Contentores arrendados como casas a 600 euros. “Amigos do ambiente”, mas ilegais

OLX

Contentores arrendados como casas a 600 euros em Marvila, Lisboa.

Anúncios colocados em sites imobiliários para arrendamento de contentores T0, com 12 metros quadrados, a 600 euros por mês, em Lisboa, geraram uma onda de indignação. A Câmara avança que são ilegais e já ordenou remoção das estruturas, mas o promotor dos contentores defende que é “uma solução 100% sustentável”.

Situados num quintal de um prédio em Marvila, Lisboa, os contentores T0 foram anunciados em sites como o OLX e o Imovirtual como “ecocontentores recuperados e isolados” que podem albergar um máximo de duas pessoas, por uma renda de 600 euros mensais. Entretanto, os anúncios foram removidos.

Com apenas duas divisões – sala/quarto com um beliche e cómoda e uma casa de banho -, as infraestruturas têm 12 metros quadrados e são amigas do ambiente, de acordo com o promotor dos anúncios, João Mendonça, que explica no Público que “o preço tem tudo incluído” – água, luz, Internet, limpeza e segurança -, além de acesso a uma zona comunitária “de 400 metros com serviços de cozinha, lavandaria e sala de estar”.

Frisando que os espaços “já estão todos reservados” por “estrangeiros”, João Mendonça destaca que “são mais económicos do que um quarto de hotel” para quem está de passagem pela cidade. Só que são ilegais.

A Câmara de Lisboa enviou fiscais ao local, depois de os anúncios terem sido disseminados nas redes sociais, e já ordenou a remoção dos contentores.

Embora o terreno onde as infraestruturas estejam localizadas seja privado, “as estruturas são ilegais por não terem sido precedidas do respectivo licenciamento nos serviços de urbanismo da CML [Câmara Municipal de Lisboa], estando em causa condições de habitabilidade e de segurança/acesso ao local”, frisa o gabinete de Fernando Medina em nota enviada ao Público.

A mesma nota sustenta que já foi dada ordem para a “remoção imediata dos contentores”, bem como para a “demolição da rede de infraestruturas e a imediata cessação de utilização com abertura de processo de contra-ordenação“.

Os responsáveis pelo projecto podem ter que pagar uma multa que vai de 1500 euros a mais de 200 mil euros por “uso indevido de terreno”, como destaca o Diário de Notícias (DN).

“Uma solução 100% sustentável”

O promotor dos anúncios defende que, não sendo “construções fixas”, “é como estacionar uma auto-caravana dentro do seu quintal“.

João Mendonça também aponta, em declarações ao Público, que é “uma solução 100% sustentável comparado com uma habitação”. “Não tem fundações, não interfere com o sítio onde é colocado, não há movimentação de terras, não há degradação de solos”, diz.

“Os econtainers são contentores reciclados que são transformados em casas de classe energética muito elevada porque são atérmicas“, o que lhes confere “uma classe energética muito mais alta do que qualquer tipo de casa convencional”, acrescenta João Mendonça.

No Público, o promotor dos contentores explica ainda que o projecto é de uma empresa holandesa que terá “milhares em toda a Europa, nomeadamente no Norte da Europa por causa das condições meteorológicas”.

Mas ao DN, identificando-se como “responsável pela imobiliária” que trata do arrendamento dos contentores, João Mendonça diz que o conceito é da empresa inglesa Portcompany. O jornal acrescenta que esta empresa não terá qualquer actividade relacionada com as infraestruturas.

O Bloco de Esquerda já veio dizer que este caso “parece um regresso modernizado às soluções precárias, à Lisboa das barracas que tantos conheceram e cujo fim foi uma conquista civilizacional”. O partido aproveita a situação para exigir ao Governo um verdadeiro “investimento público” para “assumir a sua responsabilidade na habitação pública”.

SV, ZAP //

PARTILHAR

2 COMENTÁRIOS

RESPONDER

Cientista americana diz estar certa de que a Terra será atingida por asteroide

https://vimeo.com/355132338 Uma cientista americana de uma ONG dedicada a proteger a Terra diz que é 100% certo que um asteroide atingirá o nosso planeta. A cientista é Danica Remy, presidente da Fundação B612. Após um asteroide não …

NASA vai mesmo explorar Europa, a lua de Júpiter que pode ter vida extraterrestre

A NASA deu luz verde a uma missão para explorar uma lua de Júpiter que é considerada um dos melhores candidatos para a vida extraterrestre. A Europa - que é um pouco mais pequena do que …

País de Gales cancela plano controverso de criar "casas de banho robô"

O objetivo da construção era impedir atividade sexual, vandalismo e dormidas nas casas de banho públicas. O projeto ia recorrer às tecnologias de piso sensível ao peso, jatos de água, sensores anti-movimento e alarmes. O conselho …

Sem saber, uma mulher viveu durante 17 anos com a sua "gémea" dentro dela

Uma jovem na Índia, sem saber, viveu com uma das condições médicas mais raras e perturbadoras durante quase duas décadas. De acordo com um relatório de caso desta semana, a mulher tinha um saco que continha …

Novo filme da saga 007 já tem nome e data de estreia marcada

O novo filme da saga 007, realizado por Cary Fukunaga chama-se "No time to die" e estreia-se no Reino Unido e nos Estados Unidos em abril de 2020. "Daniel Craig regressa como James Bond, 007 em... …

Comporta pode tornar-se na nova Ibiza (e tudo começou com a queda do BES)

Após anos de um quase esquecimento, em termos de desenvolvimento imobiliário, a Comporta está a atrair investidores internacionais que encaram a pequena vila de Setúbal como uma "nova Ibiza". Um cenário que está a preocupar …

Família de Aretha Franklin cria fundo para a investigação de cancro raro

Um ano após a morte da cantora, a família de Aretha Franklin criou um fundo de apoio à investigação na área dos tumores neuroendócrinos, a doença rara que se revelou fatal para a celebridade, a …

Sporting vai monitorizar tudo o que se diz e escreve sobre jogadores

A empresa Noisefeed tem uma enorme base de dados relativa à atividade nas redes sociais de milhares de jogadores a nível global. Os jogadores de futebol de todo o mundo usam, cada vez mais, as redes …

Boris janta hoje com Merkel para mudar acordo. Maioria quer novo referendo

A pouco mais de dois meses da data marcada para a saída do Reino Unido da União Europeia, uma nova sondagem mostra que a maioria dos britânico quer que qualquer novo acordo vá a referendo. Um …

Oficial: Pardal Henriques candidato a deputado pelo partido de Marinho Pinto

O advogado Pedro Pardal Henriques anunciou esta quarta-feira que aceitou o convite para encabeçar a lista do PDR a Lisboa, deixando de ser porta-voz do Sindicato Nacional dos Motoristas de Matérias Perigosas para "não misturar …