Christine Lagarde será julgada em França pelo caso Tapie

International Monetary Fund / Flickr

Christine Lagarde, diretora-geral do FMI

Christine Lagarde, diretora-geral do FMI

Um tribunal francês decidiu que a diretora-geral do FMI será julgada pelo seu papel no caso que envolveu o Crédit Lyonnais e o empresário Bernard Tapie, quando era ministra da Economia em França.

Em dezembro, um outro tribunal francês já tinha decidido que Christine Lagarde deveria responder na justiça, mas a diretora-geral do FMI recorreu e agora o tribunal de recurso validou a anterior decisão judicial.

A Justiça quer saber se houve negligência numa arbitragem, em 2008, no qual a atual diretora do Fundo Monetário Internacional decidiu a favor de Bernard Tapie.

Esta foi uma disputa que envolvia também o banco público Crédit Lyonnais, acabando por ser atribuída ao empresário uma compensação de 404 milhões de euros.

A antiga ministra será julgada pelo Tribunal de Justiça da República, a instância habilitada a julgar os delitos cometidos por membros do Governo no exercício das suas funções.

O FMI já afirmou que mantém a “confiança” em Lagarde, depois de ter sido anunciada a decisão do tribunal francês.

O Conselho de Administração do FMI, que representa os 189 Estados-membros, “continua a manifestar a sua confiança na capacidade da diretora-geral de desempenhar eficazmente as suas funções”, declarou o porta-voz da instituição, Gerry Rice, em comunicado.

/Lusa

PARTILHAR

1 COMENTÁRIO

  1. Estava a ver que não!…
    Essa mafiosa incompetente foi bem recompensada pelo “excelente” serviço como ministra das finanças de França…

RESPONDER

Há centenas de pessoas em busca de tesouros que não existem na Índia (e a culpa é de um boato)

Moradores de pelo menos três vilas no distrito de Rajgarh, no estado indiano de Madhya Pradesh (MP), passaram a última semana à procura de um tesouro antigo que provavemente não existe. Centenas de aldeões estão a …

João Ferreira diz que Marcelo deixou jovens em situação de "vulnerabilidade" (e elogia lay-off a 100%)

João Ferreira criticou este sábado o atual Presidente da República, Marcelo Rebelo de Sousa por deixar os jovens em situação de "vulnerabilidade". O candidato presidencial João Ferreira afirmou, este sábado, que o Presidente da República, Marcelo …

Marisa Matias critica que apenas 1% do orçamentado seja gasto com cuidadores informais

Marisa Matias, candidata presidencial apoiada pelo Bloco de Esquerda, criticou este sábado que apenas tenha sido executado 1% da verba prevista no Orçamento do Estado para 2020 para os projetos-piloto dos cuidadores informais. Os atrasos e …

Ana Gomes considera "elucidativo" que Sócrates a ataque e elogie Marcelo

Ana Gomes, candidata às eleições presidenciais, considerou “elucidativo” que o antigo primeiro-ministro José Sócrates a tenha atacado e elogiado Marcelo Rebelo de Sousa. Questionada pelos jornalistas sobre o artigo de José Sócrates divulgado na sexta-feira, em …

Só pela profissão, professores "não são grupo de risco"

Graça Freitas reconheceu a importância dos professores "para o funcionamento do país", mas rejeitou considerá-los um grupo de risco esta sexta-feira. Os professores não são considerados um grupo de risco que deva ser integrado entre as …

João Leão infetado com covid-19

João Leão, ministro das Finanças, testou positivo à covid-19. O governante encontra-se assintomático e em confinamento domiciliário. O ministro de Estado e das Finanças, João Leão, testou positivo à covid-19. A informação foi adiantada este sábado …

Ricardo Salgado quer anular multa de 75 mil euros

A defesa de Ricardo Salgado recorreu ao Supremo Tribunal de Justiça para tentar anular uma decisão do Tribunal da Relação de Lisboa que confirmou uma multa de 75 mil do Banco de Portugal por causa …

Portugueses começam a votar nas Presidenciais este domingo. Há 246 mil inscritos

Os portugueses começam a votar já neste domingo, uma semana antes das eleições Presidenciais de 24 de janeiro, no chamado voto antecipado em mobilidade para que se inscreveram mais de 246 mil eleitores. As europeias e …

Maduro ofereceu oxigénio ao Amazonas (quando há venezuelanos a morrerem por falta dele)

O presidente da Venezuela, Nicolás Maduro, ofereceu oxigénio hospitalar ao Estado do Amazonas, no Brasil, para ajudar a combater a falta deste gás devido ao elevado número de casos de covid-19. Uma generosidade que está …

Pior dia da pandemia. Portugal regista 10.947 infetados e 166 mortos em 24 horas

O boletim epidemiológico da Direção-Geral da Saúde (DGS) revela que, este sábado, Portugal atingiu dois recordes num só dia. Portugal voltou a registar um novo máximo este sábado, no dia dois do novo confinamento. Nas últimas …