Crescimento “preocupante” de casos de covid-19 no Luxemburgo (e a “culpa” pode ser de portugueses e cabo-verdianos)

O Luxemburgo está a assistir, nas últimas semanas, a um crescimento significativo no número de novas infecções por covid-19. A ministra da Saúde fala numa subida “preocupante”. Muitas destas novas infecções são entre portugueses e cabo-verdianos.

Neste domingo, 4 de Julho, foram anunciados mais 46 novos casos de infecção por covid-19 no Luxemburgo quando na véspera tinham sido detectados 29.

O número de infectados do país vai nos 4.522, com 110 mortes contabilizadas. Mas o “número de infecções activas multiplicou por 10 em três semanas“, conforme avança o site 5minutes.rtl.lu.

Actualmente, haverá 321 pessoas com a infecção quando eram apenas 31 a meio de Junho, segundo a publicação.

Apesar disso, “o número de hospitalização mantém-se contido: 22 pacientes admitidos, dos quais três nos Cuidados Intensivos”, refere a mesma fonte.

“Muitas” das novas infecções estarão a aparecer ” entre portugueses, cabo-verdianos e restante comunidade lusófona” a viver no Luxemburgo, conforme avança o jornal local Lux24.

A causa para esta realidade serão as “viagens de e para o estrangeiro e festas privadas ou familiares”, conforme nota o mesmo jornal.

Perante estes dados, a ministra da Saúde do Luxemburgo, Paulette Lenert, convocou uma conferência de imprensa para esta segunda-feira, onde vão estar também os embaixadores de Portugal e de Cabo Verde no país, com o intuito de “sensibilizar” estas comunidades para a importância de manter as medidas de distanciamento social.

O Embaixador de Portugal, António Gamito, refere ao site Contacto que a ideia é passar a mensagem da importância de evitar “práticas de risco”, depois de, “na semana passada, uma boa parte dos casos de infecção” se ter verificado “no seio das comunidades lusófonas e em particular junto de pessoas que dominam mal o francês e estão recentemente no país”.

De acordo com dados oficiais de Janeiro de 2019, vivem no Luxemburgo cerca de 95 mil portugueses, o que constitui cerca de 15% da população total do país que tem à roda de 600 mil habitantes.

A ministra da Saúde fala de uma média de 50 novos casos por dia, o que considera ser “preocupante”, conforme uma entrevista divulgada no site do Governo luxemburguês.

“Há qualquer coisa que não funcionou como tínhamos previsto”, assume ainda Paulette Lenert. “Talvez tenhamos sobrestimado a responsabilidade individual“, constata ainda.

Entre as causas das novas infecções, a ministra coloca “o fenómeno dos barbecues e das festas de família, de festas privadas onde as pessoas relaxaram” as medidas de distanciamento social.

Sobre a hipótese de um novo confinamento, Paulette Lenert nota que “não pode nunca ser excluído”, mas considera que “seria a catástrofe, um fracasso total” se fosse preciso recuar a esse ponto.

Entretanto, a polícia luxemburguesa reforçou as acções de fiscalização em cafés, bares e restaurantes, para verificar se cumprem as medidas sanitárias, como o distanciamento social e o uso de máscaras, e o horário de encerramento – os estabelecimentos comerciais estão obrigados a encerrar à meia-noite.

Neste fim-de-semana, a polícia detectou vários casos de incumprimento em diferentes localidades pelo Luxemburgo.

ZAP ZAP //

 

PARTILHAR

2 COMENTÁRIOS

RESPONDER

O titanossauro mais antigo do mundo foi descoberto na Patagónia

Ninjatitan zapatai viveu há aproximadamente 140 milhões de anos, no início do Cretáceo, na atual Patagónia, na Argentina. Segundo os cientistas, o novo espécime fóssil de tiranossauro pode ser o mais antigo do mundo. Com cerca …

Volvo prepara mudança estratégica e apresenta o seu novo modelo 100% elétrico: o C40 Recharge

A marca de automóveis sueca apresentou o seu novo modelo 100% elétrico: o C40 Recharge. O modelo representa mais um passo no caminho para a eletrificação total da Volvo, já que esta semana a marca …

Benfica 2-0 Estoril | Águia carimba presença na final

O Benfica venceu o Estoril Praia por 2-0, no Estádio da Luz, e apurou-se para a final da Taça de Portugal, a segunda consecutiva do emblema “encarnado”. Os comandados de Jorge Jesus confirmaram a superioridade …

Um reator nuclear pode ajudar a resolver o mistério do desaparecimento de Amelia Earhart

Uma equipa de investigadores da Universidade Estadual da Pensilvânia, nos Estados Unidos, vai submeter uma folha de alumínio velha e gasta a um feixe de partículas do coração de um reator nuclear na esperança de …

Musk quer criar uma nova cidade no local de lançamento da SpaceX. Vai chamar-se Starbase

O empresário norte-americano Elon Musk está a tentar criar uma nova cidade chamada Starbase nas instalações de lançamento da SpaceX no Texas, nos Estados Unidos. As instalações da SpaceX no Texas estão localizadas em Boca Chica …

Chatbots: A tecnologia que "ressuscita" os mortos é cada vez mais uma realidade

Foi recentemente revelado que em 2017 a Microsoft patenteou um chatbot que, se construído, ressuscitaria digitalmente os mortos. Usando Inteligência Artificial e machine learning, o chatbot proposto traria o nosso ente querido de volta à …

Casal acertou no jackpot de 210 milhões de euros do Euromilhões (mas não registou o boletim)

Dois jovens britânicos pensaram que tinham ganho 182 milhões de libras (cerca de 210 milhões de euros), mas afinal o boletim não tinha sido registado por falta de dinheiro na conta online. Rachel Kennedy, de 19 …

A Islândia foi atingida por 17 mil terramotos na semana passada (e uma erupção pode estar iminente)

Mesmo para uma ilha vulcânica acostumada a tremores ocasionais, esta foi uma semana incomum para a Islândia. De acordo com o Escritório Meteorológico da Islândia, cerca de 17 mil terramotos atingiram a região sudoeste de …

Mulheres portuguesas trabalham mais uma hora e 13 minutos que os homens

As mulheres portuguesas trabalham em cada dia útil mais uma hora e 13 minutos do que os homens, entre trabalho pago e não pago, continuando a ter maior dificuldade em conciliar a profissão com a …

Três sismos acima de 7 na escala de Richter abalam a Nova Zelândia. Autoridades alertam para tsunami

A costa nordeste da Nova Zelândia foi esta quinta feira atingida por três sismos de magnitude acima de 7 na escala de Richter. A proteção civil emitiu um alerta de tsunami após o primeiro terramoto, …