Costa diz que ideia de proximidade política com Rio é “dos maiores mitos urbanos”

Inácio Rosa / Lusa

António Costa considera a alegada proximidade política com Rui Rio um “dos maiores mitos urbanos que foram criados na sociedade portuguesa”.

O primeiro-ministro António Costa considerou esta terça-feira “um dos maiores mitos urbanos” a ideia da sua alegada proximidade política com o presidente do PSD, Rui Rio, e afirmou sentir uma deriva para o radicalismo em certos setores da direita portuguesa.

António Costa assumiu estas posições em entrevista concedida em Lisboa ao jornalista Luís Osório, integrada no ciclo de conferências do grupo de turismo “PortoBay”, intitulada “30 pessoas e um país”, durante a qual se recusou comentar a atual situação interna do PSD.

Questionado como tinha recebido o desafio à liderança do PSD lançado na sexta-feira pelo antigo líder parlamentar social-democrata Luís Montenegro, António Costa disse que não ouviu esse discurso, porque estava “a trabalhar”.

Já sobre a razão que não o levou a ver mais tarde, eventualmente em casa, a transmissão televisiva da conferência de imprensa de Luís Montenegro, António Costa respondeu: “O resumo que li na imprensa não me estimulou”.

Logo a seguir, Costa foi interrogado sobre a sua alegada proximidade política com o atual presidente do PSD, Rui Rio. O secretário-geral do PS, porém, considerou que essa ideia “é um dos maiores mitos urbanos que foram criados na sociedade portuguesa e que assenta, basicamente, no facto de haver uma boa relação pessoal”.

“Conhecemo-nos na Assembleia da República, onde tivemos relações cordatas. Depois, durante vários anos, coincidimos eu como presidente da Câmara de Lisboa e ele como presidente da Câmara do Porto – período em que tentámos fazer uma ponte muito forte entre as duas cidades”, afirmou.

“Naturalmente, como presidentes de câmara, tínhamos pontos de vista muito semelhantes sobre matérias a negociar com o Governo ou sobre a política de cidades, desde os transportes, à habitação, passando pela descentralização”, justificou António Costa.

Apesar de ter considerado que seria “deselegante” comentar a situação interna atual do PSD, o primeiro-ministro manifestou alguma preocupação face à evolução do espaço político da direita.

“Sinto que grande parte das movimentações que existem à direita, quer com a criação da Aliança do doutor Santana Lopes, quer a emergência daquele partido do André Ventura, quer, ainda, parte da luta interna do PSD e uma deriva hesitante do PP [ou seja, CDS-PP] relativamente ao populismo, acho há ali à direita gente que sente que, se calhar, devia acompanhar uma certa onda que existe em outros países”, referiu.

ZAP // Lusa

PARTILHAR

RESPONDER

"DeepNude". Inteligência Artificial "tirou a roupa" a mulheres nas redes sociais

A empresa de informação Sensity alertou que mais de 100 mil imagens foram carregadas para um canal de Telegram onde um bot "tirou a roupa" de mulheres. A empresa de segurança Sensity revelou recentemente que existe …

Poluição atmosférica "custa" a cada citadino europeu 1.276 euros por ano

A poluição atmosférica "custa" 1.276 euros por ano a cada cidadão europeu residente em cidades, de acordo com um estudo da Aliança Europeia de Saúde Pública (EPHA) divulgado esta quarta-feira. O estudo chegou ao valor médio …

"Emergência arqueológica". O degelo dos Alpes está a "libertar" artefactos escondidos há milhares de anos

As alterações climáticas podem estar a ajudar os arqueólogos a encontrar artefactos escondidos nos glaciares do Alpes há milhares de anos. O derretimento dos glaciares dos Alpes está a "liberta" objetos que permaneceram congelados no tempo …

Thermite RS3 é o primeiro robô de combate a incêndios dos EUA (e está pronto a entrar ao serviço)

O Corpo de Bombeiros de Los Angeles, nos Estados Unidos, deu as boas-vindas ao mais recente membro da equipa: um bombeiro robótico. O Thermite RS3 é um rover de controlo remoto capaz de bombear milhares de …

Inventor dinamarquês que matou jornalista no seu submarino escapou da prisão (mas já foi apanhado)

O inventor dinamarquês Peter Madsen, condenado a prisão perpétua por torturar e assassinar a jornalista sueca Kim Wall, fugiu da prisão esta terça-feira.  As autoridades dinamarquesas capturaram-no minutos depois. Peter Madsen, o dinamarquês condenado a prisão …

Molécula descoberta por menina de 14 anos pode levar a uma cura para a covid-19

A jovem norte-americana de 14 anos, Anika Chebrolu, descobriu uma molécula que pode levar a uma potencial cura para a covid-19. Enquanto cientistas dos quatro cantos do mundo trabalham no desenvolvimento de uma vacina para a …

Cerca de 1.300 reclusos fogem de prisão no Congo após ataque do Estado Islâmico

Cerca de 1.300 reclusos escaparam de uma prisão na República Democrática do Congo na manhã de terça-feira, após um ataque reivindicado pelo Estado Islâmico, informou a Organização das Nações Unidas (ONU). Embora as autoridades locais tenham …

Amesterdão vai usar flores para impedir que os ciclistas estacionem bicicletas nas pontes

A cidade conhecida pelo uso de bicicletas, vai agora tomar uma medida em relação ao estacionamento destas nas pontes. Tudo para proteger as vistas para os seus famosos canais. Amesterdão orgulha-se de ser uma das cidades …

Morreu voluntário envolvido no ensaio da vacina de Oxford. Tinha 28 anos e era médico recém-formado

As autoridades de saúde brasileiras divulgaram esta quarta-feira a morte de um voluntário dos testes da vacina contra a covid-19, desenvolvida pelo laboratório AstraZeneca e pela Universidade de Oxford. A Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa), …

Milo, o "comunicador de ação" que permite conversar em grupo durante atividades ao ar livre

Chegou o Milo, o novo aparelho que vai revolucionar as aventuras em grupo. Este pequeno dispositivo permite-lhe conversar com o seu grupo à distancia sem precisar de levar o smartphone para o meio da montanha, …