O cão dos candidatos pode mexer com a corrida presidencial nos EUA

A atitude de um candidato em relação aos cães pode influenciar a popularidade dos candidatos à presidência norte-americana. Este traço pode dizer muito sobre a personalidade dos políticos.

“Nunca confie numa pessoa que não gosta de cães”, diz-se popularmente. Muitos amantes de animais compartilham a crença de que a atitude de uma pessoa em relação aos cães revela algo essencial sobre o seu carácter.

Durante a temporada de campanha política, os americanos estão a decidir quem tem as características, habilidades e temperamento para ser presidente. Como psicólogo de cães e fundador do Canine Science Collaboratory da Arizona State University, Clive Wynne passa muito do seu tempo a estudar a relação entre cães e as pessoas.

Wynne confessa que ficaria muito feliz se a atitude de um candidato em relação aos cães pudesse oferecer uma maneira simples de avaliar a personalidade de um líder, cortando a essência do carácter de uma pessoa e conquistando o seu voto sem precisar de uma avaliação detalhada das suas propostas de política.

Será isto suficiente para escolher um líder? Deve haver pessoas boas com cães maus, ou até mesmo sem nenhum cão, e algumas pessoas notoriamente más que foram amadas pelos seus cães. Wynne quer acreditar que a companhia canina ainda pode dar uma luzes sobre o carácter humano e ajudar a escolher um candidato.

Casa Branca sem cães

Nos últimos três anos, os paparazzi especulam sobre o facto do presidente Donald Trump não ter um cão na Casa Branca. É certamente mais comum que o presidente tenha um cão – talvez porque, como alguém supostamente disse: “Se você quer um amigo em Washington, arranje um cão”.

O Washington Post afirmou que todos os ocupantes da Casa Branca desde William McKinley tiveram um cão em algum momento. Há apenas algumas semanas, Trump disse num comício que ter um cão seria uma “imitação”.

O único cão pelo qual Trump demonstrou entusiasmo durante o seu mandato foi o Malinois belga envolvido no ataque que resultou na morte do líder do grupo do Estado Islâmico Abu Bakr al-Baghdadi. Quanto a al-Baghdadi, Trump disse que “morreu como um cão”.

https://www.instagram.com/p/BqSVOuBluqB/?utm_source=ig_embed

Amigos de quatro patas

Entre os candidatos democratas, Joe Biden compartilha a sua vida com um pastor alemão, Major. Esta pode ser uma boa jogada para a votação uniformizada: os pastores alemães são uma raça preferida de forças militares e policias. Biden sempre preferiu os pastores alemães, mas, pelo no mais recente suavizou a imagem ao adotar um filhote que havia sido exposto a produtos químicos tóxicos e estava a ser tratado.

Elizabeth Warren, que entretanto já desistiu da corrida eleitoral, tem um cão com uma associação mais gentil. O golden retriever, Bailey, recebeu o nome de George Bailey do filme “Do Céu Caiu uma Estrela”. Warren disse que chamou o seu cão de “um homem que era decente, determinado e que via o melhor das pessoas”. O Bailey de Warren é destaque em todas as suas atividades de campanha.

Pete Buttigieg também suspendeu a sua campanha, desistindo efetivamente da corrida. Ele e o seu marido Chasten já tinham um cão, Truman, quando acrescentaram outro, Buddy, à sua casa em dezembro de 2018. A revista Marie Claire considera Buddy e Truman “os mais fofos de toda a política”.

Por outro lado, candidatos como Bernie Sanders e Michael Bloomberg, que entretanto também desistiu, não têm nenhum animal de estimação.

Referências de personagens caninas

É claro que as pessoas sem cães são eleitas muitas vezes. A família Obama não arranjou o seu cachorro, Bo, até três meses após a inauguração. Tendo originalmente indicado o interesse em resgatar um rafeiro, eles acabaram por arranjar um cão de água português de raça por causa das alergias da sua filha Malia.

