“Centeno é no Eurogrupo o que a geringonça não o deixou ser em Portugal”

GUE/NGL / Flickr

A eurodeputada Marisa Matias, do Bloco de Esquerda (BE)

Marisa Matias afirmou, em entrevista ao Jornal de Negócios, que se não fosse a geringonça, Mário Centeno seria como ministro das Finanças aquilo que representa enquanto líder do Eurogrupo.

Em entrevista ao Jornal de Negócios esta terça-feira, Marisa Matias afirmou que os últimos quatro anos de geringonça serviram, nem que seja, para controlar Mário Centeno e evitar que o presidente do Eurogrupo se substituísse ao ministro das Finanças português.

“Centeno à frente do Eurogrupo tem tido espaço para dar asas ao que teria sido o seu verdadeiro programa económico em Portugal se não houvesse a geringonça. Provavelmente, está mais confortável como presidente do Eurogrupo do que como ministro das Finanças, onde está condicionado pelo programa resultante do acordo parlamentar”, atirou a cabeça de lista do Bloco de Esquerda às europeias.

Durante a entrevista, Marisa Matias chegou mesmo a destacar a “contradição profunda, e provavelmente insanável”, entre Mário Centeno ministro das Finanças de Portugal, “que tem de responder a um acordo parlamentar”, e o Centeno presidente do Eurogrupo.

Além disso, e apesar dos último quatro anos de proximidade com o Governo do PS, Matias sublinhou que o Bloco de Esquerda continua a defender uma “solução multilateral” da dívida, isto é, a reestruturação da dívida continua uma carta do baralho.

“Muito mais de metade dos países da zona euro tem dívidas acima dos 60% inscritos no tratado orçamental e isso mostra que há um problema de fundo e que alguma coisa não está a funcionar”, começou por dizer a bloquista.

“A dívida não é só resultado do que nos tentaram convencer – padrões de consumo individuais ou com investimento público –, é sobretudo resultado de fatores de dependência externa de Portugal. Temos trabalhado com propostas para limitar esses fatores, em particular no setor energético. O Bloco defende um acordo para uma renegociação multilateral das dívidas públicas“, afirmou.

Para a cabeça de lista do Bloco às eleições europeias, é “inevitável” que a União Europeia avance neste sentido.

É insustentável manter estes níveis de divergência macroeconómica. Nos últimos 20 anos, e com as fragilidades da arquitetura do euro, essa fragilidade agravou-se. Se não começarmos a dirigir-nos aos problemas essenciais, eles caem-nos em cima. O que parece impossível num dado momento torna-se inevitável no momento a seguir”, concluiu.

ZAP //

PARTILHAR

2 COMENTÁRIOS

  1. Esta agora quer pretender fazer acreditar que por cá o Centeno fez bom trabalho graças à camarilha de extremistas que apoiam o governo e que por lá anda à rédea solta pelo meio um grupo de outra ideologia, é pena não ver os podres que se vão criando por cá logo a começar na saúde passando por outros sectores da sociedade, o que andará ela por lá a fazer?

Austrália pondera dar refúgio a quem abandone Hong Kong

O primeiro-ministro australiano disse esta quinta-feira que o Governo está a ponderar dar refúgio aos residentes de Hong Kong que desejem abandonar a ex-colónia britânica devido à nova lei de segurança nacional imposta por Pequim. Scott …

Vieira ainda sonha com Jesus (e a Libertadores pode ajudar no regresso)

O presidente do Benfica, Luís Filipe Vieira, não desistiu de voltar a colocar Jorge Jesus no comando técnico da equipa da Luz e, caso a Taça dos Libertadores não seja realizada, o regresso do treinador …

Marta Temido garante que não há descontrolo em Lisboa (mas assume falhas)

Em entrevista à RTP, a ministra da Saúde garantiu que não há "descontrolo" na evolução da pandemia na região de Lisboa e Vale do Tejo, mas sublinhou que se trata de uma "situação de sobressalto, …

A genética ajuda a determinar o quão afetuosas são as mulheres (mas não os homens)

A genética desempenha um papel importante no nível de afetividade das mulheres, mas o mesmo não acontece entre os homens, concluiu uma nova investigação científica levada a cabo com gémeos. Na nova investigação, recentemente publicada …

Prémio para profissionais do SNS é "uma esmola". "Mais valia terem estado quietos"

Ana Rita Cavaco, bastonária da Ordem dos Enfermeiros, diz que a proposta que prevê prémios e mais férias para os profissionais de saúde é uma "afronta" para enfermeiros. Para a bastonária da Ordem dos Enfermeiros, a …

Tempo de espera para entrega de cartão de cidadão pode chegar a cinco meses

Para fazer o levantamento do cartão de cidadão é preciso fazer marcação e há balcões que só têm disponibilidade para entregar o documento no final do ano. De acordo com a edição desta quinta-feira do …

Físicos explicam por que as mudanças do campo magnético da Terra são mais fracas no Pacífico

Uma nova investigação levada a cabo por físicos da Universidade de Alberta, no Canadá, apresenta uma explicação para o facto de as mudanças no campo magnético da Terra serem mais fracas na região do Pacífico. …

Chovem diamantes no interior de Neptuno e Urano (e já se sabe porquê)

Podem estar a chover diamantes dentro dos corações de Neptuno e Urano. Agora, os cientistas descobriram novas evidências experimentais que mostram como é que isso poderia ser possível. Neptuno e Urano são os planetas mais mal …

Descobertas duas super-Terras na zona habitável de uma das estrelas mais próximas do Sistema Solar

Uma equipa internacional de cientistas encontrou duas super-Terras a orbitar uma das estrelas mais próximas do Sistema Solar. Conduzida pela Universidade de Göttingen, na Alemanha, a equipa de especialistas localizou um sistema formado por pelo …

Sporting 2-1 Gil Vicente | Leão de Plata só sabe vencer

O Sporting cumpriu na recepção ao Gil Vicente, no fecho da 29ª jornada da Liga NOS, e venceu por 2-1, num jogo que pareceu sempre controlado, mas que terminou com emoção. Os “leões” dominaram por completo …