Conhecer resultados de testes de ADN pode alterar o funcionamento do corpo

No ano passado, testes de ADN proporcionaram a milhões de pessoas em todo o mundo um novo nível de conhecimento sobre como os genes funcionam, ajudando a prever o seu risco genético para certas doença.

Novas estudos sugerem que este tipo de conhecimento genético não é apenas informativo, mas também pode ser transformador – sendo que os resultados de ADN conferem uma espécie de efeito placebo genético que afeta o funcionamento do corpo.

“Receber informações genéticas não o torna apenas mais informado”, explica a psicóloga e investigadora novo estudo, Alia Crum, da Universidade de Stanford. “O que este estudo mostra é que também pode ter um impacto fisiológico no corpo de uma maneira que realmente altera o perfil geral de risco”.

Numa experiência, relatada no estudo publicado na revista Nature Human Behaviour a 10 de dezembro, os investigadores recolheram amostras de ADN de mais de 200 participantes. O grupo foi dividido em dois grupos menores, com mais de 100 membros. Um desses grupos realizou um teste de exercício numa passadeira, enquanto o outro grupo fez uma pequena refeição.

Uma semana depois, os participantes voltaram para uma repetição da experiência, mas com uma diferença crucial. Desta vez, antes de fazer o segundo teste, receberam informações sobre os resultados do seu teste genético – com um truque.

Especificamente, em vez de dizer aos participantes os resultados genéticos reais, disseram resultados aleatórios. O grupo de exercício foi informado de que possuíam uma variante do gene associada à pior capacidade de exercício aeróbico, ou um gene que lhes dava resistência extra.

Da mesma forma, metade do grupo alimentar foi informado aleatoriamente que poderiam ser geneticamente predispostos à obesidade devido a uma variante do gene que tornava mais difícil a sensação de plenitude após a ingestão; aos outros disseram que os seus genes promoviam sensações que ajudavam a protegê-los da obesidade.

Depois de receberem esses resultados aleatórios errados, a mera transmissão dessa informação falsa afetou o desempenho nos testes seguintes.

Aqueles na passadeira que tiveram a impressão de que a sua capacidade aeróbica estava prejudicada, tiveram mais dificuldade em correr – e desistiram mais cedo do que no primeiro teste. Aqueles que acreditavam que tinham a variante do gene de resistência, por outro lado, realizaram o mesmo.

Já no teste de alimentação, aqueles que acreditavam de que poderiam estar predispostos à obesidade fizeram o mesmo que antes, classificando os níveis de saciedade de maneira semelhante e produzindo níveis semelhantes de uma hormona de plenitude no sangue. Os participantes que acreditavam estar protegidos da obesidade produziram cerca de mais 250% da hormona da plenitude no sangue.

De acordo com os investigadores, não é uma má ideia fazer os teste de ADN. Mas é preciso que as pessoas estejam cientes que a informação genética pode ter um efeito mensurável na nossa fisiologia, mesmo se não formos geneticamente predispostos para certas coisas.

“A mentalidade de estar geneticamente em risco ou protegido pode alterar a forma como nos sentimos, o que fazemos e, como mostra este estudo, como os corpos respondem“, disse Crum.

“Embora muito ainda deva ser explorado, estas conclusões representam um grande avanço na nossa compreensão do impacto da revelação do risco genético e sugere que a aprendizagem do risco genético de obesidade pode, na verdade, exacerbar o risco“, escrevem os autores.

Com tudo o que se sabe sobre o efeito placebo e os seus misteriosos poderes sobre o corpo e a mente, não é de admirar que a informação genética possa ser também sugestiva. Mas dada a contínua explosão de testes de ADN, este é um efeito colateral importante que as pessoas precisam de saber.

PARTILHAR

1 COMENTÁRIO

  1. A Consciência muda a matéria. A ciência ocidental só agora está a chegar lá… Mas aos poucos vão validando o que certas correntes filosóficas espirituais vêm nos ensinando ao longo de milénios.
    Temos o poder de cura dentro de nós mesmos! Só precisam mesmo é de ter INTENÇÃO PURA e ACREDITAR. Sem isso, nada feito.
    Até o nosso ADN responde aos nossos pensamentos, ele pode mudar e mudar-nos de um momento para o outro!

RESPONDER

Um ano após o confinamento de Wuhan o mundo continua em crise devido à covid-19

Quase um ano depois da imposição do confinamento na cidade de Wuhan para travar o vírus SARS-CoV-2, que se assinala este sábado, o mundo continua em luta contra a pandemia, apesar do aparecimento de vacinas. A …

Pessoas com certas características podem ser mais suscetíveis a "ouvir" os mortos

Uma equipa de cientistas identificou certas características que podem tornar as pessoas mais suscetíveis a alegar que “ouvem” os mortos. Um novo estudo sugere que as pessoas que se descrevem como "clariaudientes" - em oposição a …

Sporting 1 - 0 SC Braga | Leões conquistam Taça da Liga com golo de Porro (e algum sofrimento)

O Sporting reconquistou hoje a Taça da Liga de futebol, ao vencer na final o Sporting de Braga, por 1-0, em Leiria, com um golo de Pedro Porro e enorme resistência durante a segunda parte. O …

Estados Unidos querem rever o acordo com rebeldes talibãs no Afeganistão

Os Estados Unidos indicaram hoje às autoridades afegãs o seu desejo de rever o acordo entre o Governo norte-americano e os talibãs, assinado em fevereiro de 2020, particularmente para "avaliar" o respeito dos rebeldes pelos …

"Excedeu todas as expetativas". Implante de córnea artificial devolve visão a homem cego

Um homem de 78 anos que estava cego dos dois olhos há 10 anos recuperou a visão após receber o primeiro implante de uma córnea artificial desenvolvida pela startup israelita CorNeat Vision. O implante CorNeat KPro …

Tenista João Sousa falha Open da Austrália após ter estado infetado

João Sousa vai falhar o Open da Austrália depois de ter estado infetado com o novo coronavírus, por determinação das autoridades australianas, anunciou hoje o tenista português. "É com muita tristeza que vos dou a conhecer …

Cientistas criam nova forma de produzir carne em laboratório (e prometem manter o sabor e a textura)

Uma equipa da McMaster desenvolveu uma nova forma de carne cultivada, através do uso de um método que promete manter o sabor e a textura mais naturais do que as outras alternativas à carne tradicional. Os …

Papa pede "jornalismo corajoso" e controlo de notícias falsas na Internet

O papa Francisco pediu hoje um "jornalismo corajoso" que venha ao encontro das pessoas e histórias, propondo ainda o controlo das notícias falsas na Internet, especialmente neste período de pandemia da covid-19. “Opiniões atentas lamentam, há …

A cidade mais antiga das Américas está sob ameaça de invasão (e a culpa é da pandemia)

Tendo sobrevivido durante cinco mil anos, o sítio arqueológico mais antigo das Américas está sob a ameaça de invasores que afirmam que a pandemia de covid-19 os deixou sem outra opção a não ser ocupar …

Suspeito do homicídio de Bruno Candé nega ter agido impulsionado por racismo

Evaristo Marinho disparou vários insultos racistas contra Bruno Candé: “Vai para a tua terra, preto, tens a família toda na sanzala e também devias lá estar”, foi um deles. Três dias depois acabou por matá-lo, …