Coreia do Sul tem plano para destruir exército norte-coreano no caso de guerra

(dv) USFK / 8TH US ARMY

Lançamento de um míssil balístico na costa da Coreia do Sul em exercícios militares com os Estados Unidos

O Exército da Coreia do Sul afirma que pode neutralizar os potentes sistemas de artilharia norte-coreana no caso de uma guerra entre os países, informa a RT.

No caso de um conflito armado na península da Coreia, a Coreia do Sul enfrenta o risco de sofrer um enorme número de vítimas, tendo em conta os milhares de peças de artilharia que Pyongyang instalou ao longo da fronteira entre os dois países.

As estimativas mais pessimistas sugerem que mais de 100 mil pessoas possam morrer só durante as primeiras 48 horas, informa o RT.

Um relatório apresentado nesta quinta-feira pelo Exército da Coreia do Sul inclui um plano de ataque com mísseis de três etapas, que deverá ser aplicado na fase inicial de um conflito armado com o objetivo de destruir a artilharia de Pyongyang, informa a agência Yonhap.

Os comandantes do Exército revelaram que, em primeiro lugar, pretendem utilizar um míssil tático terra-terra (KTSSM) batizado de “assassino de artilharia” para atacar o armamento camuflado ao longo da zona desmilitarizada e deslocado nas ilhas fronteiriças.

“Os KTSSM vão atingir os túneis inimigos equipados com obuseiros autopropulsados de 170 mm e lança-foguetes múltiplos de 240 mm” indica o relatório sul-coreano. Esta arma vai ser utilizada para atacar as instalações de mísseis SCUD norte-coreanas, bem como os lançadores de 300 mm.

Além disso, o Exército sul-coreano está a tentar adquirir mísseis balísticos mais potentes, conhecidos como Hyunmoo-IV, para tentar acabar com a liderança norte-coreana.

As Forças Armadas da Coreia do Sul também estão a pressionar o governo para conseguir uma plataforma defensiva de três eixos contra as ameaças e provocações do Norte: o sistema de ataque preventivo Kill Chain, a Defesa Aérea e Antimíssil Coreana (KAMD) e o Plano de Repressão e Punição em Massa (KMPR).

PARTILHAR

RESPONDER

Preços praticados pela Airbnb não cumprem lei europeia

A plataforma Airbnb tem até ao final do mês de agosto para explicar os preços que pratica, dado que violam a legislação da União Europeia. A plataforma online de reserva de alojamento tem agora até ao …

Sarcófago negro encontrado no Egito pode pertencer a Alexandre, o Grande

O maior sarcófago já descoberto na cidade de Alexandria, no Egito, vai ser aberto nos próximos dias, depois de permanecer totalmente intacto mais de dois milénios. Os especialistas têm esperanças que o artefacto negro encontrado …

Vagas no Superior com aumento residual em ano de cortes em Lisboa e Porto

O concurso nacional de acesso ao Ensino Superior volta a registar um aumento de vagas, pelo terceiro ano consecutivo, ainda que residual e em ano de corte de vagas em Lisboa e Porto, por determinação …

A primavera chegou a Marte. E com ela, as misteriosas "aranhas marcianas"

A NASA publicou fotografias de um fenómeno peculiar avistado na superfície de Marte, que se assemelha com "aranhas". As imagens foram capturas na semana passada pela câmara HiRISE, instalada a bordo da nave espacial Mars …

As pessoas estão a ficar doentes após comerem salada do McDonald's

Mais de 100 pessoas apresentaram sintomas de contaminação pelo protozoário Cyclospora cayetanensis depois de comerem a salada do McDonald's, nos Estados Unidos. Mesmo que seja com a melhor das intenções, pedir uma salada no McDonald's pode …

Descobertas 12 novas luas em torno de Júpiter

Cientistas nos Estados Unidos descobriram mais 12 luas em torno do planeta Júpiter, conjeturando que as suas órbitas opostas resultam de colisões entre outros corpos celestes maiores. Com a descoberta das luas, que foram vistas pela …

Há 3.500 anos, os egípcios já faziam cosméticos

Cientistas sintetizaram tintas e cosméticos com cerca de 3.500 anos, uma descoberta feita graças ao facto de a equipa ter desenvolvido uma nova técnica de datação de compostos carbonatados inorgânicos. Uma equipa de cientistas internacional sintetizou …

Encontrados restos de pão de há 14.400 anos na Jordânia

Um grupo de investigadores encontrou vestígios de pão, feito por caçadores-recoletores que viveram há 14.400 anos, quatro milhares de anos antes do surgimento da agricultura. Esta é a mais antiga prova da existência de pão …

Governo indiano ordena inspeção a todos os centros da congregação da Madre Teresa

O Governo da Índia ordenou uma inspeção a todos os centros para crianças geridos pela congregação católica da Madre Teresa no país, após a detenção de uma das suas freiras por alegadamente vender bebés. A ministra …

Peru decreta estado de emergência na fronteira com a Colômbia

O Peru decretou na segunda-feira o estado de emergência por 60 dias na fronteira com a Colômbia, devido à presença de narcotraficantes e de dissidentes da antiga guerrilha das Forças Armadas Revolucionários da Colômbia. O Presidente …