Cientistas dizem poder prever melhor as erupções dos vulcões islandeses

Kris Olin / Flickr

Depois do Eyjafjöll, também o Grimsvötn entrou em erupção

Depois do Eyjafjöll, também o Grimsvötn entrou em erupção

Uma equipa de cientistas revelou este fim de semana ser possível prever melhor as erupções de fumo e cinzas dos vulcões islandeses para evitar o caos nas viagens de avião, como aconteceu em 2010 e 2011 na Europa.

Em abril de 2010, mais de 100.000 voos comerciais foram anulados e oito milhões de passageiros ficaram impedidos de viajar devido às colunas de fumo e cinza libertadas pelo vulcão islandês Eyjafjöll, situado sob o glaciar Eyjafjallajökull.

Os riscos são enormes para a aviação porque as colunas de fumo e cinzas tiram a visibilidade, e podem também prejudicar os motores.

Este fenómeno natural provocou, em 2010, a maior paragem do espaço aéreo na Europa, em tempos de paz, e, um ano mais tarde, outro vulcão islandês, o Grimsvötn, provocou algumas centenas de cancelamentos de voos sobretudo na Escócia e na Alemanha.

O Grimsvötn, situado sob o glaciar Vatnajökull, no sudoeste da Islândia, é o vulcão mais ativo da ilha, mas as suas erupções são cada vez mais curtas.

A erupção de 21 a 28 de maio de 2011 foi a mais importante desde 1873, e as mais recentes remontam a 2004, 1998 e 1983.

DR Sigrun Hreinsdottir

A vulcanóloga islandesa Sigrun Hreinsdottir

A vulcanóloga islandesa Sigrun Hreinsdottir procura decifrar o segredo das entranhas dos vulcões

Uma equipa de cientistas, liderada pela vulcanóloga Sigrun Hreinsdottir, do Centro de Volcanologia nórdica (Universidade da Islândia), procurou decifrar o segredo das entranhas dos vulcões estudando os movimentos do solo à superfície durante a última erupção.

Com uma coluna espessa de cinzas projetada a 20 quilómetros de altura, o Grimsvötn deitou mais cinzas durante 24 horas do que o Eyjafjöll num mês, descreve a equipa num artigo publicado na revista Nature Geoscience.

Para medir as deformações no solo, os cientistas analisaram os dados de vários instrumentos posicionados nas rochas, e relacionaram a pressão com as erupções.

“Prever o surgimento de uma erupção, a sua duração e o seu volume, teria um valor inestimável para a segurança do transporte aéreo”, escrevem Paul Segall, da Universidade de Stanford, na California, e Kyle Anderson, do Observatório Vulcanológico do Havai num editorial publicado na mesma revista.

/Lusa

PARTILHAR

RESPONDER

O tesouro dos Templários pode estar escondido debaixo de uma casa em Inglaterra

Um historiador inglês alega que um edifício histórico em Burton, em Inglaterra, é onde está escondido o lendário tesouro dos Templários. Existem várias lendas sobre um tesouro que alguns templários conseguiram esconder do rei francês Filipe …

O núcleo interno da Terra está a crescer mais de um lado do que do outro

O núcleo interno da Terra está a crescer mais de um lado do que do outro. No entanto, isto não quer dizer que o nosso planeta esteja a ficar inclinado. Mais de 5.000 quilómetros abaixo de …

Incêndios devastam sul da Europa e obrigam a retirar moradores e turistas

Dezenas de aldeias e hotéis foram este domingo evacuados nas zonas turísticas do sul da Turquia devido a incêndios que começaram há cinco dias e já mataram oito pessoas no país, devastando também regiões da …

Há uma empresa a transformar as cinzas de entes queridos em diamantes

Uma empresa norte-americana transforma cinzas de entes queridos — e animais de estimação — em diamantes, que podem ser colocados em anéis ou colares. Lidar com a morte de um ente querido é sempre uma altura …

Pianista de aeroporto ganhou 60 mil dólares em gorjetas

Tonee "Valentine" Carter, que toca piano num aeroporto norte-americano, ganhou 60 mil dólares (cerca de 50.800 mil euros) depois de um estranho partilhar um vídeo seu a tocar. Tonee "Valentine" Carter, de 66 anos, não é …

Youtubers denunciam campanha de fake news contra vacina da Pfizer

De acordo com a imprensa brasileira, uma agência de marketing terá tentado que influenciadores digitais de todo o mundo partilhassem desinformação sobre as vacinas contra a covid-19. A denúncia foi feita por alguns dos influenciadores …

Na Tailândia, a legalização do aborto enfrenta "resistência espiritual"

Desde fevereiro, qualquer pessoa que procure fazer um aborto na Tailândia consegue fazê-lo legalmente, pelo menos no primeiro trimestre. Ainda assim, muitos médicos e enfermeiros recusam-se a levar a cabo o procedimento. A advogada Supecha Baotip …

Haiti. Viúva do presidente assassinado implica seguranças no crime

Martine Moise, a viúva do presidente haitiano Jovenel Moise — assassinado na sua residência por um comando armado no início de julho — descreveu abertamente o ataque e partilhou as suas suspeitas sobre o crime …

Covid-19. Portugal regista 2.306 novos casos e aumento nos internados

Portugal registou este domingo 2.306 novos casos de infeção por covid-19 e mais oito mortes, segundo o boletim epidemiológico da Direção-Geral da Saúde (DGS).  Portugal regista este domingo oito mortes atribuídas à covid-19, 2.306 novos casos …

Birmânia. Líder da junta volta a prometer eleições até 2023, seis meses depois do golpe militar

O líder da junta militar birmanesa, no poder desde o golpe de 1 de fevereiro, comprometeu-se novamente a realizar eleições "até agosto de 2023". “Estamos a trabalhar para estabelecer um sistema multipartidário democrático”, disse, este domingo, …