Cientistas observam pela primeira vez como uma espécie se transforma noutra

wikipedia.org / CC BY-SA 2.0

A evolução de uma nova espécie observou-se no pássaro conhecido como o tentilhão de Darwin nas ilhas Galápagos.

Pela primeira vez os cientistas foram capazes de observar em tempo real e num ambiente selvagem a evolução de uma espécie para outra completamente nova, reporta o portal Science Alert.

A sequenciação do genoma confirmou a nova espécie do tentilhão de Darwin, natural da pequena ilha Daphne Mayor, no arquipélago de Galápagos, no Equador, e que foi denominada “Big Bird“.

Durante as últimas quatro décadas, cientistas da Universidade de Princeton, nos EUA, e da Universidade de Upsala, na Suécia, realizaram a observação direta da origem desta nova espécie durante um trabalho de campo realizado na ilha. O estudo que detalha os resultados foi publicado na revista Science.

No estudo, percebe-se que duas de pelo menos 15 espécies do tentilhão de Darwin se uniram no processo da chamada hibridação de espécies para criar uma completamente nova, o que ocorreu há 36 anos, segundo a RT.

Em concreto tratou-se de um exemplar masculino da espécie Geospiza conirostris, um intruso em Daphne Mayor, que acasalou com duas fêmeas de uma das espécies nativas da ilha. E foi isto que deu começo a uma nova linhagem.

O estudo explica que a espécie estava completamente isolada, porque o seu canto fora do comum não atraía as fêmeas nativas e teve que se juntar dentro da própria espécie para sobreviver. Este feito só fortaleceu o desenvolvimento da nova espécie.

Durante as secas na ilha em 2002 e 2003, quando a nova linhagem estava na quarta geração, sobreviveram apenas dois exemplares que também se juntaram entre si e produziram 26 crias. Todos, exceto nove, sobreviveram para se reproduzir, produzindo uma linhagem terrivelmente endogamica”, segundo a investigadora Rosemary Grant.

Como os tentilhões híbridos eram maiores que os nativos, puderam aceder a novos alimentos e sobreviver. Ao visitar a ilha em 2012, os investigadores contaram 23 indivíduos e oito pares reprodutores da espécie.

“A novidade deste estudo é que pudemos seguir a aparição de novas espécies na natureza”, comentou Rosemary Grande, citada pela Phys.org. “Durante o nosso trabalho em Daphne Mayor conseguimos observar o acasalamento de duas aves de diferentes espécies e depois acompanhar o que sucedeu para ver como se produziu a especiação“.

Dessa forma, os especialistas destacam que a formação de uma nova espécie não demorou muito tempo e ocorreu em apenas duas gerações: a nova linhagem de Big Bird comportou-se como uma espécie diferente de tentilhões de Darwin após apenas duas gerações.

ZAP //

PARTILHAR

3 COMENTÁRIOS

Parker Solar Probe lança nova luz sobre o Sol

Em agosto de 2018, a Parker Solar Probe da NASA foi lançada para o espaço, tornando-se pouco tempo depois a sonda mais próxima do Sol. Com instrumentos científicos de ponta para medir o ambiente em …

Encontrado no mar das Malvinas navio alemão da I Guerra Mundial 105 anos depois de naufragar

O naufrágio de um cruzador alemão da I Guerra Mundial foi identificado nas Ilhas Malvinas, onde foi afundado pela Marinha britânica há 105 anos. O SMS Scharnhorst foi o principal ativo da esquadra alemã na Ásia …

Boavista 1-4 Benfica | Águia goleia no xadrez do Bessa

O Benfica deu o pontapé de saída da 13ª jornada com uma vitória competente na visita ao Boavista, por 4-1. Num jogo potencialmente perigoso para as aspirações “encarnadas”, frente a um adversário com somente uma derrota …

Cientistas desenvolvem técnica para determinar o humor através da caligrafia

Uma equipa de cientistas estudou a biomecânica dos movimentos das mãos a escrever e a desenhar, e desenvolveu um método para avaliar as propriedades individuais da velocidade de escrita e da pressão do lápis no …

Quase seis mil denúncias de agressões sexuais em viagens da Uber nos EUA

A plataforma de transporte de passageiros Uber divulgou na quinta-feira um relatório, revelando quase seis mil denúncias de agressões sexuais a utilizadores, motoristas e terceiros nos Estados Unidos (EUA), em 2017 e 2018. No relatório de …

Polícia de Los Angeles vai usar dispositivo "ao estilo Batman" para prender suspeitos

A polícia de Los Angeles, nos Estados Unidos, vai adotar, no início do próximo ano, um novo dispositivo, conhecido como BolaWrap 100, que dispara um cinto de fibra sintética a uma velocidade de 200 metros …

Corriere dello Sport defende-se das acusações e garante ser "inimigo do racismo"

O jornal desportivo italiano Corriere dello Sport afirmou esta sexta-feira ser “inimigo do racismo”, defendendo-se das críticas motivadas pela manchete de quinta-feira, com o título “Black Friday” e ilustrada com os futebolistas negros Romelu Lukaku …

Alisadores e tintas para cabelo podem aumentar o risco de cancro da mama

Alisadores e tintas para cabelo são dois produtos comummente utilizados por mulheres. Um novo estudo sugere que estes podem aumentar o risco de cancro da mama, especialmente em mulheres negras. Muitos produtos capilares contêm compostos que …

Black Friday. Marca de cosméticos oferece por engano desconto de 96% e perde 10 milhões em duas horas

Uma falha no site oficial da marca de produtos cosméticos Foreo fez com que o seu artigo mais caro fosse vendido com um desconto de 96%, fazendo com que a empresa sueca perdesse 10 milhões …

Camisola usada por Pelé no seu último jogo foi vendida por 30 mil euros em leilão

Uma camisola usada por Pelé no seu último jogo com a seleção brasileira foi vendida por 30 mil euros num prestigiado leilão de objetos desportivos, realizado na quinta-feira em Turim, Itália. A camisola com o número …