Embora muitas vezes conhecido como o “Big Dog”, Bill Clinton não arranjou um cão próprio, um labrador retriever, até ao seu segundo mandato na Casa Branca.

O atual presidente, Donald Trump, não tem nenhum cão e, caso seja reeleito, ainda pode arranjar um, embora rumores sugiram que Trump não é um fã de ‘patudos’.

Ainda assim, de 2010 a 2015, o Westminster Kennel Club tinha a tradição de enviar o vencedor do seu espetáculo anual para ser fotografado com Trump na sua torre de Nova Iorque. Imagens da época mostram Trump a abraçar alegremente os cães.

PARTILHAR

RESPONDER

Na Indonésia, são os recém-licenciados quem mais vai sofrer com o impacto económico da covid-19

A covid-19 continua a desacelerar a economia na Indonésia e pode causar graves impactos nos recém-licenciados que entram no mercado de trabalho pela primeira vez. Na Indonésia, o crescimento económico diminuiu para 2,97% durante o primeiro …

Mudanças climáticas ameaçam 60% das espécies de peixes do mundo

Uma nova investigação levada a cabo por cientistas do Instituto Alfred Wegener, na Alemanha, sugere que as mudanças climáticas podem destruir mais espécies de peixes do que se pensavam anteriormente. Se as temperaturas globais subirem …

Engenheiros desenvolvem célula de combustível duas vezes mais eficiente do que a de hidrogénio

Uma equipa de engenheiros da Universidade de Washington, nos Estados Unidos, desenvolveu um novo processo para uma célula de combustível que funciona com o dobro da tensão das células a combustível tradicionais de hidrogénio. O novo …

Preços das bebidas concertados durante anos. Seis supermercados sob suspeita de cartel

Seis grupos de distribuição alimentar e dois fornecedores de sumos, vinhos e outras bebidas, foram acusados pela Autoridade da Concorrência de concertarem preços durante vários anos em prejuízo do consumidor. "Após investigação, a Autoridade da Concorrência, …

Sindicato denuncia mobilização forçada de médicos para tratar surto de Reguengos de Monsaraz

O Sindicado dos Médicos da Zona Sul (SMZS) denunciou hoje o que diz ser uma “mobilização forçada de médicos” pela Administração Regional de Saúde (ARS) do Alentejo para o combate ao surto de covid-19 de …

Novo comboio-bala entra ao serviço na linha Tóquio-Osaka

O mais novo modelo de comboio-bala do Japão - o N700S - entrou ao serviço no dia 1 de julho, numa jornada inaugural de Tóquio a Osaka. A série N700S (sendo que o "S" significa "Supreme") …

Kanye West anuncia candidatura à Presidência dos EUA

O músico norte-americano Kanye West anunciou este sábado, Dia da Independência dos Estados Unidos, a sua candidatura à Casa Branca, depois de ter apoiado anteriormente o atual Presidente e candidato à reeleição, Donald Trump. "Agora devemos …

Vídeo revela, pela primeira vez, como é que o cérebro se livra dos neurónios mortos

Uma equipa de cientistas conseguiu usar, pela primeira vez, uma técnica que "mata" uma célula cerebral isolada e permite observar o processo de limpeza do sistema nervoso em tempo real. A equipa de investigadores conseguiu registar …

Reutilizável, dobrável e esterilizável. Novo "escudo" protege profissionais de saúde

Uma equipa de cientistas desenvolveu, recentemente, um dispositivo dobrável em forma de tenda que atua como um escudo físico para os profissionais de saúde na linha da frente contra a covid-19. A tenda redutora de gotículas …

O Lamborghini mais potente acelera dentro de água. É um iate com 4.000 cavalos

O resultado da primeira colaboração entre a a Lamborghini e os especialistas da Tecnomar é um iate de luxo, com 4.000 cavalos que recria a sensação de condução de um superdesportivo dentro de água. O mais …