“Comia-te toda” não é crime, é só falta de educação

A decisão do Tribunal da Relação de Coimbra que considerou que o uso da expressão “comia-te toda” não constitui crime de injúria está a gerar uma onda de revolta e de indignação e há quem lamente a “pouca sensibilidade” dos magistrados relativamente à violência contra as mulheres.

“Estás cada vez melhor! Comia-te toda! És toda boa! Pagavas o que me deves!” Estas são as palavras que motivaram a apresentação de uma queixa de uma mulher de São Pedro do Sul contra o homem que lhas dirigiu.

O incidente remonta a 23 de Julho de 2015, altura em que não se encontrava ainda em vigor o crime de importunação sexual, incluído no artigo 170.º do Código Penal desde Agosto do ano passado, que visa criminalizar os chamados piropos.

Assim, a mulher apresentou queixa pelo crime de injúrias, mas o Ministério Público considerou que não havia crime, o Tribunal de primeira instância recusou a acusação e a mesma posição teve o Tribunal da Relação de Coimbra, salienta o Jornal de Notícias.

“O que está aqui em causa é apenas falta de educação“, salientam os juízes desembargadores, conforme cita o diário, alegando que as expressões podem “ferir a sensibilidade subjectiva da visada”, mas que “não atingem o patamar mínimo de dignidade ético-penal apto a fazer intervir o tipo de crime de injúria”.

Decisão “chocante” e “anacrónica”

Uma “decisão anacrónica”, segundo refere no Diário de Notícias o professor de Direito da Universidade do Minho Carlos Abreu Amorim, deputado do PSD, o partido que apresentou no Parlamento a lei de criminalização do piropo.

“A honra e a consideração social da mulher é manifestamente lesada com estas expressões”, entende o deputado, que nota que “a decisão errada do tribunal é, no fundo, um elogio ao Parlamento”, por ter tido a coragem de uma intervenção legislativa que, independentemente da maior ou menor sensibilidade do decisor ou do juiz, não deixa margem para dúvidas.

Para a advogada Ana Oliveira Monteiro, que faz parte da Associação Portuguesa das Mulheres Juristas, este caso ilustra a “pouca sensibilidade dos tribunais em relação à violência contra as mulheres”, além de ser uma forma de “desmoralização” relativamente a outras potenciais queixas, conforme declarações ao DN.

“Esta decisão ocorrer no século XXI é chocante“, refere no mesmo diário a professora de Direito da Escola de Direito do Porto da Universidade Católica, Conceição Cunha.

“Se achamos que chamar grande filho deste ou daquele é crime de injúria, então certas observações dirigidas às mulheres também são e ainda mais. E a conjugação do “comia-te toda” com a suposta dívida é muito explícita, sendo que isto ter sido dito num local público ainda é pior”, considera Conceição Cunha citada pelo DN.

A professora de Direito ainda realça que é “certamente uma situação muito mais grave do que chamar cromos a soldados da GNR, algo que o mesmo tribunal já reputou de injúria”, lembrando um caso que ocorreu na Relação de Coimbra, em 2006.

ZAP

PARTILHAR

6 COMENTÁRIOS

  1. Há tempos andou por aí a moda das calças com a cinta descaída em que elas mostravam
    “a chicha” e pouco faltava para se ver a mata.
    Do que é que elas estavam à espera?

Responder a Uhmmm Cancelar resposta

"Não me sinto seguro sem uma". Venda de armas aumentou drasticamente nos EUA

Os EUA continuam a ser um dos países onde os cidadãos comuns têm mais facilidade em comprar armas de fogo. Esta é uma prática recorrente, e mais de um terço das famílias norte-americanas têm uma …

Pássaros de São Francisco aprenderam uma nova (e mais complexa) melodia durante a pandemia

Uma nova investigação científica relata que os pardais-de-coroa-branca de São Francisco, ave que vive nas zonas urbanas e rurais da cidade norte-americana, aprenderam uma nova e mais complexa melodia durante a pandemia. De acordo com …

Enorme espinha dorsal de tubarão-branco dá à costa em Massachusetts depois de uma tempestade

A espinha dorsal que se acredita pertencer a um espécime de tubarão-branco (Carcharodon carcharias) deu à costa numa praia em Massachusetts, nos Estados Unidos, depois de uma tempestade ter atingido a região. A espinha foi encontrada …

A China está a tornar-se o país com maior influência na ONU

Há dez anos, a China começou uma operação que lhe tem vindo a garantir mais influência nas Nações Unidas. Agora, o poder que possui na organização mundial protege o país asiático do escrutínio internacional. De acordo …

Uma droga pode tratar o nanismo (mas há quem defenda o "orgulho anão")

Um estudo vem agora revelar que uma droga pode tratar o nanismo. Porém, a possibilidade de haver um tratamento para esta condição clínica não é consensual. Um novo estudo, financiado pela BioMarin Pharmaceutical e publicado no …

Meghan Markle perde batalha judicial. Em causa está carta que enviou ao pai (divulgada por jornal britânico)

Depois de no passado mês de agosto, Meghan Marke vencer uma batalha judicial contra o Mail on Sunday, desta vez a Duquesa de Sussex não pode festejar mais uma vitória. A norte-americana perdeu a última …

Após acidente, robô-piloto voltou a levantar voo (e pilotou avião durante 2 horas)

O ROBOpilot, um piloto robótico não tripulado, levantou voo pela primeira vez no ano passado, mas sofreu danos durante um dos seus voos. Agora, está apto para voar novamente. No ano passado, um acidente forçou o Laboratório …

David Attenborough bateu um recorde mundial no Instagram (e destronou Jennifer Aniston)

O naturalista britânico David Attenborough destronou a atriz norte-americana Jennifer Aniston e tornou-se a pessoa a alcançar mais rapidamente um milhão de seguidores no Instagram, segundo os números do Guinness. David Attenborough, de 94 anos, …

Indonésia planeia atração turística com dragões de Komodo ao estilo de Jurassic Park

A Indonésia planeia construir uma atração ao estilo da saga Jurassic Park para que os turistas possam ver os famosos dragões de Komodo. De acordo com a revista Vice, em causa está uma proposta de …

Daniel Alves: uma camisola origina duas controvérsias

Internacional brasileiro vai defrontar o River Plate e apareceu com uma camisola do Boca Juniors. Poderá ter quebrado as regras da Conmebol. River Plate e São Paulo vão entrar em campo na próxima madrugada, para um …