Casinos elogiam legalização do jogo online mas querem exclusividade

triinq / Flickr

O presidente da Associação Portuguesa de Casinos elogiou a decisão do Governo de legalizar o jogo online, adiantando que a organização ainda vai concertar uma reação, mas lembrou que defende, há vários anos, a exclusividade da concessão.

“É bom que o jogo online seja regulamentado e que passe a ser um jogo legal. A forma como vai ser feito pode ser mais ou menos agradável”, afirmou Jorge Armindo, em declarações à agência Lusa esta sexta-feira.

Sublinhando que a Associação Portuguesa de Casinos ainda vai analisar a legislação em causa, para tomar uma posição concertada, Jorge Armindo argumentou que há muitos anos que reclama a exclusividade dos jogos de fortuna e azar.

“A nossa posição tem sido acesa no direito dos concessionários à exclusividade do jogo online, aliás, em consonância com a concessão que nos foi atribuída em 2001 e pela qual, na altura, pagámos largos milhões de euros”, recordou Jorge Armindo.

No entanto, ressalvou, “a conjuntura hoje é diferente da que existia em 2001, [pelo que] vamos ter de analisar com muita atenção aquilo que se nos apresentou ontem e que nós desconhecíamos”.

Governo quer jogo online sem exclusivos

O Governo aprovou esta quinta-feira uma proposta de “regime aberto, por licença, sem concessão de exclusivos” para os jogos online, que seguirá para Assembleia da República na forma de um pedido de autorização legislativa.

Em conferência de imprensa, no final do Conselho de Ministros, o secretário de Estado do Turismo, Adolfo Mesquita Nunes, disse que “o pedido vai já acompanhado dos diplomas que o Governo pretende ver autorizados” e manifestou-se convicto de que a regulamentação dos jogos online ficará concluída “este ano”.

De acordo com Adolfo Mesquita Nunes, “no caso do jogo online, o Governo optou por um modelo aberto, sem concessão de exclusivos”, seguindo “as boas práticas europeias, as recomendações da Comissão Europeia e do Direito comparado”. A autorização de exploração será “concedida mediante a atribuição de uma licença a quem preencher determinados requisitos técnicos, financeiros e de idoneidade previamente definidos”.

A Lusa contactou também a Santa Casa da Misericórdia, que tem a exclusividade da exploração de jogos sociais, mas os responsáveis da instituição escusaram-se a fazer quaisquer comentários.

O secretário de Estado do Turismo referiu na quinta-feira que “a Santa Casa da Misericórdia continua a explorar jogos sociais do Estado e as apostas mútuas, nos mesmos termos em que o tem feito até agora”, acrescentando que “as apostas desportivas à cota de base territorial serão concedidas à Santa Casa, aproveitando a experiência que esta entidade já possui”.

/Lusa

PARTILHAR

RESPONDER

Autarca de Cascais associa festa privada de luxo a “número muito expressivo” de casos

O presidente da Câmara Municipal de Cascais associou este sábado uma festa privada, organizada num clube de luxo na Avenida de Liberdade, a "um número muito expressivo de casos" registado no concelho. "A festa de aniversário …

João Almeida acaba em 4.º e faz história no Giro. É o melhor português de sempre na prova

O português João Almeida (Deceuninck-QuickStep) subiu este domingo ao quarto lugar final da 103.ª edição da Volta a Itália em bicicleta, no contrarrelógio da 21.ª etapa, que 'coroou' o britânico Tao Geoghegan Hart (INEOS). O português …

Santo Stefano paga 8.000 euros por ano a quem quiser viver na vila medieval italiana

Santo Stefano di Sessanio, uma vila medieval em Abruzzo, uma região no lado leste do centro-sul da Itália, está disposta a pagar a quem quiser mudar-se e começar um negócio nesta pequena localidade. Uma pequena vila medieval …

Portugal com mais 19 mortos e 2.577 casos confirmados

Portugal contabiliza este domingo mais 19 mortos relacionados com a covid-19 e 2.577 casos confirmados de infeção com o novo coronavírus, segundo o boletim epidemiológico da Direção-Geral da Saúde (DGS). De acordo com o boletim este …

Espanha decreta novo estado de emergência. Durará seis meses e terá recolher obrigatório

O Governo de Espanha aprovou este domingo o estado de emergência sanitária que permitirá a instauração do recolher obrigatório em todo o país para travar a de casos do novo coronavírus, anunciou o primeiro-ministro. O estado …

CDS quer saber se proibição de deslocações entre concelhos exclui assistir a espetáculos

O grupo parlamentar do CDS-PP questionou este sábado o Governo se a proibição de deslocações durante o fim de semana dos Fiéis Defuntos exclui deslocações para assistir a espetáculos culturais, querendo saber como justifica a …

Pandemia "roubou" dez anos à almofada financeira das reformas

O jornal Público escreve este domingo que dez meses de pandemia foram o suficiente para encurtar em uma década o prazo previsto até ao esgotamento do fundo que serve de almofada financeira para o sistema …

Chicago tem a maior praga de ratos dos Estados Unidos (pelo 6.º ano consecutivo)

Chicago, a cidade mais populosa do estado do Illinois, é, pelo sexto ano consecutivo, aquela que tem a maior praga de ratos dos Estados Unidos. Uma empresa de controlo de pragas garante receber mais chamadas …

Presidente da Samsung morre aos 78 anos

O presidente da Samsung Electronics, Lee Kun-hee, morreu este domingo aos 78 anos, disse o grupo sul-coreano em comunicado. Lee, que transformou o grupo num gigante global das telecomunicações, estava acamado desde um ataque cardíaco em …

Chuva de críticas à F1 em Portimão. Organização promete expulsar quem não cumprir distanciamento

Fotografias das bancadas da Fórmula 1 em Portimão começaram a correr este sábado nas redes sociais, gerando alguma polémica e descansando uma série de críticas, uma vez que as bancadas pareciam ter mais público do …