Coelhinhas da Playboy foram à Lua (e quase ninguém soube durante 25 anos)

Pete Conrad na missão Apollo 12.

Poucos se podem gabar de ter viajado até ao Espaço e ainda menos podem dizer que estiveram no solo lunar. Quatro “coelhinhas” da Playboy, as famosas modelos da revista masculina, marcaram presença na Lua — e nem elas próprias souberam durante décadas.

Tudo isto porque os astronautas da missão Apollo 12 levaram fotografias delas ocultadas entre o equipamento. As fotos, obviamente, não foram autorizadas a serem levadas e tudo não passou de apenas uma partida levada a cabo por um dos astronautas.

Um dos equipamentos utilizados pelos astronautas era uma pequena lista de tarefas. Esta era colocada no pulso dos cosmonautas e composta por um guião daquilo que se esperava que fizessem durante cada uma das duas caminhadas lunares que estavam previstas.

As tarefas variavam entre “colocar bandeira”, “colocar antena de rádio”, “usar martelo”, “fotografar”, etc. O astronauta Pete Conrad tinha uma lista com 34 páginas, enquanto Alan Bean tinha uma com 30. Entre estas páginas, os dois americanos encontraram uma surpresa inesperada: fotos de coelhinhas da Playboy.

Segundo o Fast Company, a partida foi orquestrada por Dave Scott, que retirou as fotografias diretamente da revista da Playboy, fotocopiou num tamanho reduzido e introduziu-as na lista de tarefas. O primeiro a ser surpreendido foi Bean, que deu de caras com a Miss Dezembro 1969, a modelo Cynthia Myers.

NASA

Fotografia da coelhinha da Playboy Cynthia Myers na lista de tarefas de Bean.

A coelhinha estava apenas com um gorro de pai natal e nada mais. Juntamente com a fotografia, estava uma descrição satirizada: “Não te esqueças. Descreve as protuberâncias“.

“Estávamos há duas horas e meia em atividade extraveicular”, contou o astronauta. “Virei a página e lá estava ela. Fui até onde estava Conrad e mostrei-lhe a minha, e ele mostrou a dele”.

Bean diz que não foi dita uma única palavra em gravação, porque alguns poderiam não achar assim tanta piada àquela partida. “Nós rimos tanto que as pessoas acusaram-nos de estarmos bêbados“, disse Conrad.

NASA

“Viste algumas colinas ou vales interessantes?”, lê-se na descrição.

Como não havia transmissão televisiva da missão, tudo ficou mais fácil de ser escondido durante décadas. Só 25 anos depois, em dezembro de 1994, a Playboy publicou um artigo que dava conta deste episódio caricato.

As coelhinhas na lista de Conrad eram a Miss Setembro 1967, Angela Dorian e a Miss Outubro 1967, Reagan Wilson. Na lista de Bean, para além de Myers com o gorro de pai natal, estava a Miss Janeiro 1969, Leslie Bianchini. As próprias modelos nunca falaram publicamente da sua “ida ao espaço”, parecendo desconhecer de todo até à altura em que foi publicado o artigo na Playboy.

A NASA mantém registos de quase todas as páginas das listas de tarefas dos astronautas, que estão disponíveis online no Apollo Lunar Surface Journal. Aí podemos ver as fotografias das quatro coelhinhas, intituladas “Playmate nº 1” e “Playmate nº 2” em ambas as listas.

ZAP ZAP //

PARTILHAR

RESPONDER

Sporting 2-1 Santa Clara | Super-Coates volta a ser herói

Arrancado a ferros… à campeão? O Sporting esteve a poucos segundos de registar o terceiro empate em casa, perante um Santa Clara que não foi em nada inferior aos “leões” e até conseguiu ser superior em …

Os gatos demonstram ser menos leais do que os cães (mas pode haver uma razão)

Ainda existe um estereótipo sobre a diferença entre cães e gatos. Normalmente as pessoas associam os cães a animais amorosos e leais, enquanto os gatos são tidos como distantes e indiferentes. Um novo estudo pode …

O mistério do "lago dos esqueletos" na Índia intriga cientistas há décadas

O Roopkund, localizado na parte indiana dos Himalaias, é um lago glacial com centenas de ossos humanos. E ninguém sabe como foram lá parar. Em 1942, um guarda florestal revelou ao mundo a existência deste lago …

A fronteira mais importante da China é imaginária: a Linha Hu

A Linha Hu, também conhecida como linha Heihe-Tengchong, é uma linha imaginária que divida a China em duas partes com áreas quase iguais. Estende-se da cidade de Heihe até Tengchong. Desenhada pela primeira vez em 1935, …

Algumas pessoas moram em aeroportos durante meses (ou até mesmo anos)

Aeroportos não servem de casa apenas para os sem-abrigo. Há pessoas que, involuntariamente ou não, ficam lá durante meses e, em alguns casos, até mesmo anos. Em janeiro, as autoridades de Chicago prenderam um homem de …

Senado da Carolina do Sul aprova fuzilamento como método de execução

Com esta decisão, a Carolina do Sul poderá converter-se no quarto estado do país a incorporar este método de execução de pena de morte, depois do Utah, Oklahoma e Mississípi. De acordo com a agência noticiosa …

"Oxigénio tornou-se ouro". Criminosos lucram com a sua escassez no México

A pandemia de covid-19 deixou a Cidade do México a atravessar uma grande escassez de oxigénio médico. Criminosos estão a aproveitar para lucrar com a situação. A capital mexicana registou um pico de infeções e hospitalizações …

Meteorito do tamanho de um damasco caiu em França (e os astrónomos precisam de ajuda para encontrá-lo)

Os entusiastas do Espaço estão a ser instados a procurar um meteorito do tamanho de um damasco que caiu no fim de semana passado no sudoeste de França.  O meteorito, com peso estimado em 150 gramas, …

Professora pediu a alunos para fingir que eram escravos e escreverem carta para África

Uma professora de uma escola secundária no Mississippi, nos Estados Unidos, está a ser alvo de críticas devido a uma fotografia de um trabalho de casa divulgada nas redes sociais. Foi pedido aos alunos do 8.º …

Obra de Churchill que pertencia a Angelina Jolie vendida por valor recorde

O quadro pintado pelo antigo primeiro-ministro britânico foi vendido por 8,3 milhões de libras. A pintura foi um presente de Winston Churchill para o presidente dos Estados Unidos, Franklin D. Roosevelt, e agora foi leiloada …