Costa recusa em absoluto reabrir discussão sobre acordo do Conselho Europeu

António Cotrim / EPA

O primeiro-ministro recusou em absoluto reabrir a discussão sobre o acordo alcançado em julho entre os líderes europeus em torno do fundo de recuperação e Quadro Financeiro Plurianual, e considerou vital fechar já estes compromissos.

“Acordos fechados são acordos concluídos e não podem ser reabertos. Podemos trabalhar sobre esses acordos, mas não podemos reabrir esses acordos”, declarou António Costa em conferência de imprensa, depois de questionado sobre a posição de bloqueio da Hungria e Polónia a um acordo final sobre fundo de recuperação e orçamento da União Europeia.

António Costa falava esta quarta-feira a partir do Centro Cultural de Belém, em Lisboa, numa conferência de imprensa conjunta com o presidente do Parlamento Europeu, David Sassoli, com quem antes esteve reunido por videoconferência.

Perante os jornalistas, o primeiro-ministro salientou que este mês de dezembro, o último da presidência alemã, que antecederá a portuguesa, “é decisivo para a União Europeia”.

Nos próximos dias 10 e 11 deste mês, o Conselho Europeu “tem de aprovar os mecanismos necessários para que em 1 de janeiro exista uma União Europeia com o seu orçamento para 2021, caso contrário isso significaria paralisar a generalidade da sua atividade, desde logo a política de coesão”, advertiu.

Para António Costa, é essencial que fiquem definitivamente aprovados o Quadro Financeiro Plurianual para os próximos sete anos e o plano de recuperação económica e, para isso, “não se pode reabrir nem o acordo estabelecido no Conselho em julho, nem o acordo firmado com o Parlamento Europeu, designadamente para a condicionalidade” em matéria de cumprimento das normas do estado de direito.

“Na próxima semana, temos mesmo de ter esse acordo”, insistiu.

Presidente do PE confiante no êxito da visão portuguesa

O presidente do Parlamento Europeu mostrou-se convicto de que a presidência portuguesa da União Europeia será “um grande êxito”, considerando que a visão apresentada pelo Governo de António Costa é aquela que a Europa necessita nos próximos anos.

“Temos a certeza de uma coisa: esta quarta presidência portuguesa será um grande êxito, porque já nos habituaram ao facto de a presidência portuguesa responder a desafios importantes e dar à Europa a capacidade para sermos mais eficiente e eficazes”, declarou David Sassoli, após a conferência de presidentes da assembleia europeia de hoje com a futura presidência portuguesa do Conselho da UE, no primeiro semestre de 2021.

O político italiano, que falava aos jornalistas numa conferência de imprensa conjunta com o primeiro-ministro português, António Costa, repartida entre Bruxelas e Lisboa, recordou que “as presidências portuguesas têm sido muito importantes na história da UE, não apenas em termos de organização da UE, mas também na definição de melhores tratados e na abordagem que têm às questões fundamentais, económicas e sociais”, dizendo “concordar plenamente com a necessidade de fortalecer o modelo social europeu”, o ‘coração’ das prioridades portuguesas.

“Isto é particularmente importante no pós-covid e na transição para uma Europa mais verde e mais digital, temos de assegurar que ninguém será deixado para trás”, completou.

O presidente do Parlamento Europeu destacou ainda “a abordagem portuguesa perante o Mundo”, notando que “as comunicações do primeiro-ministro são extremamente importantes, porque indicam já objetivos e uma visão para a Europa nos próximos anos”.

“Foi um grande prazer ouvir este elemento de construção de parcerias, não falou apenas da concorrência com atores globais. É, de facto, uma visão que necessitamos”.

Sassoli referia-se ao discurso do chefe do Governo português, no qual António Costa mencionou o desejo de, durante a presidência portuguesa, reafirmar “o estreitamento de relações entre a Europa e o continente africano”, “reforçar as relações transatlânticas, não só com a nova administração Biden, mas também com a América Latina”, “fazer avançar negociações tão difíceis” como o acordo com Mercosul ou “desenvolver novos laços com a Índia”, nomeadamente na cimeira UE-Índia, agendada para 08 de maio, no Porto.

