Comissão Europeia ocultou documentos sobre Durão Barroso e o Goldman Sachs

A Comissão Europeia terá ocultado registos de email e de cartas que atestavam a alegada proximidade entre Durão Barroso e o Goldman Sachs, numa altura em que o político português era ainda presidente da instituição europeia.

O Público revela que a Comissão Europeia (CE) “omitiu documentos” sobre o relacionamento entre Durão Barroso, quando foi presidente da instituição, e elementos do Goldman Sachs.

O diário avançou há dias a existência de documentos comprometedores para o político português, no âmbito da polémica da sua contratação por parte do Banco de Investimento, citando onze cartas e emails que lhe terão sido enviadas pela CE.

Mas afinal, além dessa documentação, a CE teria ainda na sua posse outros documentos que atestavam a relação entre Durão e o banco.

Um dado que o Público confirma pelo facto de a organização não-governamental Corporate Europe ter tido acesso a outros emails e cartas, também enviadas pela CE, “revelando convites e aproximações que não constavam dos documentos” a que o jornal teve acesso.

O diário cita “nove emails que se referem a encontros e pedidos do Goldman Sachs a Durão Barroso” que não lhe terão sido enviados pela CE, apesar de o jornal e de a ONG belga, que supervisiona lobbies na política da União Europeia, terem efectuado o pedido pela documentação na mesma altura.

Há em particular um convite feito para “um encontro a sós entre Barroso e Lloyd Blankfein, CEO do Goldman Sachs, sugerido para os dias 11 ou 12 de Outubro de 2013, em Nova Iorque”, escreve o Público.

“Se for possível gostaríamos de o acolher no Hotel Ritz Carlton (1150, Rua 22)”, pode ler-se no mesmo email.

“Os 11 documentos que [o Público] recebeu dizem respeito a todos os documentos encontrados que dizem respeito a reuniões em que o Sr. Barroso ou o seu gabinete mantiveram com o Goldman Sachs”, justifica a CE, contactada pelo jornal.

“Os documentos do outro requerente [a ONG belga] são trocas de correspondência que dizem respeito a reuniões em que o Sr. Barroso e o seu gabinete não asseguraram a sua presença”, adianta a mesma fonte.

Um argumentação que o jornal considera “frágil”, já que “não há nenhuma prova de que todos os convites dirigidos pelo Goldman Sachs que constam dos documentos a que o Público teve acesso tenham, de facto existido” e uma vez que a CE “também não consegue explicar como chega a esta conclusão”.

Entretanto, Durão Barroso volta a repetir no diário que “se enquadra naturalmente nas competências e deveres do presidente da Comissão a realização de contactos com entidades externas”.

Desminto categoricamente qualquer contacto ou relação especial com qualquer entidade financeira durante o exercício dos meus mandatos na Comissão”, diz ainda o ex-presidente da CE.

ZAP

PARTILHAR

6 COMENTÁRIOS

  1. É só máfia.
    O Goldman Sachs domina isto tudo. Este Banco, comprovadamente está, a par com o Lehman Brothers, embora este ultimo só tenha entrado em praticas mafiosas desde que foram para lá os “senhores de Wall Street” e do Goldman, na essencia e origem da crise Mundial, que ainda hoje sofremos as consequências. Eles têm influências em todos os Estados, porque têm politicos que fizeram lá “escola”.
    Esta gente devia ser banida de vez, da Banca, sendo-lhe vedados em definitivo, cargos no setor bancário ou outros que implicassem decisões que afectam Estados. É gente que não tem respeito nenhum por ninguém e muito menos pelo sofrimento dos seus sememlhantes.

  2. Ó TRETAS tem toda a razão, só é pena que esse tal DURÃO BARROSO também incluído nesse grupo de Mafiosos, seja considerado muito importante professor, dando palestras de aldrabice, com uma grande reforma, e ache que tem direito a todas as benesses para ele e toda a família.

