Colégios de grupo de ex-deputado receberam quase 20 milhões do Estado

 

O grupo de ensino GPS, do ex-deputado do PS António Calvete e por onde já passaram vários ex-políticos, foi o principal beneficiário do Estado, em 2015, no âmbito dos contratos de associação, recebendo quase 20 milhões de euros.

O Ministério da Educação atribuiu 140,7 milhões de euros aos colégios privados, em 2015, destinando quase 20 milhões de euros às 14 instituições de ensino do Grupo GPS – Gestão e Participações Sociais, que têm contratos de associação com o Estado.

Os dados são divulgados pelo jornal Correio da Manhã, que revela que os colégios do grupo GPS são “o maior beneficiário do financiamento do Estado”.

O GPS, de que o ex-deputado do PS António Calvete será o principal accionista, tem recebido apoios estatais anuais que variam entre os 483 mil euros, no caso do Instituto Vasco da Gama, em Leiria, e os 3,46 milhões de euros, no caso do Colégio Miramar, em Mafra, conforme destaca o mesmo jornal.

Por este grupo já passaram vários políticos, além de António Calvete que foi membro da Comissão Parlamentar de Educação, no governo de António Guterres.

Já exerceram funções no GPS José Junqueiro, deputado do PS, Domingos Fernandes, ex-secretário de Estado da Administração Educativa do governo de Guterres, e Paulo Pereira Coelho, ex-secretário de Estado nos governos de Santana Lopes e de Durão Barroso.

Em 2014, as instalações do grupo GPS foram alvo de buscas, por parte da Polícia Judiciária, no âmbito de suspeitas de crimes de corrupção e branqueamentos de capitais.

O Expresso noticiou, na altura, que estaria em causa a “má utilização de dinheiros públicos e de tráfico de influências”, referindo em particular os casos dcolégios do GPS nas Caldas da Rainha – Rainha Dona Leonor e Frei Cristóvão.

O semanário realça que o então secretário de Estado da Administração Educativa, José Manuel Canavarro, e o director regional de Educação de Lisboa, José Almeida, terão tido “papel fundamental” para que ambos conseguissem o financiamento do Estado.

Estes dois dirigentes foram, mais tarde, contratados pelo grupo, salienta o Expresso.

Também uma reportagem da jornalista Ana Leal, da TVI, emitida pelo canal de Queluz em 2012, assinalava os laços entre o GPS e o poder político, frisando as elevadas verbas que o grupo recebia do Estado.

Além do Grupo GPS, há ainda dois grandes beneficiários dos dinheiros públicos, no âmbito dos contratos de associação.

Em 2015, os colégios do Grupo Didáxis receberam cerca de 10,9 milhões de euros e os Salesianos, que têm ligações à Igreja, tiveram direito a 6,8 milhões de euros, conforme dados do CM.

O jornal realça que estes três grupos – GPS, Didáxis e Salesianos – ficaram com cerca de 37,7 milhões de euros do financiamento do Estado pago aos 79 colégios com contratos de associação – o que dá quase 27% do “bolo”.

ZAP

PARTILHAR

9 COMENTÁRIOS

  1. Os dinheiros públicos desaparecem e aos poucos ficamos a saber para onde vai.
    É pena que a culpa em Portugal morre sempre solteira e os contribuintes continuam a pagar. Alguém se anda a alimentar à nossa custa caros concidadãos. Temos que começar a perguntar por este novo subsidio, onde estão os 4,1 M Milhões de euros da CGD.

  2. Estas Noticias de facto, SÃO TODAS ORQUESTRADAS, a desinformação, como diz o Sr. Pinto Balcemão, dá muito dinheiro a ganhas aos media, pois se fizermos as contas, 20 Milhões a dividir por 14 instituições, que não sabemos quantos alunos, docentes e funcionarios têm, porque ai deixa de ser noticia, porque sento assim por mes em media cada escola recebe apenas 120.000 euros, o que pode até ser pouco, não sabemos.
    Esta vaga de Opinão contra as escolas com mais qualidade, e com melhores serviços para a comunidade escolar, parece de facto INCOMODAR muinta gente !!!! Era bom de facto reflectir porque neste pais estupido so sabemos poupar na Educação e na Saude, e será que POUPAMOS alguma coisa com isto??? Não é o que diz o TRIBUNAL DE CONTAS, pois mas esses não são politicos nem representam lobis.

    • Vai lá ver bem essa afirmação do TC porque não corresponde à verdade!
      O TC nunca afirmou tal coisa, existe um texto preliminar de apenas um dos técnicos que alerta nesse sentido. Para tua informação o corpo de técnicos ultrapassa os 30 e este foi o único com esta posição!
      vamos trazer alguma verdade ao debate e não mais confusão, ok?
      Ah e hás-de me dizer em que colégio andaste porque fazer contas não é contigo!
      Já sabemos que os alunos dos colégios têm facilidades para ter melhores notas, é publico que os professores facilitam, porque um colégio com melhores notas é mais bem conceituado. Mais valia teres andado numa escola publica!

  3. E então vem alguém que quer acabar com a mama, tenham lá os interesses instalados, a cor que tiverem e não é de aplaudir?
    Eu tiro o meu chapéu ao actual ministro!