Desejando “um muito bom trabalho” ao primeiro-ministro, o presidente da assembleia europeia estimou que haverá “um diálogo constante, permanente” entre o PE e a presidência portuguesa. “Vamos fazê-lo com a atenção que esta situação difícil merece”.

ZAP // Lusa

PARTILHAR

1 COMENTÁRIO

  1. Então pois… afinal grande parte do dinheiro já entretanto terá sido “negociado” por cá entre os amigos e membros da quadrilha

RESPONDER

Jack Ma reaparece após estar "desaparecido" quase três meses

O bilionário fundador do gigante do comércio eletrónico chinês Alibaba reapareceu, esta quarta-feira, numa reunião virtual com professores rurais, após meses de incerteza sobre o seu paradeiro. No vídeo, publicado no site do jornal chinês Tianmu …

Jesus voltou a testar negativo. Benfica confirma presença na Taça da Liga

O treinador do Benfica voltou a testar negativo ao novo coronavírus, num segundo teste realizado esta terça-feira, dia em que o clube anunciou ter 17 casos de infeção na sua estrutura profissional de futebol. "O Benfica …

Novas regras do confinamento entram em vigor esta quarta-feira (mas há exceções nos horários)

As novas medidas de restrição para travar a pandemia de covid-19 em Portugal entraram em vigor às 0h desta quarta-feira no âmbito do estado de emergência em vigor no país.  O primeiro-ministro anunciou esta segunda-feira que …

Ratos paraplégicos voltam a caminhar graças a proteína inovadora

Cientistas criaram e injetaram uma proteína no cérebro de ratos paraplégicos. Após um par de semanas, os ratos recuperaram a capacidade de caminhar. Não, não é milagre. Uma equipa de investigadores alemães conseguiu restaurar a capacidade …

Sporting vai apresentar queixa à Ordem dos Médicos do diretor clínico da Unilabs

O presidente do Sporting anunciou, esta terça-feira, a intenção de denunciar à Ordem dos Médicos o comportamento do diretor clínico da Unilabs, devido aos testes à covid-19 que impediram Nuno Mendes e Sporar de defrontar …

Matéria escura? Raios-X ao redor das "Magníficas 7" podem ser rastos de uma misteriosa partícula

Uma equipa de cientistas descobriu que os misteriosos raios-X detetados em estrelas de neutrões próximas podem ser a primeira evidência de axiões, partículas hipotéticas que podem ajudar a desvendar segredos sobre a matéria escura. Existem muitos …

Os astrónomos captaram duas galáxias a meio de uma colisão (e viram uma garça a formar-se)

As colisões entre galáxias podem demorar milhões de anos. NGC 5394 e NGC 5395 estão a meio de um desses encontros e os cientistas conseguiram captar o evento em imagens. O par NGC 5394 e NGC …

"Toupeira" do InSight termina a sua viagem em Marte

A sonda de calor desenvolvida e construída pelo Centro Aeroespacial Alemão (DLR) e implantada em Marte pelo lander InSight da NASA terminou a sua parte da missão. Desde 28 de fevereiro de 2019 que a …

Após injetar chá de cogumelos, homem começou a desenvolver fungo no sangue

Um homem preparou um chá de "cogumelos mágicos" e decidiu injetá-lo no corpo. Vários dias depois, acabou nas urgências devido ao crescimento de um fungo na sua circulação sanguínea. De acordo com o Live Science, o …

Ministro da Economia testa positivo ao novo coronavírus

O ministro da Economia e do Estado, Pedro Siza Vieira, testou positivo ao novo coronavírus que causa a covid-19, anunciou o ministério que tutela.  Em comunicado citado pelo jornal digital Observador, o ministério da Economia refere …