  3. Ora o que a Comissão Europeia está a fazer com tudo isto é condenar-se a si própria e a dar provas de que afinal muitos Durões Barrosos existem por lá, se já muitas dúvidas existiam por parte dos cidadãos europeus acerca das instituições europeias mais dúvidas existirão a partir de agora.

  4. Mais uma vez, uma boa noticia vinda da Comissão Europeia… esse cancro da UE, cheio de mafiosos e de interesses contrários aos dos povos europeus (bata olhar para este artista que de lá saiu e para quem o substituiu – assim como a sua vice-presidente); só gente “exemplar”!…

  5. È mais um MAÇON-um ILLUMINAT-um das SECRETAS-CONFRARIAS–IRMANDADES etcettetc………….
    agp

Prisão preventiva para hacker português suspeito de invadir sistema do tribunal eleitoral do Brasil

O hacker suspeito de invadir o sistema informático do Tribunal Superior Eleitoral (TSE) do Brasil, detido no sábado em Portugal, ficou esta segunda-feira em prisão preventiva, disse à agência Lusa fonte ligada ao processo. A PJ, …

Chefe do Governo Hong Kong revela ter "pilhas de dinheiro" em casa por causa das sanções norte-americanas

A chefe do Governo de Hong Kong, Carrie Lam, revelou esta semana ter "pilhas de dinheiro" em casa por causa das sanções norte-americanas. Em declarações à International Business Channel, a líder do Executivo de Hong Kong …

António Mexia e Manso Neto vão deixar gestão da EDP

Os presidentes executivos da EDP e da EDP Renováveis, António Mexia e Manso Neto, ambos suspensos de funções, manifestaram-se indisponíveis para voltar a integrar os órgãos sociais do grupo num novo mandato. Em comunicado à Comissão …

João Ferreira desafia Marcelo a assumir candidatura "o quanto antes"

  João Ferreira, candidato comunista às presidenciais, acredita, como os "todos" os portugueses, que Marcelo Rebelo de Sousa será recandidato, mas desafiou-o esta segunda-feira a dizê-lo "quanto antes", por "uma questão de transparência". “Já todos perceberam o …

Irão. Líder Supremo pede punição pela morte de cientista que liderou programa nuclear

O líder supremo do Irão, o Ayatollah Ali Khamenei, exigiu no sábado punição pela morte do cientista Mohsen Fakhrizadeh, que liderou o programa nuclear de Teerão, enquanto a República Islâmica culpa Israel pelo assassinato. Israel, há muito …

Portugal é o país da UE mais próximo de atingir metas climáticas para 2030

Portugal é o país da União Europeia (UE) mais perto de atingir as suas metas climáticas de redução de emissões até 2030, relativamente aos níveis de 2005, segundo um relatório esta segunda-feira publicado pela Comissão …

Novos casos aumentam mais de 50% em oito concelhos do Norte

O número de novos casos de infeção no Norte aumentou mais de 50% em oito concelhos da região, seis dos quais no distrito de Vila Real e dois em Bragança, segundo o relatório da Administração …

União Europeia convida Joe Biden para cimeira presencial durante presidência portuguesa em 2021

O presidente do Conselho Europeu, Charles Michel, convidou o Presidente eleito dos Estados Unidos, Joe Biden, para uma cimeira presencial no primeiro semestre de 2021, durante a presidência portuguesa da União Europeia. Fontes europeias informaram que …

Maior controlo nas fronteiras não foi eficaz para conter o vírus, diz Cabrita

O ministro da Administração Interna considerou esta segunda-feira que o maior controlo nas fronteiras internas do espaço Schengen, durante os primeiros meses da pandemia, não foi eficaz para conter o novo coronavírus. “Ao nível das fronteiras …

Hospitais de Coimbra estão "muito próximos" do limite de capacidade

O Centro Hospitalar e Universitário de Coimbra (CHUC) está "muito próximo do limite de capacidade" de resposta à covid-19, devido à falta de recursos humanos, disse esta segunda-feira o presidente do conselho de administração da …