Comboio entre Lisboa e Porto vai demorar mais 6 minutos

António ML Cabral / Wikimedia

A viagem de comboio entre Lisboa e Porto vai demorar mais seis minutos já a partir do próximo dia 5 de agosto. A demora é resultado das obras de renovação que decorrem na Linha do Norte, no troço entre Ovar e Gaia, a cargo da Infraestruturas de Portugal.

A Comboios de Portugal garantiu ao Dinheiro Vivo, no entanto, que não vai reduzir o número de viagens realizadas entre Lisboa e Porto.

“O acréscimo do tempo de percurso de alguns comboios decorre das intervenções a realizar na infraestrutura. Por decisão da IP, são definidas limitações de velocidade à circulação dos comboios nos troços em obra”, explicou uma fonte oficial da CP em declarações ao  Dinheiro Vivo.

O aumento no tempo da viagem vai sentir-se nos serviços do Alfa Pendular e no Intercidades. No Alfa Pendular, a viagem entre Lisboa-Santa Apolónia e Porto-Campanhã vai passar a demorar 2 horas e 50 minutos, em vez das atuais 2 horas e 44 minutos. Já a viagem de Intercidades passará a durar 3 horas e 16 minutos em vez das atuais 3 horas e 8 minutos, de acordo com a página oficial da CP.

O primeiro comboio da manhã vai também partir mais tarde: o primeiro comboio de Lisboa para o Porto vai passar a sair às 06h30 (em vez de ser às 06h00); a última viagem mantém o horário de saída às 21h30.

As mudanças de horário também afetam a ligação entre Braga e Lisboa, que irá demorar mais cinco minutos, se a deslocação for feita por Alfa Pendular: 3 horas e 30 minutos (em vez de 3 horas e 25 minutos). A viagem entre estas cidades deverá continuar a durar 3 horas e 56 minutos quando são utilizados os comboios Intercidades.

Não estão previstas mudanças na duração nem no número das viagens nas restantes ligações em curso.

ZAP //

PARTILHAR

5 COMENTÁRIOS

  1. Perdoem-me, mas é uma não-notícia.

    Se fosse uma decisão da CP, arbitrária não motivada, certamente seria (uma má) notícia e um bom convite aos cidadãos a interrogarem-se porquê.

    Dado que a situação é temporária e provocada por trabalhos de manutenção e melhoramento da linha, não vejo qual seja a relevância di evidenciar a coisa nestes termos. Mais, vejo a coisa como demagogia.

    Sendo igualmente útil, não seria muito mais positivo noticiar as “obras de melhoramento na linha do norte” e, como complemento da informação, informar sobre os 6 minutos a mais na viagem? 6 minutos em 164 (2h44) são escasso 3.7%, dificilmente são uma dificuldade acrescida, mesmo para quem viaje para apanhar um avião ou para uma reunião importante de trabalho; ninguém – em perfeito juizo – viaja com 6 minutos de margem…

  2. O problema é que essa linha parece andar constantemente em obras, dá mesmo para perguntar se serão obras a sério ou se todas elas vêm sendo para remediar temporariamente ao longo de tantos anos.

  3. Há 3 anos que faço a viagem Campanhã – Oriente, e raras são as vezes que chego com atraso inferior a 6 minutos. Isto seria uma boa notícia se agora os comboios passassem a chegar à hora certa, mesmo contabilizando estes 6 minutos.
    Obras na linha é já uma desculpa corrente…

  4. Obras na linha ahahahaah. Há anos que se fala da mesma coisa e de milhões e milhões gastos .
    Uma porcaria de uma viagem que não deveria demorar mais de que uma hora , demora quase 2.5 horas .
    Vergonha de um pais terceiro mundista armado em europeu moderno .
    Há mais de 30 anos viajei de Geneve a Paris no TGV , quase 600 km em pouco mais de 2 horas , estes imbecis que nos governam , não conseguem numa viagem de 300 o mesmo tempo .

RESPONDER

Aquecimento global no Pleistoceno elevou nível do mar até 13 metros

O aquecimento global no final do período do Pleistoceno, com temperaturas similares às previstas para este século, reduziu a camada de gelo da Antártida oriental e elevou o nível do mar até 13 metros acima …

Autor dos mais famosos estudos sobre comida viu 13 artigos retirados

O famoso investigador norte-americano está envolvido numa polémica, depois de 13 dos seus estudos científicos terem sido retirados de algumas publicações. É provável que nunca tenha ouvido falar de Brian Wansink mas, tal como recorda o …

NASA observa movimentos tectónicos recentes em Marte

A sonda Mars Express da NASA observou fissuras proeminentes em Marte causadas devido à ação de falhas tectónicas que atingiram a superfície do planeta há menos de dez milhões de anos. As imagens foram capturadas …

Mulher que acusa de abuso juiz nomeado por Trump para o Supremo aceita depor

Christine Blasey Ford, a mulher que acusou de agressão sexual o juiz Brett Kavanaugh, nomeado por Donald Trump para o Supremo Tribunal dos Estados Unidos, aceitou testemunhar perante o Senado, na próxima semana, disse neste …

Hubble deteta radiação nunca antes vista numa estrela de neutrões

Uma invulgar emissão de radiação infravermelha, de uma estrela de neutrões próxima, detetada pelo Telescópio Espacial Hubble da NASA, pode indicar novas características nunca antes vistas. Uma possibilidade é que exista um disco poeirento em redor …

Sócrates acusa direita de estar "empenhada" no processo Marquês

O antigo primeiro-ministro José Sócrates acusou este sábado a direita política portuguesa de estar "empenhada no processo Marquês através da manutenção da procuradora-geral da República". O ex-governante, que esteve neste sábado em Vila do Conde, distrito …

André Ventura vai lançar movimento para destituir Rui Rio

O vereador do PSD em Loures André Ventura vai lançar na próxima semana o movimento Chega, para substituir Rui Rio na liderança e colocar o partido no “espetro ideológico do centro-direita português”. Em comunicado, André Ventura …

Universidade brasileira cria gelado que reduz efeitos colaterais da quimioterapia

Foi criado no Brasil um gelado que ajuda a diminuir os efeitos colaterais da quimioterapia em pacientes com cancro. Desenvolvido por investigadores da Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC), o gelado tem três sabores: morango, …

Irmãos portugueses que combatiam pelo Daesh dados como mortos na Síria

Os irmãos Celso e Edgar foram dados como mortos na Síria, revela o jornal Expresso neste sábado. Os dois portugueses eram jiadistas que combatiam pelo autodenominado Estado Islâmico (Daesh). Em Raqqa eram conhecidos pelo seu nome …

Abate de animais nos canis é proibido a partir deste domingo

A lei que proíbe o abate de animais como medida de controlo da população entra em vigor este domingo, no continente, mas os veterinários alertam para o “pouco esforço que foi feito” de adaptação à …