Cientistas descobriram mutação genética que aumenta a longevidade

Um grupo de cientistas norte-americanos descobriu uma mutação genética numa comunidade Amish dos Estados Unidos. Esta anomalia aumenta a expectativa de vida e diminui o risco de diabetes e doenças cardiovasculares.

Um grupo de cientistas norte-americanos da Universidade de Northwestern, no estado do Illinois, descobriu uma rara mutação genética que, afirmam os cientistas, é capaz de “aumentar a longevidade“.

Segundo o estudo publicado na Science Advances, a mutação genética foi encontrada numa comunidade amish do estado norte-americano do Indiana. Ao todo, 177 pessoas foram analisadas e 43 delas herdaram o gene – algumas na versão normal, outras numa versão modificada chamada Serpine1.

O gene em causa provoca uma forte diminuição da proteína PAI-1, que está relacionada com o envelhecimento das células. Douglas Vaughan, líder da equipa de cientistas, explicou ao The Guardian que se trata de uma “mutação genética rara que, ao que tudo indica, protege os seres humanos contra o envelhecimento biológico“.

Estudos em animais revelaram que níveis reduzidos da proteína PAI-1 podem proteger contra o envelhecimento e doenças relacionadas com a idade. No entanto, até agora não tinha sido detetado o mesmo efeito em humanos.

Os cientistas concluíram que os membros da comunidade amish com esta mutação têm telómeros 10% mais longos do que o resto da comunidade, o que sugere que poderão ter envelhecido mais lentamente que o normal.

O comprimento dos telómeros, estruturas protectoras nas extremidades dos cromossomas que encurtam com a idade, tem sido associado à longevidade.

(dr) Stanford Medicine

Os telómeros (a verde) encontram-se nas pontas dos cromossomas e funcionam como tampinhas de protecção para o ADN celular.

Estes amish “mutantes” vivem tipicamente até aos 85 anos, mais 10 do que os que não têm a versão modificada do gene. O seu estado de saúde está, também, em melhores condições do que o do resto da comunidade: sofrem menos de diabetes e de doenças cardiovasculares, revela o estudo.

Cientistas norte-americanos e japoneses estão agora a testar um medicamento que recrie o efeito desta mutação, reduzindo o níveis de proteína PAI-1 no sangue. O objetivo é proteger mais seres humanos de doenças relacionadas com o envelhecimento, estimulando a longevidade.

O medicamento experimental superou os testes de segurança e está agora na fase 2, que comprovará a sua eficácia em pessoas obesas com diabetes tipo 2. “Estamos muito otimistas”, conclui o especialista Douglas Vaughan.

ZAP //

PARTILHAR

RESPONDER

DGS aconselha grávidas e bebés vegetarianos a tomarem suplementos

A Direção-geral da Saúde recomenda suplementos de vitaminas e minerais para bebés e grávidas com alimentação vegetariana e lembra que a dieta não omnívora no primeiro ano de vida deve estar sempre sob supervisão médica. "A …

Entre os boletins de voto dos emigrantes, também há cheques e contas da luz

Para exercer o seu direito de voto, os eleitores portugueses residentes no estrangeiro deveriam enviar de volta para Portugal a documentação que receberam em casa – um envelope verde com o boletim de voto, dentro …

Ryanair despede 432 trabalhadores em Espanha

A companhia aérea irlandesa Ryanair confirmou esta quarta-feira a sua intenção de despedir em Espanha 432 trabalhadores das suas bases de Girona e Canárias, 327 tripulantes de cabine e 105 pilotos, informou o sindicato USO. Num …

Eleições em Moçambique. Dados preliminares dão vitória a Nyusi

Segundo as projeções de resultados da Sala da Paz, de acordo com valores “preliminares” baseados na leitura dos editais pelos seus observadores, o atual Presidente moçambicano e candidato da Frelimo, Filipe Nyusi, terá sido reeleito …

"Quem acusou Sócrates tem de provar. Se não provar tem de ser punido"

O ex-Presidente brasileiro, Lula da Silva, defende punição de procuradores da Operação Marquês, caso a acusação contra José Sócrates seja arquivada. Esta terça-feira, em entrevista à RTP, Lula da Silva defendeu a punição dos procuradores que …

Na Saúde, Warren torna-se alvo de ataques. Mas o foco é "derrotar Trump"

O maior debate televisivo para umas eleições primárias na história dos EUA juntou 12 candidatos num só palco. Foi o primeiro debate para o qual o ex-vice-Presidente Joe Biden não partiu com vantagem, tendo a …

Trump sugere que os mexicanos são uma ameaça terrorista maior do que o Daesh

O Presidente Donald Trump sugeriu que os mexicanos são uma ameaça muito maior do que o Daesh. Respondendo uma vez mais às críticas sobre ter retirado as tropas dos Estados Unidos (EUA) junto à fronteira …

Grécia. Incêndio em campo de refugiados deixa 600 pessoas sem alojamento

Um incêndio no campo de identificação e registo de migrantes de Vathy, na ilha grega de Samos, deixou 600 refugiados sem alojamento, alertou na terça-feira a organização não-governamental (ONG) Médicos Sem Fronteiras (MSF). "Em Vathy, seis …

Lista candidata à Ordem dos Enfermeiros excluída por ter poucos homens

Uma das listas candidatas às eleições para a Ordem dos Enfermeiros foi excluída por ter poucos homens. A comissão eleitoral nomeada explica que a lista não respeita a lei da paridade, aprovada pela Assembleia da …

“É a desilusão”. PSD queria novos ministros na Saúde, Educação e Justiça

  O PSD defendeu esta quarta-feira que "não há um novo Governo", mas "uma remodelação com alargamento", com um executivo aumentado e "mais partidário", considerando "uma desilusão" a continuidade em pastas como Saúde, Educação e Justiça. "Não …