Cheques que Trump exigiu assinar enviados a pessoas que já morreram

Erik S. Lesser / EPA

Os cheques de estímulo financeiro, que Donald Trump exigiu que tivessem o seu nome, estão a ser enviados a pessoas que já morreram.

Em entrevista ao Wall Street Journal, o Secretário do Tesouro dos Estados Unidos, Steven Mnuchin, admitiu que os cheques de estímulo financeiro do Governo estão a ser enviados para pessoas que já morreram.

“Estamos a verificar as nossas bases de dados, mas pode haver um cenário em que nos falhou alguma coisa, por isso sim, os herdeiros devem devolver esse dinheiro. Não é suposto ficarem com esse pagamento”, afirmou.

Segundo o semanário Expresso, os relatos começaram a surgir, há mais de uma semana, nas redes sociais. “O meu avô recebeu o cheque antes de os meus pais receberem. O meu avô morreu no ano passado”, cita o jornal.

Recorde-se que estes cheques foram alvo de polémica, uma vez que o Presidente norte-americano exigiu que o seu nome aparecesse neles, algo inédito na história do país e que terá atrasado os pagamentos. A exigência deu aso a muitas críticas, com muitos a considerar que Trump fez um aproveitamento político de um departamento do Estado.

Para evitar que esta situação se repita, Chuck Schumer, porta-voz dos democratas no Senado, já adiantou que vai submeter a votação um diploma para “pôr fim à exploração presidencial do dinheiro dos contribuintes para fins de promoção que só beneficiam a sua campanha para a reeleição”, cita o semanário.

Se for aprovado, o diploma irá proibir que o nome do Presidente ou do seu vice apareçam em pacotes de ajuda federal. No entanto, os democratas têm algumas dificuldades, uma vez que estão em minoria no Senado.

Trump não vai renovar diretrizes sobre distanciamento

O Governo considera que esta orientação de prudência, emitida há 45 dias, foi integrada nas recomendações dadas pelos estados sobre a forma como podem começar a aliviar gradualmente as restrições e reabrir as suas economias.

Estas diretivas vão desaparecer porque os governadores estão agora a fazê-lo”, disse Trump aos jornalistas na Casa Branca, aquando da reunião desta quarta-feira com o governador democrata pelo estado do Luisiana, John Bel Edwards.

A economia dos EUA contraiu-se 4,8% primeiro trimestre em termos anuais, um indicador que é precursor dos relatórios sombrios que se aguardam neste verão, uma vez que a pandemia de covid-19 levou ao encerramento de grande parte do país e provocou uma grave recessão.

Trump falou com confiança dos governadores que lideram a retoma nos seus estados, mas a fase de transição não está a correr bem em todas as regiões do país.

“Eu queria dar-lhe os parabéns”, disse Trump a Edwards, elogiando o governador pelo trabalho que fez em Nova Orleães, uma das zonas mais afetadas pelo novo coronavírus.

Os Estados Unidos são o país com mais mortos (59.446) e mais casos de infeção confirmados (mais de um milhão).

ZAP // Lusa

PARTILHAR

1 COMENTÁRIO

RESPONDER

Vacina da Universidade de Oxford para a covid-19 será testada no Brasil

A vacina contra a covid-19 em que trabalham os cientistas da Universidade de Oxford será testada no Brasil, pelo nível de infeção naquele país, revelou esta sexta-feira o Times. Com o declínio nos casos de coronavírus …

Esta noite há um eclipse penumbral da Lua

Esta noite tem bons motivos para atrasar o jantar: ao início da noite desta sexta-feira, haverá um eclipse penumbral da Lua. A Lua vai ficar na penumbra na noite desta sexta-feira. Pouco antes das 21h, em …

Depois de Latifa e Haya, mais uma princesa pediu ajuda para fugir do Dubai (e está desaparecida)

Depois da fuga da princesa Latifa e da princesa Haya do Dubai, outra jovem gravou um vídeo a pedir ajuda para escapar dos seus pais. Agora, está desaparecida. De acordo com o jornal espanhol El País, …

Caso Maddie. Suspeito alemão alvo de nova investigação por crime semelhante na Alemanha

Christian B., de 43 anos, poderá estar associado ao desaparecimento de uma menina de cinco anos, em 2015, na Alemanha. De acordo com a agência DPA, o Ministério Público alemão abriu uma nova investigação sobre o …

À espera de propostas concretas, Jerónimo quer salário pago a 100%

Jerónimo de Sousa admite que só tomará uma posição quanto ao Orçamento Suplementar quando souber as "propostas concretas". Esta sexta-feira, o secretário-geral do PCP, Jerónimo de Sousa, disse que só tomará uma posição quanto ao Orçamento …

Do ruído à reciclagem. No Dia Mundial do Ambiente, associação Zero divulga dados preocupantes

As principais preocupações da associação ambientalista Zero em Portugal são ao nível do desperdício de água, do ruído e da reciclagem. Do excesso de lixo produzido por cada habitante ao ruído em excesso provocado pelo …

Esferográfica pessoal e máscara obrigatórios nas eleições do FC Porto

As eleições do FC Porto estão agendadas para este fim de semana e os sócios que quiserem exercer o seu direito de voto terão de levar uma máscara de proteção individual e uma esferográfica. No comunicado …

Açores sem infetados por covid-19. Último paciente internado recuperou

Os Açores estão oficialmente livres de covid-19. Dois meses e meio depois do primeiro caso na região, os Açores não têm qualquer registo de infetados por covid-19. Vasco Cordeiro, presidente do Governo Regional, anunciou no Facebook …

Miguel Albuquerque ainda pondera candidatura a Belém

O Presidente do Governo Regional da Madeira, Miguel Albuquerque, ainda está a ponderar uma eventual candidatura à Presidência da República. O presidente do Governo Regional da Madeira e da estrutura regional do PSD, Miguel Albuquerque, disse …

Governo reforça oferta de creches e lares com mais espaços e funcionários

O primeiro-ministro, António Costa, considera que "é necessário reforçar em equipamentos como creches, lares ou no apoio domiciliário". Os programas sociais de apoio a idosos vão criar três mil postos de trabalho, anunciou o primeiro-ministro esta …