A Coca-Cola oferece 1 milhão de dólares a quem acabar com o açúcar

Um milhão de dólares, ou 850 mil euros – é o que a Coca-Cola paga a quem a ajudar a superar um dos seus maiores problemas: o açúcar. O desafio foi anunciado a semana passada em comunicado no site oficial da empresa.

A Coca-Cola diz que o concurso é um apelo a que investigadores e cientistas tentem encontrar um “composto de origem natural, seguro e com baixa ou nenhuma caloria, que crie a sensação de gosto de açúcar quando usado em bebidas e alimentos”.

O site do desafio The Coca-Cola Company Sweetener Challenge realça que o composto a criar não pode ser “à base de stevia, nem extraído de uma espécie de planta protegida”.

O prazo de envio de propostas termina no dia 18 de janeiro de 2018. A 21 de fevereiro, a marca vai anunciar os dez semifinalistas. Posteriormente, a 11 de abril, serão revelados os três finalistas, e o vencedor será conhecido no dia 3 de outubro de 2018.

Esta hercúlea tarefa é um dos maiores problemas enfrentados pela indústria alimentar, que movimenta anualmente mais de 4 biliões de euros.

De acordo com a Quartz, as pesquisas de mercado mostram que actualmente os norte-americanos consomem 15% menos refrigerantes do que há 15 anos, principalmente por causa de preocupações com a saúde. Tanto as vendas da Coca-Cola como da sua maior rival, a Pepsi, estão em queda nos últimos dez anos no país.

Mas nem todos partilham do entusiasmo que o prémio gerou na comunidade científica. “Achei o valor do prémio um pouco baixo”, diz em entrevista à Quartz Ross Colbert, analista de bebidas da multinacional financeira Rabobank. “Acredito que quem conseguir encontrar a solução pode facilmente ganhar milhões com isso“.

“Que uma empresa como a Coca-Cola tenha recorrido a um concurso público como este mostra bem a pressão a que a indústria dos refrigerantes tem estado submetida nos últimos anos”, diz Colber. “Mas encontrar um substituto saudável para o açúcar é algo como procurar o Santo Graal.”

A associação das bebidas açucaradas a problemas de saúde como a diabetes estão a mudar os hábitos dos consumidores. Com efeito, tem havido não apenas uma tendência de troca dos refrigerantes por outro tipo de bebidas – por exemplo, água – como há um cada vez maior apoio dos contribuintes a medidas de taxação das bebidas açucaradas.

ZAP // Ciberia

PARTILHAR

9 COMENTÁRIOS

  1. Ahahaa! Se é como a Coca Cola diz, que a Coca Cola Zero tem todo o sabor mas sem açucar, porque não retira o açucar das suas receitas (havendo apenas um tipo de Coca Cola) e deixa de se preocupar com isso???? 😛

  2. Podiam usar xylitol. Ótimo para os ossos e dentes, já que os ingredientes da coca-cola provocam desmineralização, principalmente de cálcio.

  3. Mas eu já os contactei sobre a forma de acabarem com a o açucar na Coca-Cola, começam a vender as garrafas vazias, e toda a gente fica a ganhar. Só não sei é se lhes enviei o meu nib correto para a transferência. Vou aguardar. Os tipos da Danone também não me pagaram nada quando lhes sugeri a forma de venderem iogurte com 0% de calorias, que era também venderem as embalagens vazias. Enfim, mal agradecidos.

  4. A escolha do título “A Coca-Cola oferece 1 milhão de dólares a quem acabar com o açúcar” é infeliz. Querem que se descubra um produto que substitua o açúcar, não a sua destruição. Sendo açúcar o mel, a lactose, a frutose, etc., seria uma tarefa hercúlea acabar com o açúcar!

  5. A STEVIA é saudável, sem calorias e mais doce que o açúcar. É precisamente o melhor substituto da cana do açúcar. Não sei porque a Coca-cola rejeita essa solução. Se eventualmente a Stevia ela está em extinção (o que duvido) é porque a indústria alimentar continua a preferir utilizar a cana do açúcar. Mas comecem agora a plantar a Stevia e daqui a uns anos estará tão abundante como a cana do açúcar e resolve-se o problema dos malefícios do açúcar. STEVIA !!

RESPONDER

Ano vai ser "inevitavelmente" de contestação social, avisa CGTP

O secretário-geral da CGTP, Arménio Carlos, disse esta sexta-feira que este ano vai ser “inevitavelmente” de contestação social se o Governo e as empresas continuarem a insistir num modelo de baixos salários. O líder da intersindical …

Maior ameaça ao crescimento português vem de Espanha

Diz o ditado popular que de Espanha nem bom vento, nem bom casamento. Mas, na verdade, o crescimento económico do país vizinho tem contribuído para puxar pela economia portuguesa. Agora, quando se prevê um abrandamento …

Cabo Verde esteve sem Internet durante 24 horas

O arquipélago de Cabo Verde voltou a ter acesso à Internet na tarde desta sexta-feira, cerca de 24 horas depois de uma instabilidade provocada por falhas no fornecedor internacional do serviço. O país tinha ficado sem …

Ventura em operação de charme no Porto depois de um atraso muito criticado no Parlamento

O deputado André Ventura, eleito pelo Chega, tem agendada para este sábado uma verdadeira operação de charme no Porto, com encontros com o presidente da Associação Comercial do Porto e com apoiantes do partido. Iniciativas …

Assistente social acusada de maltratar 14 crianças em centro de acolhimento

O Ministério Público (MP) acusa uma mulher de 46 anos, que era assistente social e diretora técnica de um centro de acolhimento na Maia, no distrito do Porto, de maltratar 14 crianças nesta instituição. De …

Marcelo não vê razão de preocupação com empresas portuguesas de Isabel dos Santos

O Presidente da República, Marcelo Rebelo de Sousa, disse esta sexta-feira ter sinais de que não há razão para preocupação nos setores económicos e empresas portuguesas nas quais a Isabel dos Santos está a vender …

Mina de lítio em Montalegre. "Impactes negativos minimizáveis” e 370 empregos

O Estudo de Impacte Ambiental (EIA) da concessão de exploração de lítio, em Montalegre, conclui que o projeto possui “impactes negativos” que, no entanto, “não são significativos”, “são minimizáveis” e de “abrangência local”. O EIA do …

Cristas faz o mea culpa e abandona o congresso. Corrida à sucessão faz-se a cinco

O 28.º congresso nacional do CDS arrancou este no Parque de Feiras e Exposições de Aveiro com o discurso da líder demissionária Assunção Cristas, que fez uma espécie de mea culpa e agradeceu aos centristas …

Sérgio Conceição sai do FC Porto no fim da época

O treinador do FC Porto, Sérgio Conceição, deixará o comando dos dragões no final da temporada. A derrota em casa com o Braga terá ditado a saída do técnico azul e branco. O técnico do FC …

Joacine quer mais direitos para deputados sem partido. "Está a antecipar" o futuro

A deputada Joacine Katar Moreira, do partido Livre, defendeu esta sexta-feira o alargamento dos direitos regimentais dos deputados não inscritos em partidos. A deputada única do Livre assumiu esta posição no final de uma reunião do …