Cientistas simularam crucificação para resolver mistério do Sudário de Turim

Dianelos Georgoudis / Wikimedia

Imagens do Sudário de Turim contrastada com filtros positivo / negativo e funções matemáticas

Apesar de várias pessoas procurarem há séculos provas da autenticidade do Sudário de Turim, testes de radio-carbono e outros procedimentos têm sugerido que a alegada mortalha fúnebre de Jesus é, na verdade, fraudulenta. 

O Sudário de Turim é um pedaço de pano de linho secular que algumas pessoas acreditam ser o verdadeiro sudário em que Jesus foi enterrado depois de crucificado. Uma equipa de cientistas dos Estados Unidos pretende provar que o Sudário de Turim não é uma falsificação e, para isso, simularam o processo de crucificação de Jesus em voluntários.

A história do Sudário de Turim é já antiga, havendo já há muito tempo pessoas que afirmam que a suposta mortalha mostra o rosto de Jesus e contém as suas manchas de sangue. Em 1988, três laboratórios especializados em datação por radio-carbono de Oxford, Arizona e Zurique dataram a origem do Sudário entre o século XIII e XIV.

Em julho passado, os cientistas forenses Matteo Borrini e Luigi Garlaschelli recorreram a voluntários e as técnicas forenses, como a análise de padrões de manchas de sangue, para simular a forma como o sudário poderá ter ficado coberto de sangue.

Os cientistas chegaram à conclusão que o homem teria que ter sido embrulhado no tecido de uma forma muito irrealista, sugerindo que o famoso artefacto religioso é, provavelmente, uma farsa medieval. Contudo, a investigação não fica por aqui: uma outra equipa de investigadores, do Centro do Sudário de Turim, no estado norte-americano do Colorado, espera desmentir estas descobertas e levar a cabo uma experiência própria.

“Um recente estudo relatado por Borrini e Garlaschelli concluiu, a partir de procedimentos experimentais de fluxo sanguíneo, que os padrões de fluxo de sangue do pulso e antebraço observados no Sudário de Turim são bastante inconsistentes com os estudos. Desta forma, o Sudário de Turim deve ser considerado como uma provável falsificação”, adiantaram os pesquisadores numa nota, devendo apresentar em breve as suas descobertas numa conferência científica nos Estados Unidos.

Para chegar a estas conclusões, os cientistas encenaram uma crucificação, prendendo os voluntários numa cruz de tamanho real com mecanismos especiais para a fixação dos punhos e dos pés. Os voluntários foram escolhidos com base na sua semelhança com a estatura física da marca no Sudário de Turim, sendo depois encharcados com sangue nas áreas das “feridas de pregos” nas suas mãos.

A equipa analisou depois a forma como o sangue fluiu das “feridas”, afirmando que o procedimento experimental oferece uma nova prespetiva sobre o mistério da autenticidade do Sudário de Turim.

PARTILHAR

12 COMENTÁRIOS

  1. Não se compreende a afirmação perentória e gratuita, negando o que outros cientistas bem mais cientistas do que estes aprendizes tem confirmado de autenticidade e verdade. PROVEM…

  2. Aimda tem gente a gastar dinheiro para tentar provar esta farsa? Quando queiram ease guardanapo de uma vez e acabam cpm este desperdicio de recursos?
    Esses ditos cientistas, que vão mas é trabalhar!!

  3. Jesus antes da crucificação, tinha o corpo, literalmente, coberto de sangue, pois foi submetido a uma severa flagelação, colocaram- lhe uma coroa de espinhos na cabeça e durante o percurso até ao gólgota, sofreu várias quedas que contribuiram para mais ferimentos graves. Depois foi crucificado e mais sangue jorrou dos seus pulsos e pés, culminando com a lançada para verificar que estava morto. Após tudo isto, Jesus foi tirado da cruz, nú, e foi envolvido num lençol para ser transportado até ao túmulo pertencente a José de Arimateia – o lençol ainda não era o sudário, pois se fosse o sudário, este ficaria marcado por um enorme borrão de sangue e não por uma imagem em positivo – . Já no sepulcro, o lençol que transportou Jesus, foi-lhe retirado. Sobre uma pedra de superfície lisa, foi estendido metade do lençol de linho puro (sudário de 4 metros) e depois o corpo de Jesus sobre essa parte do sudário na posição de costas. A outra parte do sudário foi dobrada por cima da cabeça até aos pés pela parte da frente do corpo. O sangue de Jesus de Nazaré funcionou como um carimbo sobre o sudário, ficando uma imagem em positivo gravada no sudário. É evidente que o corpo de Jesus foi cuidadosamente colocado sobre o sudário, porque senão, apareceriam alguns borrões de sangue ao longo do mesmo. Este sudário pode pertencer a Jesus, porque aparecem ferimentos na zona da cabeça que tudo indica ter-lhe sido colocada uma coroa de espinhos. A coroa significa rei, e Jesus foi apelidado de ” rei dos judeus”.

