Cientista da NASA defende que a Terra pode já ter sido visitada por extraterrestres

Wendy Stenzel. Daniel Rutter / NASA

O telescópio espacial Kepler, da NASA

Um cientista da NASA defende que a vida inteligente alienígena pode não ter nada a ver com aquilo que conhecemos e que, portanto, os extraterrestres já podem ter visitado a Terra.

O professor Silvano P. Colombano, cientista computacional no Centro de Investigação Ames da NASA, destaca num relatório publicado pela Agência Espacial Norte-americana, que a vida extraterrestre pode não precisar dos mesmos elementos que os humanos para sobreviver.

“A inteligência que poderemos encontrar e que pode escolher encontrar-nos (se já não o fez) pode não ser de todo produzida por organismos baseados em carbono como nós”, sublinha Colombano.

Assim, “as nossas típicas durações de vida não seriam uma limitação” e “o tamanho do ‘explorador’ pode ser o de uma entidade super-inteligente extremamente minúscula”, acrescenta.

Colombano refere ainda que os extraterrestres podem usar tecnologia que é incompreensível para os humanos e que poderão eventualmente realizar viagens interestelares facilmente, pelo que podem já ter aterrado na Terra.

O cientista da NASA propõe, assim, uma abordagem mais “agressiva” em futuras missões de exploração espacial, salientando que é preciso envolver os físicos no que se pode chamar de “física especulativa” que tem por base as “mais sólidas teorias” que conhecemos, mas que admite “alguma vontade de esticar possibilidades quanto à natureza do espaço-tempo e da energia”.

Colombano também recomenda à NASA que envolva especialistas em “explorações futuristas sobre como a tecnologia pode evoluir, especialmente com Inteligência Artificial, Sistemas de Robótica Evolutiva e simbiose de biologia com máquinas”.

Além disso, aconselha a “envolver sociólogos na especulação sobre que tipos de sociedades poderemos esperar dos desenvolvimentos referidos, e se e como poderão escolher comunicar”.

Ideias que o professor defende como forma de nos levar a adoptar “um novo conjunto de suposições sobre que formas de inteligência e tecnologia maiores poderemos encontrar”, o ponto de partida que ele considera essencial para “começar alguma investigação séria” sobre a procura de vida extraterrestre.

Colombano também nota que nem todos os visionamentos de OVNIs podem ser “explicados ou negados” e apela a que se considerem estes fenómenos como dignos de estudo, de modo a “desafiar algumas das nossas suposições” e apontando para “novas possibilidades para comunicação e descoberta”.

SV, ZAP //

PARTILHAR

15 COMENTÁRIOS

  1. Digam logo a verdade completa. A população merece saber e os que não acreditavam, irão se acostumar. Afinal tudo no universo é criação divina.

  2. O Antigo Testamento da Bíblia relata diversos eventos extraterrestres do Reino de Deus, mas o povo transforma tudo em religião. Inclusive, o profeta Ezequiel viajou num objeto voador conforme registrado em Ezequiel cap. 1.

  3. Este Colombano quando encharca a vela… tem muito que se lhe diga. Esta criatura pode ser apelidada de cientista? E estas vulgaridades podem ser admitidas enquanto ciência? É que se é assim eu conheço, e sou amigo pessoal, de grandes cientistas…sobretudo ao sábado à noite que é quando a ciência mais sobressai do pensamento deles, como resultado do vinho e de umas ervas… para chás… se é que me faço entender.

  4. Já foi visitada? Eles estao sempre a visitar nos. Há muitos avistamentos. Quando a verdade virá ao de cima? Quando vai haver finalmente o disclosure?

