Campanha “de inveja” contra o cancro gera polémica

 

(dv) Pancreatic Cancer Action

-

Uma campanha de sensibilização contra o cancro do pâncreas tem sido criticada por mostrar doentes que afirmam querer ter outro tipo de cancro.

A campanha da “inveja”, da ONG Pancreatic Cancer Action, mostra doentes que afirmam que preferiam ter cancro na mama, na coluna cervical ou no testículo.

A entidade alegou, no entanto, que o seu objectivo era mostrar que outros tipos de cancro apresentam maiores taxas de sobrevivência, afirma a BBC.

Contudo, as organizações que lidam com doentes de cancro da mama criticaram a ONG por “colocar um cancro contra o outro”.

‘Todos os cancros são horríveis’

Cerca de oito mil pessoas são diagnosticadas com cancro no pâncreas todos os anos, mas para muitos o diagnóstico chega demasiado tarde – e a única forma de tratamento, a cirurgia, já não pode ser realizada.

Apenas 3% dos doentes conseguem sobreviver por mais cinco anos – muito inferior à taxa de sobrevivência dos tumores de mama (85%), testículo (97%) e coluna cervical (67%).

A média de expectativa de vida para doentes de cancro no pâncreas é de quatro a seis meses.

Ali Stunt, a fundadora da Pancreatic Cancer Action – que sobreviveu à doença – afirma: “Lamentamos se essa campanha foi ofensiva. Os nossos corações estão com qualquer pessoa que seja afectada pelo cancro”.

“Todos os tipos de cancro são horríveis e são algo que não desejo a ninguém”.

Ali Stunt disse ainda: “A nossa campanha não diz que alguém deseja ter cancro, mas que prefeririam trocar o cancro no pâncreas por outro tipo de cancro que oferecesse melhores hipóteses de sobrevivência”.

“Nós seleccionamos de propósito tipos de cancro da campanha que têm taxas significativamente maiores de sobrevivência que o cancro no pâncreas”.

Desafio

“As taxas de sobrevivência são particularmente pequenas para o cancro pancreático, em parte porque os sinais e os sintomas são muito difíceis de encontrar”, disse Jane Maher, o chefe médico da entidade Macmillan Cancer Support, que patrocinou a campanha.

“Temos que assegurar que mais pessoas sejam diagnosticadas em estágios precoces da doença para que tenham mais hipóteses de recuperação”.

Chris Askew, chefe executivo da organização Breakthrough Breast Cancer afirmou contudo: “Nós condenamos qualquer mensagem que indique que um tipo de cancro é preferível a outro”. “Acreditamos que a campanha da Pancreatic Cancer Action faz exactamente isso”.

“Eu ainda não encontrei homem ou mulher portador de cancro da mama que se considere sortudo por ter recebido o diagnóstico”.

E Samia al Qadhi, chefe da Breast Cancer Care afirmou: “Não é útil comparar um cancro com o outro”

“Muitos de nós conhecem alguém que seja afectado por esta terrível doença e sabemos o impacto que ela pode ter nos pacientes e seus familiares”

“A menos que tenha passado por isso, é impossível entender completamente o grande desafio enfrentado pelas mulheres que acordam todos os dias para a realidade brutal do cancro de mama.”

ZAP / BBC

PARTILHAR

4 COMENTÁRIOS

  1. todos os cancros são maus porque para o tratamento a medicina convencional usa por exemplo a quimioterapia .
    a melhor forma de tratamento é a prevenção todos nós poderemos ter células canceriginas mas o nosso sistema imunitário ‘ trata delas ´o pior é quando existe deficiências de vitaminas e o corpo permite que se desenvolvam células más.
    depois hoje tudo em dia vem embalado em plastico , aditivos na comida , demasiado arroz branco , batatas sem pele , pão branco , xarope de milho ,abuso do açucar .
    a poluiçao também não ajuda nada .
    conselho : comer 2 ou 3 vezes carnes por semana sempre com intervalos e ter uma alimentação variada de legumes vegetais e frutas.

  2. Estamos a caminhar a passos largos para uma massificação do cancro a nível mundial. Essa é a agenda da elite cabal, adoecer as pessoas, matar os fracos, e lucrar com a cura dos que se tratarem e curarem! A recente comissão de saúde que decorreu na Assembleia da República foi palco, de mais uma vez, de criminosos disfarçados de médicos, que tiveram a lata de afirmar a público que o cancro vai crescer, “e que não tenhamos dúvidas” disseram eles!

