Como surgiu a vida na Terra? Cientistas acreditam ter descoberto o “elemento-chave”

Uma equipa de investigadores da Ludwig-Maximilians-Universitaet, na Alemanha, mostrou que pequenas alterações nas moléculas de transferência de ARN (tARNs) permitem que se auto-agrupem numa unidade funcional que consegue replicar informações exponencialmente.

Uma equipa de biólogos alemães comprovou experimentalmente que as moléculas de ARN transportador poderiam ser o elemento principal na evolução da vida precoce no planeta. Sob certas condições, estas conseguem formar unidades funcionais e reproduzir a informação genética em progressão geométrica.

A transmissão da informação genética é realizada sequencialmente: primeiro, ocorre a transmissão do ADN para ARN (transcrição), e, depois, ocorre a síntese de proteína no molde de ARN (translação).

Durante a replicação, as proteínas copiam a informação genética codificada nas moléculas do ADN e guardada no núcleo da célula, distribuindo-a equitativamente entre as duas células-filhas durante a divisão celular. Depois, o processo repete-se.

O paradoxo deste processo é que, já na primeira etapa, os catalisadores de transcrição são  enzimas, responsáveis por desenrolar a hélice de ADN e separar as cadeias de nucleótidos.

Este é o exemplo clássico do problema da galinha e do ovo: as proteínas são necessárias para a transcrição da informação genética, mas a sua própria síntese depende da transcrição. No entanto, uma equipa de investigadores parece ter agora conseguido resolver este mistério.

Os biólogos da Universidade Ludwig-Maximilian de Munique, Alemanha, comprovaram experimentalmente que pequenas mudanças em moléculas do ácido ribonucleico transportador (ARNt) permitem-lhes efetuar de modo autónomo o auto-agrupamento molecular que pode reproduzir informação.

Desta forma, o ARN transportador, sendo um intermediário entre proteínas e ARN mensageiro, poderia ter sido um elemento-chave na evolução de formas precoces de vida. As moléculas do ARNt poderiam ter interagido, formando um tipo de módulo de replicação, capaz de replicar informação exponencialmente.

“A nossa investigação de formas precoces de replicação molecular e a nossa descoberta da relação entre replicação e translação aproximam-nos da reconstrução da origem da vida”, disse Dieter Braun, líder do estudo, em comunicado divulgado pelo EurekAlert.

Para que tal sistema funcione, é necessário um ambiente desequilibrado para lançamento dos respetivos processos químicos e físicos. Por isso, todas as experiências incluíram uma sequência repetida de flutuações de temperatura.

Cada experiência começou com um padrão, uma estrutura informacional composta por dois tipos de sequências centrais de ADN. Os investigadores demonstraram que, sob condições periodicamente alteradas, a estrutura binária do padrão consegue copiar-se repetidamente.

“Provavelmente, tal mecanismo de replicação existiu no microssistema hidrotermal na Terra primordial”, disse Braun.

Os cientistas sugerem que um ambiente favorável a tais ciclos de reações poderia ter aparecido em rochas porosas no fundo do mar, onde as flutuações naturais de temperatura estão ligadas às correntes de convecção.

O artigo foi publicado este mês na revista científica eLife.

Maria Campos Maria Campos, ZAP //

 

PARTILHAR

1 COMENTÁRIO

  1. mais do que falarmos sobre sobre material organico ou aminos… Para mim o mais importante no surgimento de qq forma de vida ‘e temperatura e agua, resto existe c mais ou menos dificuldade…
    Temperatura certa, pressao talvez menos pressao a coisa vai, mas a agua ‘e exencial…

RESPONDER

No funeral de Filipe, a família real não vai usar uniformes militares "para evitar envergonhar Harry"

No funeral do duque de Edimburgo os membros da família real não vão usar uniformes militares. A quebra na tradição é justificada como medida "para evitar envergonhar" o príncipe Harry. Segundo o The Sun, a decisão …

FBI diz que grupos radicais dos EUA têm fortes ligações com extrema-direita europeia

O diretor do FBI revela que os radicais norte-americanos são os que têm os laços internacionais mais vastos e que se têm deslocado para se encontrarem com outros ativistas. Os norte-americanos de extrema-direita e com motivações …

Nova espécie de pterossauro revela o polegar opositor mais antigo de sempre

Cientistas descobriram uma nova espécie de pterossauro que viveu durante o período Jurássico e que subia às árvores graças aos seus polegares opositores. Esta característica nunca tinha sido observada nestes animais. De acordo com a rede …

Devido ao sucesso da vacinação, Israel põe fim à obrigatoriedade de uso de máscara no exterior

As autoridades israelitas anunciaram hoje que a partir do próximo domingo acabará a obrigatoriedade de uso de máscara no exterior, medida no quadro do levantamento progressivo das restrições ligadas à pandemia de covid-19. Na primavera de …

A rainha Isabel de Castela ficou conhecida por cheirar mal (mas novos documentos põem fim aos mitos)

A famosa rainha Isabel I de Castela, em Espanha, era conhecida por lavar-se pouco e cheirar mal. Contudo, documentos recém-descobertos mostram que possuía uma quantidade enorme de perfumes de grande valor. Isabel I financiou a viagem …

Instagram testa opção que permite ocultar ou mostrar o número de likes

O Instagram vai começar a testar uma nova opção que dá aos seus utilizadores a possibilidade de esconder os likes recebidos nas publicações. Em 2019, a empresa começou por forçar esta mudança, aplicando-a a alguns utilizadores …

Atlético de Madrid: o que aconteceu a João Félix e companhia?

Equipa de Diego Simeone tinha vantagem confortável sobre os dois maiores rivais e, em pouco tempo, só ganhou metade dos pontos que poderia ter ganhado. Ainda lidera mas tem três adversários muito perto. Em Portugal, no …

EUA impõe novas sanções e expulsam dez diplomatas russos. Moscovo promete resposta “inevitável”

O Governo dos EUA anunciou hoje novas sanções financeiras contra a Rússia e a expulsão de 10 diplomatas russos, em resposta a recentes ataques cibernéticos e à interferência na eleição presidencial de 2020 atribuída a …

Rede 5G pode transmitir energia elétrica e substituir baterias

Os investigadores descobriram uma maneira inovadora de explorar a capacidade das redes 5G, transformando-as numa “rede elétrica sem fios” de modo a alimentar dispositivos de Internet das Coisas (IoT) que precisam de baterias para funcionar. Os …

Itália vai enviar réplica de David de Michelangelo para o Dubai

No final de abril, Itália vai enviar uma réplica em tamanho real do famoso David de Michelangelo, feita com impressoras 3D, para a Exposição Universal do Dubai, que se irá realizar de 1 de outubro …