  4. últimas noticias: cientistas confirmaram que inferno não exite kkk

    em pleno século XXI falando de inferno ainda, só rindo mesmo

  5. Jesus um homem de 1,80…Kkk, quer prova maior que está pra mostrar que esse trapo não passa de uma farsa? Ele era de etnia palestina, cresceu com uma dieta não muito proteica, numa região onde água é escassa, e as feições que estão estampadas Sali? Parece mais um viking, um nórdico, completamente fora da realidade da região onde teria vivido, sem contar que teriam cuidadosamente ocultado os órgãos genitais, coisa bem característica da época medieval. E aqueles braços então? Com certeza Jesus foi goleiro, levantador de vôlei ou pivô de basquete. ..totalmente desproporcionais. A Igreja Católica até hoje se sustentou com mentiras, corrupção e métodos de terror, quando está acuada, não pensa duas vezes em atacar seus contestadores da forma mais vil e truculenta.

    • O leigo, existe ossadas de judeus com essa altura. A estatura MÉDIA da população era bem baixa, mas não quer dizer que ninguém chegava a essa altura.

Boston Consulting Group eleita para elaborar o plano de reestruturação da TAP

A Boston Consulting Group foi a consultora selecionada para a elaboração do plano de reestruturação da TAP, anunciou esta quarta-feira o presidente do Conselho de Administração do grupo, Miguel Frasquilho, numa carta aos colaboradores a …

Jiménez falhou o primeiro penálti de toda a sua carreira e o Wolves caiu da Liga Europa

O avançado mexicano Raúl Jiménez falhou o primeiro penálti de toda a sua carreira, num jogo a contar para a Liga Europa que acabou por ditar a saída do Wolverhampton. Na mesma jornada, Shakhtar Donetsk …

Mais duas mil detenções na Bielorrússia. Reunião de Riga pede envolvimento urgente da União Europeia

Mais de duas mil pessoas foram detidas na segunda noite de manifestações de protesto na Bielorrússia contra os resultados das eleições presidenciais. A Letónia, Estónia, Finlândia e Polónia concordaram com a marcação de uma reunião …

Humanos podem ter "reciclado" região do cérebro quando aprenderam a ler

Um novo estudo mostra que os seres humanos podem ter "reciclado" uma região-chave do cérebro para os ajudar a dar sentido à palavra escrita. De acordo com o site Science Alert, em testes com macacos-rhesus, os …

Cientistas usam a Lua como espelho gigante para procurar extraterrestres

Os astrónomos ainda não desistiram de procurar vida para lá da Terra e acabam de criar um novo método para encontrar exoplanetas habitáveis, que envolve o uso da Lua como uma espécie de espelho gigante. Especialistas …

Astrónomos descobriram um buraco negro "incapaz" de fazer o seu trabalho

Astrónomos descobriram o que pode acontecer quando um buraco negro gigante não interfere na vida de um enxame de galáxias. Usando o Observatório de raios-X Chandra da NASA e outros telescópios, mostraram que o comportamento passivo …

Homem na casa dos 20 anos morre de peste no Novo México

Um homem na casa dos 20 anos morreu de peste septicémica no estado norte-americano do Novo México, anunciaram as autoridades de saúde deste estado. A vítima, cuja identidade não foi revelada publicamente, viva em Rio …

Cara do pintor italiano Rafael reconstruida para resolver mistério do seu túmulo

Uma equipa de especialistas fez uma reconstrução em 3D da cara do pintor italiano renascentista Rafael. Assim, confirmaram o seu aspeto físico e resolveram o mistério relativamente ao seu túmulo. O rosto do pintor italiano Rafael …

Novo método não-invasivo permite diagnosticar cancro cerebral sem fazer incisões

Diagnosticar tumores cerebrais pode ser difícil e muito invasivo. Agora, uma equipa de investigadores desenvolveu um método para detetar cancro no cérebro sem ser necessária qualquer incisão. Os tumores cerebrais são normalmente diagnosticados através de imagens …

A última plataforma de gelo intacta do Canadá colapsou. Criou um icebergue maior do que o Porto

A plataforma de gelo Milne, no Canadá, fragmentou-se no final do mês de julho, formando vários icebergues, dois dos quais de grandes dimensões. Cientistas ouvidos pela agência noticiosa AP referem que esta era uma plataforma especial, …