    Claro que vai crescer, e a culpa não é dos médicos, a culpa é das pessoas que continuam a intoxicar-se de 1001 maneiras pelo que comem, pelo que vêem na televisão, pelo que lêem nas revistas cor de rosa, na imprensa, por todo o tipo de alimento que diariamente ingerem quer a nível físico quer a nível cultural! Tudo afecto o Organismo dos Seres-Humanos, o Organismo dos Seres-Humanos é sensível e receptor de vários estímulos internos e externos, quer a nível da alimentação quer a nível dos sentidos!

    Concordo plenamente com o comentário do CARLOS.

  3. Cancro é horrível!
    Eu sofro de policitemia Vera, de que nunca vejo nada publicitado……..
    É uma mutação que origina excesso de glóbulos vermelhos e plaquetas!
    Foi muito difícil os médicos ….??? diagnosticarem, apesar de eu já não dormir….ter perdido 14kgs, ter dores horríveis nas pontas dos dedos dos pés (eram tromboses )…..que me impediam de andar…..com TA muito elevadas e descontroladas…..
    Foi num celebre dia 1/08,que entra um medico de serviço de 26 anos,reumatologista, Dr.Joaquim Polido Pereira, que me salvou a vida!, pois ir-me-iam dar alta, pois estava muito nervosa!!!!! e até quando?? Mas deixo o meu testemunho,como ALERTA…. pois do meu cancro……nunca vi nada escrito, nem falado !!!!!

  4. Todos os cancros são maus. Mas não duvido que aquelas pessoas quisessem mesmo outro tipo de cancro. Se retrata a realidade a campanha não deve ser criticada. O politicamente correto não se deve sobrepor à realidade em questões tão sensíveis.

O Ciclo Solar 25 vai afetar a vida na Terra (e a NASA explica como)

A cada 11 anos, o Sol inicia um novo ciclo solar, marcado por períodos de violentas erupções e explosões magnéticas. Em dezembro de 2019, teve início um novo ciclo solar. Na semana passada, a NASA e …

Criada para prevenir a guerra, a ONU enfrenta um mundo profundamente polarizado

Criada após a Segunda Guerra Mundial para evitar novos conflitos, a Organização das Nações Unidas (ONU) comemora esta segunda-feira o 75.º aniversário, num mundo polarizado que enfrenta uma pandemia, conflitos regionais, uma economia em declínio …

Mulher cai de carro em movimento enquanto grava vídeo para o Snapchat

Uma mulher, que ocupava o lugar do passageiro de um carro em movimento, caiu numa auto-estrada enquanto filmava um vídeo para a rede social Snapchat, no Reino Unido. Segundo a CNN, a mulher estava pendurada na …

Nos Estados Unidos, a venda de discos em vinil ultrapassou a de CD pela primeira vez desde 1986

Pela primeira vez desde 1986, as vendas de discos de vinil ultrapassaram as vendas de CD nos Estados Unidos em 2020. Os números foram apresentados na semana passada pela Associação Americana da Indústria de Gravação, …

Mourinho espera ganhar sem jogar

Tottenham iria defrontar o Leyton Orient mas também no Reino Unido há jogos de futebol em causa por causa do coronavírus. O encontro entre Leyton Orient e Tottenham, relativo à terceira eliminatória da Taça da Liga …

A máfia italiana tem uma nova arma de recrutamento: o TikTok

Os jovens membros da Camorra, organização criminosa aliada à máfia siciliana, estão a recorrer ao TikTok para divulgar o seu estilo de vida e recrutar novos membros. Em maio, um vídeo foi publicado no TikTok que …

Os três segredos para ter um bom sistema imunológico são gratuitos, avisa Fauci

Manter o sistema imunológico saudável é um dos fatores-chave para lidar com a covid-19, o que não implica necessariamente a toma de suplementos vitamínicos. Há uns tempos, quando confrontado com o facto de a atriz Jennifer …

Pinguim encontrado morto no Brasil com uma máscara inteira no estômago

Um espécime de pinguim-de-Magalhães (Spheniscus magellanicus) foi encontrado morto numa popular praia brasileira e a autópsia ao corpo revelou que o animal tinha no seu estômago uma máscara de proteção facial N95. O animal foi …

Trump quer restabelecer sanções ao Irão. ONU rejeita apoiar posição norte-americana

O secretário-geral da Organização das Nações Unidas (ONU), António Guterres, disse que somente apoiará a restituição de sanções ao Irão, exigidas pelos Estados Unidos (EUA), se receber luz verde do Conselho de Segurança. Numa carta dirigida …

Designer holandês desenvolve "caixão vivo" feito com fibras de fungos

Um corpo humano pode demorar cerca de uma década a decompor-se dentro de um caixão. Com o Living Cocoon, o tempo é reduzido para dois ou três anos. Bob Hendrikx, biodesigner fundador da Loop, desenvolveu e …