  4. como se viu na reportagem o colégio não era para todos ,aqueles que não tinham capacidades e tinham que fazer mais investimento mandavam-nos para o publico, e nós todos a pagar, por isso tudo que se viu na reportagem por gente que sentiu na pele as atrocidades do poder, concordo que onde ah escolas publicas que se retire de imediato o apoio aos aludidos colégios

  5. Vamos passar a ter colégios para filhos de ministros e outros ricos e escolas públicas para os restantes, quanto aos milhões serão mais facilmente gastos a alimentar professores que não dão aulas e sindicatos que vivem à sombra da lei.

  6. A mama tinha que acabar e o problema dos colégios privados é esse, não é como dizem que vão deixar de prestar um serviço publico, é a mama do estado que vai acabar e muito bem!Querem ir para o privado então paguem que eu também pago!

  7. Fim ao financiamento aos privados… Viva a escola pública… Mais qualidade mais igualdade… Fora com os corruptos… se quererem privado paguem a 100% ou vão para o público!

  8. Acho uma piada a este povo valha nos Deus……..Nas manifs gritam temos direito de escolher, sim estou de acordo mas paguem porque quererem escolher um tipo de escola que dizem ser melhor á conta dos meus imposto…….. Eu cá até ja nem vou á escola….porque tenho de pagar a dos vossos filhos ? A escola publica é tao boa como as outras……assim os vossos filhos ficam a conhecer a conhecer um pouco de como é a vida de outros meninos cujas familias teem menos recursos economicos. No futuroitalvez se tornem adultos mais altruistas e menos frios e insenseveis, e assim os pais podem talvez contar com o apoio deles na velhice….. se ncrecerem apenas a pensar em estatuto social ……cuidado amigo o seu filho quando voce for velho pode se esquecer que voce andou nas manifs a lutar para ele estudar num colegio para meninos especiais e diferentes dos outros ….afinal por cá tambem há descriminação, gritada como se fosse um direito de escolha….Que Deus nos ajuda a todos.

Responder a marco Cancelar resposta

Benfica e Porto estarão interessados na contratação de Pepê

FC Porto e SL Benfica, juntamente com outros emblemas, estarão interessados na contratação do jovem brasileiro do Grêmio, Pepê. O clube pede entre 15 e 20 milhões de euros. Aos 22 anos de idade, Pepê tem …

Diamante de 183 quilates está à venda em leilão angolano

A Sodiam, empresa pública de comercialização de diamantes angolana, lançou na quarta-feira o segundo leilão para venda de diamantes brutos, que inclui uma pedra de 183 quilates, e no qual estão já registadas mais de …

Bruxelas aprova compra de Seguradoras Unidas e AdvanceCare pela Generali

A Comissão Europeia aprovou, esta quinta-feira, a compra das portuguesas Seguradoras Unidas e AdvanceCare ao grupo norte-americano Apollo pelo grupo italiano Generali, um negócio no valor estimado de 600 milhões de euros. O Executivo comunitário adiantou, …

"Rebeldes" que saíram do Partido Conservador concorrem como independentes ou pela oposição

Vários deputados dissidentes ou expulsos do Partido Conservador estão a candidatar-se como independentes ou por partidos da oposição nas legislativas de 12 de dezembro por se oporem ao Brexit negociado pelo primeiro-ministro. O antigo procurador-geral Dominic …

CGD já está a cobrar comissões nos depósitos de instituições financeiras

A Caixa Geral de Depósitos (CGD) já começou a cobrar comissões nos depósitos das instituições financeiras, de modo a tentar contornar a política monetária do Banco central Europeu. A intenção de cobrar comissões nos depósitos de …

Câmara de Oliveira de Azeméis pagou contas de concelhia do PSD, acusa Ministério Público

O Ministério Público (MP) deduziu esta quarta-feira acusação contra 68 arguidos no âmbito da operação “Ajuste Secreto”. Entre os acusados está o antigo autarca da Câmara de Oliveira de Azeméis Hermínio Loureiro, que é a …

PAN defende atribuição de cartão de cidadão a sem-abrigo

A iniciativa recomenda ao executivo socialista, liderado por António Costa, que seja atribuído "um cartão de identificação a todos aqueles que não têm uma casa ou um teto". O PAN apresentou na Assembleia da República um …

Governo quer criar regras especiais para alunos do profissional acederem ao Ensino Superior

O Governo quer criar um modelo de acesso específico para alunos do ensino profissional que queiram prosseguir estudos superiores, uma proposta que chegou a estar desenhada na anterior legislatura, mas que ainda não avançou. Segundo noticiou …

Menos de metade dos médicos do SNS trabalha em regime de exclusividade

Menos de metade (42,9%) dos médicos do Serviço Nacional de Saúde (SNS) trabalha em regime de exclusividade, avança o Jornal de Notícias, citando números da Administração Central dos Serviços de Saúde.  Segundo dados apresentados esta quinta-feira …

Grávidas e crianças até aos 10 anos não devem comer peixe-espada e atum, recomenda Espanha

A Agência Espanhola de Segurança Alimentar e Nutrição publicou novas recomendações no final de outubro para o consumo de determinados tipos de pescado, nomeadamente o atum e o peixe-espada, tubarão ou cação e Lúcio. Em causa …