Cientistas encontram a música perfeita para acalmar gatos

Levar o seu gato ao veterinário pode ser uma experiência stressante – tanto para o dono como para o animal. No entanto, um novo estudo mostrou que há uma música perfeita para o acalmar.

A utilização de música tem tornado-se cada vez mais popular na medicina humana, com estudos a mostrar que há uma leque de benefícios, desde melhorar a função motora e cognitiva em pacientes com AVC até reduzir a ansiedade associada a exames médicos, procedimentos de diagnóstico e cirurgia.

Os benefícios da música também estão a ser investigados em gatos e outros animais. Estudos anteriores indicaram que os gatos sob anestesia geral permanecem fisiologicamente sensíveis à música. Além disso, os animais parecem estar num estado mais relaxado quando ouvem música clássica, em comparação com o pop e o heavy metal.

Num estudo mais recente, publicado este mês na revista científica Journal of Feline Medicine and Surgery, investigadores da Louisiana State University, nos Estados Unidos, exploraram os efeitos calmantes de uma música composta especificamente para gatos.

As peças musicais consideradas agradáveis ao ouvido humano geralmente têm uma batida semelhante à frequência de pulso em repouso humano e contêm frequências do alcance vocal humano. Esse princípio foi estendido à música específica para gatos, composta de linhas baseadas em vocalizações felinas, como sons de ronronar e amamentar, e frequências semelhantes à faixa vocal felina, que é duas oitavas mais alta do que para os humanos.

De acordo com um comunicado divulgado pelo EurekAlert, para avaliar os efeitos da música específica para gatos, 20 gatos de estimação ouviram 20 minutos desta música para gatos, 20 minutos de música clássica ou não ouviram nenhuma música em ordem aleatória em cada um dos três exames físicos na clínica veterinária, com duas semanas de intervalo.

A contagem de stress dos gatos foi feita com base no comportamento e postura corporal e nas reações dos gatos e foi atribuída a partir de gravações em vídeo dos exames. A proporção de neutrófilos e linfócitos em amostras de sangue também foi medida para procurar uma resposta fisiológica ao stresse.

O estudo constatou que os gatos pareciam estar menos stressados durante o exame quando ouviam a música específica do gato, em comparação com a música clássica e o silêncio.

Por outro lado, esse efeito não se refletiu na proporção neutrófilos e linfócitos. Os investigadores sugerem que 20 minutos podem não ter sido suficientemente longos para permitir que a música afetasse essa medida.

Ao diminuir os níveis de stress, os cientistas concluem que a música específica para gatos pode não apenas ter benefícios em termos de bem-estar do gato. Os seus donos podem sentri-se seguros de que o seu gato terá uma visita mais confortável e a equipa veterinária poderá avaliar os seus pacientes felinos com mais precisão.

ZAP //

PARTILHAR

RESPONDER

"DeepNude". Inteligência Artificial "tirou a roupa" a mulheres nas redes sociais

A empresa de informação Sensity alertou que mais de 100 mil imagens foram carregadas para um canal de Telegram onde um bot "tirou a roupa" de mulheres. A empresa de segurança Sensity revelou recentemente que existe …

Poluição atmosférica "custa" a cada citadino europeu 1.276 euros por ano

A poluição atmosférica "custa" 1.276 euros por ano a cada cidadão europeu residente em cidades, de acordo com um estudo da Aliança Europeia de Saúde Pública (EPHA) divulgado esta quarta-feira. O estudo chegou ao valor médio …

"Emergência arqueológica". O degelo dos Alpes está a "libertar" artefactos escondidos há milhares de anos

As alterações climáticas podem estar a ajudar os arqueólogos a encontrar artefactos escondidos nos glaciares do Alpes há milhares de anos. O derretimento dos glaciares dos Alpes está a "liberta" objetos que permaneceram congelados no tempo …

Thermite RS3 é o primeiro robô de combate a incêndios dos EUA (e está pronto a entrar ao serviço)

O Corpo de Bombeiros de Los Angeles, nos Estados Unidos, deu as boas-vindas ao mais recente membro da equipa: um bombeiro robótico. O Thermite RS3 é um rover de controlo remoto capaz de bombear milhares de …

Inventor dinamarquês que matou jornalista no seu submarino escapou da prisão (mas já foi apanhado)

O inventor dinamarquês Peter Madsen, condenado a prisão perpétua por torturar e assassinar a jornalista sueca Kim Wall, fugiu da prisão esta terça-feira.  As autoridades dinamarquesas capturaram-no minutos depois. Peter Madsen, o dinamarquês condenado a prisão …

Molécula descoberta por menina de 14 anos pode levar a uma cura para a covid-19

A jovem norte-americana de 14 anos, Anika Chebrolu, descobriu uma molécula que pode levar a uma potencial cura para a covid-19. Enquanto cientistas dos quatro cantos do mundo trabalham no desenvolvimento de uma vacina para a …

Cerca de 1.300 reclusos fogem de prisão no Congo após ataque do Estado Islâmico

Cerca de 1.300 reclusos escaparam de uma prisão na República Democrática do Congo na manhã de terça-feira, após um ataque reivindicado pelo Estado Islâmico, informou a Organização das Nações Unidas (ONU). Embora as autoridades locais tenham …

Amesterdão vai usar flores para impedir que os ciclistas estacionem bicicletas nas pontes

A cidade conhecida pelo uso de bicicletas, vai agora tomar uma medida em relação ao estacionamento destas nas pontes. Tudo para proteger as vistas para os seus famosos canais. Amesterdão orgulha-se de ser uma das cidades …

Morreu voluntário envolvido no ensaio da vacina de Oxford. Tinha 28 anos e era médico recém-formado

As autoridades de saúde brasileiras divulgaram esta quarta-feira a morte de um voluntário dos testes da vacina contra a covid-19, desenvolvida pelo laboratório AstraZeneca e pela Universidade de Oxford. A Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa), …

Milo, o "comunicador de ação" que permite conversar em grupo durante atividades ao ar livre

Chegou o Milo, o novo aparelho que vai revolucionar as aventuras em grupo. Este pequeno dispositivo permite-lhe conversar com o seu grupo à distancia sem precisar de levar o smartphone para o meio da montanha, …