  5. Que grande novidade!
    Este cientista diz que a terra já foi visitada por extraterrestres.Daqui a 50 anos vem outro cientista dizer que somos visitados regularmente por extraterrestres. Daqui a 100 anos outro cientista diz que os extraterrestres vivem debaixo dos nossos narizes,tal como Robert Bigalow da Bigalow Aerospace afirmou!
    É um “disclosure” bem,bem lento!zzzzzz
    Zzzzzzz
    Zzzzzz

  6. Sem estar para aqui a dizer que há ou não extraterrestres, não seria interessante pelo menos admitir essa possibilidade? Não foi assim que evoluímos e descobrimos que a Terra afinal não é o centro do Universo? Não foi assim que descobrimos que a Terra não é plana?
    É preciso questionar sempre para evoluirmos, senão ainda estaríamos na mais completa ignorância.

  7. Concordo consigo, Manuel… é preciso, fundamental e essencial, termos a mente aberta… aqueles que tudo negam, pensando que tudo sabem, são afinal, os maiores ignorantes…

  8. Deviam era dizer como são formados os tornados.
    Não é preciso ser gênio para saber.

    Eis que os tornados são formados através de satélites e usam a natureza como desculpa.

    Mas enfim é só mais uma frase esquecida no tempo.

    Tudo acontece com um propósito.

Responder a José Cancelar resposta

Comissão Europeia aprova comercialização da primeira vacina para o Ébola

A Comissão Europeia anunciou no início da semana que concedeu uma autorização para a comercialização da primeira vacina contra o Ébola, designada Ervebo e produzida pela farmacêutica Merck. A vacina estava a ser produzida desde o …

Facebook lança o seu próprio MB Way

O Facebook lançou nos Estados Unidos uma nova funcionalidade para facilitar pagamentos através das quatro principais aplicações do grupo, que é semelhante ao funcionamento das transações com o MB Way. Em comunicado, Deborah Liu, responsável do …

O dilema dos chumbos, o "engano" de Ventura e o "falso liberal". O primeiro debate aqueceu

O primeiro debate quinzenal da legislatura arrancou esta quarta-feira e ficou marcado pelas retenções até ao 9.º ano - Chumba ou não chumba?, quis saber a direita, bem como pelo aumento do salário mínimo nacional …

Sondagem europeia defende tratado internacional que proíba "robôs assassinos"

Quase três em cada quatro pessoas querem que o seu governo colabore com outros países para proibir sistemas letais de armas autónomas. A organização não-governamental Human Rights Watch (HRW) divulgou esta quarta-feira os resultados de uma …

Pentágono está a criar bactérias que detetam explosivos no subsolo

O Pentágono, em conjunto com a empresa de defesa Raytheon, está a desenvolver um sistema capaz de produzir bactérias geneticamente modificadas no subsolo, com o objetivo de detetar explosivos no subsolo. Neste projeto, iniciado pela Agência …

Hospitais voltam a não poder aumentar número de trabalhadores sem visto da tutela em 2020

Os hospitais vão continuar em 2020 impedidos de aumentar o número de trabalhadores sem a autorização prévia do Ministério da Saúde, segundo um despacho a que a agência Lusa teve acesso. O despacho assinado pelo secretário …

Onda crescente de ataques com explosivos alarma Suécia

A Suécia tem visto um aumento sem precedentes de ataques com explosivos. Em outubro, Estocolmo foi alvo de três ataques em apenas uma noite.  Se pensarmos num país com guerras de gangues constantes, o último nome …

Ruben foi libertado depois de passar 11 anos na prisão por crimes que não cometeu

Ruben Martinez Jr. saiu em liberdade do Supremo Tribunal de Los Angeles após ter passado 11 anos na prisão por uma série de assaltos à mão armada que não cometeu. Um homem que passou 11 anos …

Um em cada três portugueses não vai ao dentista ou só vai em caso de emergência

Mais de 30% dos portugueses não vão ao dentista ou só o fazem em caso de urgência e quase 10% não tem qualquer dente, segundo o Barómetro da Saúde Oral de 2019. De acordo com os …

Pintura de Monet rende 25 milhões de euros em leilão

A Sotheby's vendeu por 27,6 milhões de dólares (25 milhões de euros) uma pintura de Claude Monet, "Charing Cross Bridge", na terça-feira à noite em Nova Iorque num leilão de arte impressionista e moderna. O trabalho …