Costa é mais popular, mas portugueses confiam mais em Marcelo

José Coelho / Lusa

Uma sondagem da Aximage para o Jornal de Notícias e TSF mostra que o primeiro-ministro António Costa tem melhor nota do que Marcelo Rebelo de Sousa, mas os portugueses confiam mais no Presidente da República.

De acordo com a sondagem para o Jornal de Notícias e TSF, num universo de mais de 600 pessoas, 63% considera que António Costa tem um desempenho positivo nas funções políticas, enquanto apenas 18% dá uma nota negativa. Em relação a Marcelo Rebelo de Sousa, a avaliação é positiva, mas ligeiramente abaixo: 61% dos portugueses partilha dessa opinião, enquanto 22% dá uma nota negativa ao Presidente.

Porém, em temros de confiança, 41% dos portugueses inquiridos confia mais em Marcelo do que em Costa. Enquanto isso, 33% confiam igualmente em ambos e apenas 17% confia mais no primeiro-ministro.

Apesar de receber mais confiança do que Costa, os portugueses consideram que o Presidente da República tem de ser mais exigente. 62% dos inquiridos acredita que Marcelo deveria ser mais exigente com o Governo, enquanto apenas 28% discorda desta opinião.

A popularidade de António Costa e de Marcelo Rebelo de Sousa assenta nos habitantes das Áreas Metropolitanas de Lisboa e do Porto e nos eleitores socialistas. A maior base de apoio dos dois políticos são as mulheres e os cidadãos com 65 ou mais anos.

PS lidera nas intenções de voto (exceto no Norte)

A mesma sondagem revela que o PS está à frente do PSD nas intenções de voto em todas as regiões do país, exceto no Norte. O PS subiu 4% nas intenções de voto em relação às legislativas de 2019 e o PSD desceu um ponto percentual.

O PSD domina na região norte, com uma diferença de 17,5 pontos percentuais para o PS, mas o partido de António Costa continua em vantagem na área metropolitana do Porto.

O PS lidera a intenção de voto em todas as faixas etárias, sobretudo acima do 64 anos (diferença de 17,4% em relação ao PSD), mas também entre os mais jovens, dos 18 aos 34 anos (diferença de 14,5%).

O Bloco de Esquerda e a CDU mantém-se como terceira e quarta força política.

As diferenças mais significativas estão na subida das intenções de voto do Chega — 5,2% contra 1,29% em 2019 — e a queda do CDS — com 2,1% contra 4,42%.

Apesar de o Chega crescer nas intenções de voto, André Ventura é aquele que reúne as avaliações mais negativas no desempenho entre líderes partidários — 56%. Entre os piores desempenhos estão Jerónimo de Sousa, da CDU, e André Silva, do PAN, com 45 e 42% de avaliação negativa, respetivamente.

Entre os melhores desempenhos, destaca-se António Costa, com 64% de avaliação positiva, Rui Rio, do PSD, com 46%, e Catarina Martins, do Bloco de Esquerda, com 36%.

ZAP //

PARTILHAR

2 COMENTÁRIOS

  1. Existe uma espécie de aves que apelidamos de “Inseparáveis”, com características muito marcantes. Desde o inicio de funções estas duas Personalidades, digamos “coabitam” no Poder de forma harmoniosa, tolerante e amistosa. Contra isso, nada de mal, e até é desejável para um funcionamento equilibrado do Governo. Mas este ( binômio ) risca futuramente, ao contrario dos nossos “inseparáveis” de terem que seguir rotas diferentes. A conjuntura actual é propicia a divórcios mais que a durabilidades, se isso acontecer sera com a amis acautelada Diplomacia…claro !

RESPONDER

"Blá blá blá". Greta Thunberg acusa líderes mundiais de não cumprirem com as promessas climáticas

Ativista considera que os anúncios feitos pelos líderes mundiais não passam de bonitas intenções que, na prática, não se traduzem em ações com verdadeiro impacto na luta contra as alterações climáticas. Greta Thunberg acusou os líderes …

Mulher com síndrome de Down perde ação judicial contra a lei do aborto no Reino Unido

Na semana passada, uma mulher com síndrome de Down perdeu uma ação judicial contra o governo britânico por causa de uma lei que permite o aborto até ao fim da gestação de fetos que poderão …

Tribunal condena corticeira da Feira por despedir trabalhadora que denunciou assédio

A corticeira Fernando Couto foi condenada pelo Tribunal da Feira a pagar uma coima de cerca de 11 mil euros por ter despedido a operária Cristina Tavares, após esta ter denunciado ser vítima de assédio …

Dupla de cientistas apresenta uma nova abordagem para reciclar plástico

Um novo estudo oferece uma abordagem totalmente nova para reciclar plástico, tendo sido inspirada na forma como a natureza naturalmente "recicla" os componentes dos polímeros orgânicos presentes no ambiente. As proteínas são um dos principais compostos …

Edição de 2021 da Web Summit recebe 40 mil participantes. Moedas como presidente não será problema

Evento, que se realiza entre 1 e 4 de Novembro, volta a decorrer em formato presencial depois de em 2020 a pandemia ter transferido as atividades para o ambiente digital. O presidente executivo da Web Summit, …

Alunos carenciados com desempenho inferior aos dos mais favorecidos

Mesmo tendo acesso a meios digitais, o desempenho dos alunos carenciados foi sempre “inferior” aos dos seus colegas oriundos de meios mais favorecidos.  Segundo noticia o Público, esta é uma das principais conclusões a que chegou …

José Rendeiro condenado a três anos e seis meses de prisão efetiva

Embaixador jubilado Júlio Mascarenhas acusa o BPP de o ter convencido a investir num produto com juros e capital garantido num momento em que o banco já atravessava sérias dificuldades. O antigo presidente do Banco Privado …

Cantor R. Kelly declarado culpado por crime organizado e tráfico sexual

O cantor norte-americano R. Kelly foi esta segunda-feira declarado culpado por crime organizado e tráfico sexual, após um julgamento em Nova Iorque, nos Estados Unidos da América (EUA), que decorreu durante seis semanas, no qual …

"A FIFA engloba 211 países e 133 nunca estiveram num Mundial"

Arsène Wenger apresenta argumentos para defender a realização de um campeonato do mundo de dois em dois anos. O novo calendário FIFA continua a originar reacções e entrevistas. Arsène Wenger falou sobre as propostas - a …

Responsáveis do Lar do Comércio acusados por 67 crimes de maus tratos

O Ministério Público (MP) imputou 67 crimes de maus tratos, 17 deles agravados por resultarem em morte, a um ex-presidente e a uma diretora de serviços do Lar do Comércio, em Matosinhos. Num processo em que …