carbono até ao final de 2022.

“Recebemos muitas cartas de crianças sobre meio ambiente a solicitar a retirada de embalagens de plástico descartáveis. Temos explorado alternativas há algum tempo e a paixão e as ideias das crianças inspiraram-nos a começar a fazer a mudança”, disse, em comunicado, Niels B Christiansen, CEO do Lego Group. “Não podemos perder de vista os desafios fundamentais que as gerações futuras enfrentam. É fundamental que tomemos medidas urgentes agora para cuidar do planeta e das gerações futuras”.

Estima-se que cerca de 440 mil milhões de peças de Lego foram fabricadas desde que a empresa iniciou a produção em 1949. Um estudo no início deste ano, publicado na revista científica Environmental Pollution, estimou que os tijolos de plástico podem permanecer no meio ambiente entre 100 e 1.300 anos. Além dos tijolos, há também a preocupação com as embalagens de plástico não biodegradáveis.

Cerca de 80% das peças de LEGO são feitas de uma substância à base de petróleo conhecida como acrilonitrila-butadieno-estireno (ABS). De acordo com o IFLScience, é um verdadeiro desafio encontrar uma alternativa biodegradável para este material que ainda seja resistente, seguro e agradável à vista.

A Lego está atualmente a considerar a ideia de trocar a maioria das peças por polietileno à base de cana-de-açúcar em vez de plástico à base de petróleo.

Para garantir que as novas peças sejam seguras e práticas, a Lego tem um Programa de Materiais Sustentáveis ​​que envolve mais de 150 especialistas a trabalhar para tornar os seus produtos e embalagens mais sustentáveis.

“Num momento em que o mundo enfrenta numerosos desafios, as empresas devem agir para criar um impacto positivo e duradouro no meio ambiente e na sociedade”, disse Christiansen. “Ninguém pode fazer isso sozinho. Exorto as empresas, Governos, pais, crianças e ONGs a continuarem a unir forças para criar um futuro sustentável para os nossos filhos, os construtores de amanhã.”

ZAP //

PARTILHAR

4 COMENTÁRIOS

  1. “por polietileno à base de cana-de-açúcar em vez de plástico à base de óleo”: julgo que a última palavra é “petróleo”, não “óleo”.

    • Assim como, na frase anterior, onde se lê “De acordo com o IFLScience, é um verdadeiro desafio encontrar uma alternativa não biodegradável para este material que ainda seja resistente, seguro e agradável à vista.”, penso que se deveria ler “De acordo com o IFLScience, é um verdadeiro desafio encontrar uma alternativa biodegradável para este material que ainda seja resistente, seguro e agradável à vista.”
      Também à atenção do ZAP.

RESPONDER

Trump tem uma conta bancária na China (e andou uma década a tentar investir no país)

O Presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, é detentor de uma conta num banco chinês, e há vários anos que tenta implementar negócios no país. Donald Trump passou uma década a tentar investir na China, onde …

Ricardo Pereira revela segredo para o FC Porto derrotar o City

A jogar em Inglaterra há três anos, Ricardo Pereira conhece bem o próximo adversário do FC Porto na Liga dos Campeões. O internacional português deu alguns conselhos à equipa portista. Ricardo Pereira está a cumprir a …

OE em duodécimos deixa 2.700 milhões de estímulo orçamental em suspenso

A hipótese de haver um Orçamento em duodécimos em 2021 está em cima da mesa. Se tal acontecer, há pelo menos 2.700 milhões de estímulo orçamental que não chegarão à economia. Se o Orçamento do Estado …

Grupo Luz Saúde foi o que mais faturou com a pandemia

O Grupo Luz Saúde faturou quase 40 milhões de euros com a venda de material à Direção-Geral da Saúde (DGS), a hospitais e até a autarquias. A GLSMed Trade, do grupo Luz Saúde, foi a empresa …

Pinto da Costa: "Varandas fará um grande serviço quando se dedicar à medicina"

Manchester City, Luís Filipe Vieira e Frederico Varandas foram alguns dos temas abordados por Pinto da Costa numa recente entrevista ao Porto Canal. Em entrevista ao Porto Canal, Pinto da Costa fez a antevisão ao encontro …

Espanha pondera recolher obrigatório em todo o país. Esperam-se semanas "muito difíceis"

Salvador Illa, ministro da saúde de Espanha, referiu que o governo está a estudar um recolhimento obrigatário no país, como forma de travar a propagação do novo coronavírus que nos últimos dias tem feito infetado …

Algarve pode consagrar Lewis Hamilton como piloto mais vitorioso de sempre

O Autódromo Internacional do Algarve está a caminho de ver a consagração do piloto britânico Lewis Hamilton (Mercedes) como o piloto mais vitorioso de sempre da Fórmula 1, no domingo, no Grande Prémio de Portugal. Depois …

Antigo túmulo siberiano contém casal de guerreiros (e um enorme stock de armas)

Uma equipa de arqueólogos desenterrou um túmulo com 2.500 anos que continha os restos mortais de quatro pessoas da antiga cultura Tagar. Arqueólogos da Universidade Estadual de Novosibirsk, na Rússia, desterraram um túmulo com 2.500 anos …

OE2021. Governo perde fé nas negociações com o Bloco, mas conta com PAN e talvez PCP

As negociações com o Bloco para garantir a aprovação do Orçamento do Estado para 2021 não estão bem encaminhadas. O Governo espera contar com o PAN e talvez com o PCP. Um possível entendimento entre o …

"Eleição do mundo". USA Today declara apoio a Biden (que continua a liderar nas sondagens)

Pela primeira vez, o jornal norte-americano USA Today decidiu apoiar um candidato presidencial - Joe Biden. O democrata continua a liderar as sondagens a dois dias do último debate. "Há quatro anos, o Conselho Editorial - …